A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Transformação e utilização de energia pelos seres vivos RESPIRAÇÃO AERÓBIA Prof. Ana Rita Rainho.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Transformação e utilização de energia pelos seres vivos RESPIRAÇÃO AERÓBIA Prof. Ana Rita Rainho."— Transcrição da apresentação:

1 Transformação e utilização de energia pelos seres vivos RESPIRAÇÃO AERÓBIA Prof. Ana Rita Rainho

2 Consoante as condições ambientais, os organismos têm diferentes processos de processamento da glicose. PRODUÇÃO DE ATP

3 Inicia-se no citoplasma com uma etapa comum à fermentação: a glicólise. O resto do processo ocorre na mitocôndria RESPIRAÇÃO CELULAR

4 Membrana externa Membrana interna (cristas) Matriz ESTRUTURA DA MITOCÔNDRIA

5 Inicia-se no citoplasma com uma etapa comum à fermentação: a glicólise. O resto do processo ocorre na mitocôndria RESPIRAÇÃO CELULAR 1 - Glicólise 2 – Formação de acetil-CoA 3– Ciclo de Krebs 4 – Cadeia transportadora de electrões

6 1ª ETAPA: GLICÓLISE Semelhante à fermentação. Única etapa que ocorre no citoplasma. Formação de ácido pirúvico, 2 ATP e NADH.

7 2ª ETAPA: FORMAÇÃO DE ACETIL-C O A Na matriz da mitocôndria Descarboxilação – libertação de CO 2 Oxidação do ácido pirúvico

8 3ª ETAPA: CICLO DE KREBS Acetil Co-A combina-se com composto 4C Oxidações – formação de NADH e FADH 2 2 descarboxilações – libertação de CO 2 Formação de 1 ATP

9 4ª ETAPA: CADEIA TRANSPORTADORA DE e - NADH e FADH 2 cedem os electrões a uma cadeia transportadora H + bombeados para o espaço intermembranar – criação de um gradiente Passagem de H + gera energia para fosforilar o ADP e formar ATP Oxigénio é o aceitador final dos electrões e H +. Forma-se água. V1V2V3

10 Resumindo…

11 A glicólise ocorre no citoplasma. Oxidação do ácido pirúvico e ciclo de Krebs na matriz da mitocôndria (3) Cadeia transportadora de electrões acontece nas cristas mitocondirais (2) LOCALIZAÇÃO

12 RENDIMENTO ENERGÉTICO 2 NADH 6 NADH 2 FADH 2 1 NADH = 3 ATP 1 FADH2 = 2 ATP 38 ATP

13 RENDIMENTO ENERGÉTICO

14 Análise comparativa RESPIRAÇÃO AERÓBIA FERMENTAÇÃO

15 Etapa comum: Glicólise. Ocorrem reacções de oxidação-redução com formação de moléculas transportadoras de electrões (NADH e FADH 2 ). Ambos os processos são vias metabólicas de produção de energia. SEMELHANÇAS

16 DIFERENÇAS Respiração AeróbiaFermentação Tem de ocorrer na presença de O 2, que é o aceitador final de electrões na cadeia transportadora Ocorre na ausência de Oxigénio. Os electrões são utilizados nas reacções de formação dos produtos finais. Os produtos finais são compostos de pouca energia potencial (H 2 O e CO 2 ). Os produtos finais são compostos orgânicos de elevada energia potencial (ácido láctico ou etanol), ou seja, a oxidação não é completa. Rendimento energético: 36 ou 38 ATPRendimento energético: 2 ATP Ocorrem descarboxilações em duas fases: formação de acetil-CoA e no ciclo de Krebs Só ocorrem descarboxilações na fermentação alcoólica O NADH e FADH 2 formados durante o processo são utilizados na última etapa para a formação de grandes quantidades de energia. O NADH formado na glicólise é utilizado na etapa seguinte, mas sem intervir na produção de energia.

17 PRODUÇÃO DE ATP NAS CÉLULAS MUSCULARES O organismo pode recorrer à fermentação láctica para produzir energia em situações de esforço muito intenso e de curta duração. Permite obter ATP mais rapidamente, embora em menos quantidade.

18 COMPLEMENTARIDADE ENTRE A FOTOSSÍNTESE E RESPIRAÇÃO CELULAR

19 Mais material disponível em:


Carregar ppt "Transformação e utilização de energia pelos seres vivos RESPIRAÇÃO AERÓBIA Prof. Ana Rita Rainho."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google