A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Capítulo II Meu Reino não é deste Mundo 02/21. Pilatos...perguntou-lhe: És o rei dos judeus? Respondeu-lhe Jesus: Meu reino não é deste mundo. Se o meu.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Capítulo II Meu Reino não é deste Mundo 02/21. Pilatos...perguntou-lhe: És o rei dos judeus? Respondeu-lhe Jesus: Meu reino não é deste mundo. Se o meu."— Transcrição da apresentação:

1 Capítulo II Meu Reino não é deste Mundo 02/21

2 Pilatos...perguntou-lhe: És o rei dos judeus? Respondeu-lhe Jesus: Meu reino não é deste mundo. Se o meu reino fosse deste mundo, a minha gente houvera combatido para impedir que eu caísse nas mãos dos judeus... 03/21

3 Disse-lhe então Pilatos: És, pois, rei? Jesus lhe respondeu: Tu o dizes; sou rei; não nasci e não vim a este mundo senão para dar testemunho da verdade. Aquele que pertence à verdade escuta a minha voz. (S. JOÃO, 18:33, 36 e 37.) 04/21

4 Os Judeus acreditavam nos Anjos. Para eles, seres privilegiados da Criação. - Não sabiam que os homens podem tornar- se anjos e partilhar da felicidade destes. 05/21

5 - A observância das leis de Deus era recompensada com os bens terrenos, com a supremacia da nação, com vitórias sobre os inimigos. -As calamidades públicas e as derrotas eram o castigo da desobediência àquelas leis. A.K. – E.S.E. 06/21

6 L.E. Q Em que sentido se devem entender... Meu reino não é deste mundo? -Em sentido figurado. O Cristo queria dizer que não reina senão sobre os corações puros e desinteressados... 07/21

7 Por essas palavras, Jesus claramente se refere à vida futura, que ele apresenta, em todas as circunstâncias, como a meta a que a Humanidade irá ter e como devendo constituir objeto das maiores preocupações do homem na Terra. A.K. – E.S.E. 08/21

8 -Dar aos homens luz completa, estes ficariam deslumbrados: não a compreenderiam; Jesus Cristo 09/21

9 - Apresentou a vida futura como um princípio, uma lei da Natureza que age sobres todos; - Todo cristão crê na vida futura; mas com uma idéia ainda vaga, incompleta e falsa em diversos pontos; A.K. 10/21

10 Allan Kardec – E.S.E - Ao duvidar da vida futura, o homem dirige todos os seus pensamentos para a vida e bens terrestres. - Faz de tudo para conseguir os únicos bens que se lhe apresentam reais, cuja perda lhe ocasiona pesares... e transforma sua existência numa perene angústia, infligindo-se...uma verdadeira tortura a todos os instantes. Allan Kardec – E.S.E 11/21

11 - Completa o ensino do Cristo, quando os homens já se mostram maduros para apreender a verdade; - A descrição da vida futura é detalhada... - São racionais as condições ditosas ou não da existência dos que lá se encontram, uma vez que são eles próprios que as pintam. A.K. – E.S.E. O Espiritismo 12/21

12 -A idéia clara e precisa que se faça da vida futura proporciona inabalável fé no porvir. A.K. – E.S.E. 13/21

13 -Esta fé acarreta enormes conseqüências sobre a moralização dos homens, porque muda completamente o ponto de vista sob o qual encaram a vida terrena. A.K. – E.S.E. 14/21

14 A Realeza: Moral ou do mérito pessoal é imperecível, se prolonga e mantém o seu poder sobretudo após a morte; - Razão de Jesus dizer a Pilatos:. A Realeza: Moral ou do mérito pessoal é imperecível, se prolonga e mantém o seu poder sobretudo após a morte; A Realeza Terrestre, se acaba com a vida; - Razão de Jesus dizer a Pilatos:. “Sou rei, mas o meu reino não é deste mundo.” A.K. – E.S.E. 15/21

15 - A divisão entre a visão espiritualista e a visão materialista só existe porque ainda não conseguimos chegar ao equilíbrio entre o que é interior ou exterior em nossa experiência existencial. 16/21

16 -Ainda confundimos a Vida (que é única e eterna) com a Existência (que são múltiplas e efêmeras). Esses bloqueios serão gradualmente removidos com o despertar da mediunidade. Dalmo Duque dos Santos 17/21

17 - O problema está no abuso desses gozos em detrimento das coisas da alma. - Para tais abusos, é que servem estas palavras de Jesus: Meu reino não é deste mundo. Allan Kardec – E.S.E - Deus não condena os gozos terrenos; 18/21

18 - há uma solidariedade entre todas as existências de um mesmo ser, e entre todos os seres de um mesmo mundo e os seres de todos os mundos; -esta vida é apenas um elo no harmonioso conjunto da obra do Criador; Para o Espiritismo: 19/21

19 Com a reencarnação há uma base e uma razão de ser para a fraternidade universal. Esse conjunto, ao tempo do Cristo, os homens não o compreenderiam, eis a razão do consolador prometido. Para o Espiritismo: Allan Kardec 20/21

20 “Rainha entre os homens, como rainha julguei que penetrasse no reino dos céus! Que desilusão! Que humilhação, quando, em vez de ser recebida aqui qual soberana, vi acima de mim, mas muito acima, homens que eu julgava insignificantes e aos quais desprezava, por não terem sangue nobre! Oh! como então compreendi a esterilidade das honras e grandezas que com tanta avidez se procuram na Terra!” Uma Rainha de França-E.S.E. 21/21

21


Carregar ppt "Capítulo II Meu Reino não é deste Mundo 02/21. Pilatos...perguntou-lhe: És o rei dos judeus? Respondeu-lhe Jesus: Meu reino não é deste mundo. Se o meu."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google