A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A Epístola aos Romanos Estudo 06 O que aborreço isso faço O poder salvador da graça Texto bíblico – Romanos 6.1-23.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A Epístola aos Romanos Estudo 06 O que aborreço isso faço O poder salvador da graça Texto bíblico – Romanos 6.1-23."— Transcrição da apresentação:

1 A Epístola aos Romanos Estudo 06 O que aborreço isso faço O poder salvador da graça Texto bíblico – Romanos

2 Um texto áureo que sintetiza o texto do capítulo e o seu subtítulo: Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus (Rm 3.23)

3 Rememorando (Cap.1): É preciso fazer isto para que não percamos de vista o objetivo do apóstolo que era, primeiro, expor o estado pecaminoso da sociedade em Roma.

4 Rememorando (Cap.2): Em segundo lugar o apóstolo queria mostrar também a situação dos crentes da igreja em Roma, especialmente daqueles que sendo judeus convertidos se julgavam privilegiados.

5 Rememorando (Cap.3): Em terceiro lugar o apóstolo queria esclarecer o fato que a justiça de Deus se deu para todos os homens, sem distinção alguma e que todos pecaram e estavam perdidos.

6 Rememorando (Cap.4): Para isto, em quarto lugar, o apóstolo precisava desmistificar alguns personagens que, para os judeus, eram símbolos da preferência de Deus pela nação de Israel.

7 Rememorando (Cap.5): Para então, no capítulo 5 evidenciar para os crentes em Roma que, a justificação do ser humano, só poderia ser alcançada pela graça do Senhor e não pelos ditames da lei.

8 Introduzindo o capítulo 6: Com tais orientações ele estava pronto para mostrar a partir deste ponto de sua carta que a graça além de nos livrar da morte, nos livra do poder do pecado.

9 Deste momento em diante a classe deve estar com a Bíblia aberta para ler em conjunto, por aluno ou por grupo, os versículos que estarão sendo comentados um a um.

10 1. A vida em novidade de vida (Rm 6.1-4) A dialética do apóstolo é notável. Com quatro perguntas ele encosta o crente contra a parede no que diz respeito à sua nova vida em Cristo.

11 Primeira: Pecaremos mais?... (v.1) Segunda: Teremos mais graça?...(v.1) Terceira: Que contradição isto?... (v.2) Quarta: A morte de Cristo não nos deve impedir de sofrermos tais quedas?... (v.3)

12 Para responder então de forma cabal: Fomos, pois, sepultados com ele pelo batismo na morte, para que, como Cristo foi ressuscitado dentre os mortos pela glória do Pai, assim andemos nós também em novidade de vida (v.4).

13 2. A morte do velho homem (v.5-10) Nosso velho viver foi crucificado com Cristo (v.5,6). Se assim morremos para o pecado, com ele ressuscitaremos para a vida eterna (v.7-9).

14 Conclusão esta que leva o apóstolo a escrever sobre Cristo aludindo assim à nova vida do crente: Pois quanto a ter morrido, de uma vez por todas morreu para o pecado, mas quanto a viver, vive para Deus (v.10).

15 3. Quatro palavras positivas (v.11-14) 1ª. Mortos para o pecado, mas vivos para Deus (v.11); 2ª. O pecado não reina sobre nós (v.12); 3ª. Não submetemos nossos corpos ao pecado, mas a Deus (v.13)

16 4ª. E, finalmente, o pecado não tem mais domínio sobre o crente: Pois o pecado não terá domínio sobre vós, porquanto não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça. (v.14).

17 4. Argumentações adicionais (v.15-21) 1ª. Debaixo da graça não nos devemos curvar ao pecado (v.15); 2ª. De quem somos servos hoje? De Cristo ou do pecado? (v.16).

18 3ª.Devemos dar graças a Deus por nos ter dado esta vitória (v.17); 4ª.Por isso somos servos agora da graça de Deus e não do pecado (v.18); 5ª.Assim devemos apresentar nossa vida em sacrifício santo a Deus (v.19);

19 6ª. A lei dava ao homem que vivia no pecado a falsa idéia de justiça(v.20,21): Porque, quando éreis servos do pecado, estáveis livres em relação à justiça. E que fruto tínheis então das coisas de que agora vos envergonhais? Pois o fim delas é a morte.

20 Para concluir então, como que completando o capítulo 3 também (v.22): Mas agora, libertos do pecado, e feitos servos de Deus, tendes o vosso fruto para santificação, e por fim, a vida eterna.

21 Exclama então com num grito de triunfo e de afirmação (v.23): Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus nosso Senhor.

22 Conclusão 1. Você entende o conformismo do crente à vida de pecado Conclusão (I) 1. Você entende o conformismo do crente à vida de pecado? 2. Que é para você andar em novidade de vida?

23 Conclusão 1. Você entende o conformismo do crente à vida de pecado Conclusão (II) 3.Você se considera morto para o pecado? 4.Como você pode evidenciar sua nova vida em Cristo?

24 Conclusão 1. Você entende o conformismo do crente à vida de pecado Conclusão (III) 5.Você se considera em sacrifício vivo para Deus? 6. Você se sente titular da vida eterna com Deus?


Carregar ppt "A Epístola aos Romanos Estudo 06 O que aborreço isso faço O poder salvador da graça Texto bíblico – Romanos 6.1-23."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google