A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Família Real no Brasil A Arte nesse período. A FORMAÇÃO DO SISTEMA DE ARTE NO BRASIL Fatos e datas Importantes: 1804 França faz o bloqueio continental,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Família Real no Brasil A Arte nesse período. A FORMAÇÃO DO SISTEMA DE ARTE NO BRASIL Fatos e datas Importantes: 1804 França faz o bloqueio continental,"— Transcrição da apresentação:

1 Família Real no Brasil A Arte nesse período

2 A FORMAÇÃO DO SISTEMA DE ARTE NO BRASIL Fatos e datas Importantes: 1804 França faz o bloqueio continental, que impedia todos os países Europeus a negociar com a Inglaterra Napoleão decretava o bloqueio continental no intuito de isolar a Inglaterra, esperando impedir o comércio dos países europeus com esta e levar a ind. Inglesa a falência França invade Portugal, fazendo que Portugal alie-se a Inglaterra para ajudar a família Real a fugir p/ o Brasil vinda da família real (fugindo de Napoleão) 1816 Missão artística Francesa

3 O QUE ACONTECE COM A VINDA DA FAMILIA REAL Estatuto de colônia / Reino Unido Abertura dos portos brasileiros, a nações amigas Fim do pacto colonial(colônia atrelado à metrópole, sem poder de comercializar com outras nações) Liberação da plantação de oliveiras e amoreiras Criação do banco do Brasil Criação da tipografia (1808), 1º. Jornal oficial: A Gazeta do RJ Estimulo p/ criação de museus (1818). Museu Nacional Biblioteca Nacional/RJ Faculdades (prof estrangeiros- missão Francesa) 1816 Jardim botânico – escolas Escola de medicina – salvador e RJ Museu de minerologia Com o intuito de fomentar a cultura e a modernização do Brasil, D.João VI, traz da França artistas liderados pelo museólogo JOACHIN LEBRETON.

4 Artistas e obra da M.A.F Os artistas que pra ca vieram, desenvolveram seus trabalhos no estilo europeu, na época o Neoclassicismo (retorno aos padrões da arte clássica). Retrataram usos e costumes brasileiros. Principais artistas: Auguste-Marie Taunay ( ) Escultor Auguste-Henri Grandjean de Montigny ( ) Arquiteto Jean-Baptiste Debret ( ) Pintor Nicolas-Antoine Taunay ( ) Paisagista Charles Simon Pradier( ) Gravador Marc Ferrez ( ) Pintor/escultor Zéphirin Ferrez ( ) Pintor/escultor

5 Pinturas de Taunay encomendadas por D.JoãoVI

6 Morro de Sto Antonio, 1816 Museu de Belas Artes,RJ

7 Jean-Baptiste DEBRET Servia a republica francesa, partidário do ideário revolucionário (contra a monarquia), veio ao Brasil, pois com a queda de Napoleão não tinha mais trabalho. Não foi para Rússia, pois a mesma havia derrotado Napoleão. Coroação de Dom Pedro I Imperador do Brasil- ( SÉC XIX)

8 DEBRET Lavadeiras do Rio das Laranjeiras, 1826 Aquarela 16,6x22,3cm

9 Caçador de escravos, c Museu de Arte de SP

10 Castido de Escravo

11 CHARLES PRADIER RETRATO DE D.JOÃO VI(s/d) Museu Nacional de Belas Artes, RJ

12 Outros Artistas Estrangeiros: Além da M.A.F, artistas de outros países vieram ao Brasil. Alguns atraídos pela luminosidade natural abundante e pela burguesia rica que queria ser retratada. Outros financiados pelos governos de países distintos ou pelos nobres ricos. Artistas que ressaltaram a paisagem brasileira: *Thomas Endres ( ) Austria *Johann Moritz Rugendas ( ) Alemanha Rugendas, veio ao Brasil como desenhista, financiado pela missão do Barão Langsdorff( ), em Retratou paisagens, pessoas e situações no inicio do Séc XIX. Usa a técnica de Litografia. Como resultado dessa visita, publica o livro: VIAGEM PITORESCA ATRAVES DO BRASIL, em 1835 (Paris), mostrando mais de 200 imagens de nossa terra.

13 ENDER AQUARELA

14 VISTA DO RIO DE JANEIRO( ) AQUARELA

15 RUGENDAS CABANA DE INDIOS

16 PUNIÇÃO PUBLICA

17 NEGRA E NEGRO

18 LITOGRAFIA

19 NEOCLASSICISMO OU ACADEMICISMO No Brasil ocorre nas primeiras décadas do séc XIX, foi dirigido com a chegada da M.A.F. inspiravam-se na arte grega antiga, buscavam uma arte ideal de beleza, de formas harmônicas. Queriam expressar as virtudes cívicas, o dever, a honestidade e a austeridade, temas oponentes a frivolidade da aristocracia do Barroco e do Rococó. Os acadêmicos seguiam os padrões trazidos pela M.A.F:a beleza perfeita é um conceito ideal; não existe na natureza. Tentam criar a beleza ideal por meio a imitação dos clássicos. Seguiam rígidos princípios no desenho, nas cores e temas - mitológicos, religiosos e históricos.

20 Esquema do ACADEMICISMO NO BRASIL 1ª Geração Academica 1816: M.A.F (missão artística Francesa) 2ª Geração Academica 1840: *fato importante: ocorre entre 1865/70 – Guerra do Paraguay Artistas: Araujo Porto Alegre(Barão de Sto Angelo,influencias românticas/vanguardas), Vitor Meireles, Pedro Américo(pintores oficiais de D. Pedro II, episódios ousados, históricos), Simplicio de Sá. 3ª Geração Academica: Processo de modificações mais evidente rumo a arte Européia da virada do séc( realismo, pontilhismo, simbolismo, art noveau,impressionismo) Artistas: Rodolfo Bernadeli, Henrique bernadeli, Ameida Jr(grande artista do momento- enfoca problemas do paulista), Antonio Parreiras, Rodolfo Amadeo,Belmiro de Almeida, Pedro Weigartner, Eliseo Visconti.

21 LINHA DO TEMPO FATOS IMPORTANTES M.A.F(1ª geração) º reinado Palacio Imperial de Belas Artes 1822/1840- período regencial, de 1822/1889- Monarquia Maioridade de Dom Pedro II, segundo reinado( 2ª geração) Proclamação da republica(3ª geração) semana de Arte Moderna Revolução de 30

22 ARTISTAS BRASILEIROS: AUGUSTO MULLER ( ) Baronesa de Vassouras, (s/d) Óleo s/ tela – 150x94 cm

23 Pedro Américo de Figueiredo e Melo( ) INDEMPENDENCIA OU MORTE,1888 ÓLEO S/ TELA – 760X415CM

24 Victor Meirelles ( ) PRIMEIRA MISSA NO BRASIL, 1860 ÓLEO S/TELA – 268X356

25

26 José Ferraz de Almeida Jr O DERRUBADOR BRASILEIRO, 1879 ÓLEO S/ TELA – 227X182 CM

27 AMOLAÇÃO INTERROMPIDA, 1894 ÓLEO S/ TELA – 200X140CM

28 CAIPIRA PICANDO FUMO

29 Antônio Diogo da Silva Parreiras ( ) IRACEMA, 1909 ÓLEO S/ TELA 250X160CM

30 CANTO DA PRAIA, 1886 ÓLEO S/ TELA 55,4X99,4CM

31 Eliseu D’Angelo Visconti (1866 – 1944) CERÃMICA AZUL,1900

32 CARTAZ DO PANO DE BOCA DO CASSINO ANTÁRTICABAS DE PORTIERE

33 GIOVENTÙ,1898 ÓLEO S/ TELA 65X49CM

34 ORÉADAS, 1899 ÓLEO S/ TELA 200X108CM

35 ECLETISMO COM O FIM DO IMPÉRIO E COM A VONTADE DE ROMPER O ELO QUE TINHA COM PORTUGAL, O BRASIL SE MOSTRA AO MUNDO COMO “UM NOVO PAÍS”. APARECE PRINCIPALMENTE NA ARQUITETURA. UMA MESCLA DE ELEMENTOS DE OUTROS ESTILOS COMO: LINHAS CURVAS DO BARROCO PAREDES LISAS E ORNADAS PELO DOURADO DO ROCOCÓ COLUNAS E ARCOS DO NEOCLASSICISMO

36 MUSEU DA POLICIA CIVIL,1912-RJ

37 TEATRO MUNICIPAL/RJ


Carregar ppt "Família Real no Brasil A Arte nesse período. A FORMAÇÃO DO SISTEMA DE ARTE NO BRASIL Fatos e datas Importantes: 1804 França faz o bloqueio continental,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google