A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ROTEIRO Destruição necessária e destruição abusiva Flagelos destruidores Instinto e inteligência O necessário e o supérfluo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ROTEIRO Destruição necessária e destruição abusiva Flagelos destruidores Instinto e inteligência O necessário e o supérfluo."— Transcrição da apresentação:

1

2

3 ROTEIRO Destruição necessária e destruição abusiva Flagelos destruidores Instinto e inteligência O necessário e o supérfluo

4

5 O que chamamos destruição, é uma lei natural; necessário que tudo se destrua para renascer e regenerar. A transformação tem por objetivo a renovação e melhoramento do Ser humano.

6

7

8 A necessidade de destruição, para estabelecer o equilíbrio ecológico e psicológico, é proporcional à natureza dos mundos.

9

10 A vitalidade do novo é fundamental para a conservação e transformação do antigo. Velhas estruturas devem dar lugar a novas, para melhor atenderem às necessidades humanas.

11 A natureza é o ambiente no qual o Espírito exerce o aprendizado necessário à sua evolução. Preservar esse ambiente é fundamental ao progresso e à continuidade das gerações futuras. Se cada um aprender a ocupar seu lugar, não invadindo o espaço do seu semelhante, a sociedade se equilibrará.

12

13 Os flagelos destruidores provocados pelo homem representam, ao contrário dos naturais, uma grave infração às leis de Deus. Os males mais numerosos que existem na terra são os que o homem cria pelos seus vícios, orgulho, egoísmo, ambição enfim seus excessos em tudo.

14 O ser humano não deve apenas cuidar do meio ambiente externo, mas também da outra metade do ambiente que é o interno, imprescindível à sua evolução. São os dois mundos em que vive, dos quais o espiritual é parte inerente e inseparável.

15 Cabe ao ser humano, pelo seu grau de inteligência em relação aos outros seres vivos, transformar harmonicamente a natureza, buscando seu equilíbrio e sua manutenção. Ele é o senhor da natureza, pois é o unico que pode alterá-la radicalmente.

16

17 Pórem qualquer abuso que cometa, denotando apenas a predominância dos seus instintos bestiais destrutivos, leva o homem a responsabilidade das consequencias do desequilibrio causado.

18 A globalização ampliou o alcance das ações humanas, possibilitando que se busque cada vez mais, formas de sustento e desenvolvimento coletivo.

19 O uso da energia nuclear é um avanço e uma necessidade para a humanidade. Importante lembrar o modo do seu uso.

20 Seu uso exige cautela e cuidados especiais, pois deixa resíduos tóxicos de difícil eliminação, requerendo tecnologia especial para seu armazenamento. A energia nuclear não só é prejudicial ao corpo humano e ao meio ambiente, mas também agressiva ao perispírito. Seu poder atinge a intimidade da matéria sutil do perispírito, alterando-lhe a vibração e provocando distúrbios perispirituais.

21 Do ponto de vista da reencarnação, deve-se ter a consciência de que nós mesmos herdaremos a Terra e a encontraremos com as consequências das atitudes que tomarmos em relação ao meio ambiente.

22 Nos depararemos com uma sociedade justa ou injusta, equilibrada ou não, depredada ou estruturada, sempre de acordo com o que fizemos no passado. Portanto, o que estamos fazendo agora nos esperará lá adiante numa nova encarnação. Colheremos sempre o que plantarmos.

23 Devemos nos preocupar com as gerações futuras e para que as condições do planeta possam permitir abrigar o enorme contingente populacional.

24 A matança predatória de animais, a destruição de florestas, a produção de materiais diluidores da camada de ozônio, a fabricação de produtos cancerígenos e disseminadores de doenças diversas, bem como outras formas de agressividade à natureza, são exemplos de como o ser humano se tornou o pior inimigo de si mesmo. Ao mesmo tempo, ele é o predador e o único capaz de salvá- la.

25 A produção de bens supérfluos e o estímulo ao consumo, geraram necessidades artificiais, das quais o ser humano não consegue se desvencilhar tão facilmente. Eliminar o consumo desvairado é um passo importante para preservação da natureza como também um investimento na vida espiritual.

26 A terra é a nossa morada PRESERVE-A


Carregar ppt "ROTEIRO Destruição necessária e destruição abusiva Flagelos destruidores Instinto e inteligência O necessário e o supérfluo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google