A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

É menina... (Síntese do debate sobre os Direitos das Mulheres inserido no tema Igualdade )

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "É menina... (Síntese do debate sobre os Direitos das Mulheres inserido no tema Igualdade )"— Transcrição da apresentação:

1 É menina... (Síntese do debate sobre os Direitos das Mulheres inserido no tema Igualdade )

2 Quando um bebé nasce (e desde que lhe ponham uma fralda, claro) não há diferenças entre rapazes e raparigas.

3 Mas à medida que o tempo vai passando as diferenças começam a notar-se. Se o bebé estiver vestido de cor de rosa ou com rendas, podem ter a certeza que é uma rapariga. Se estiver vestido de azul ou se a roupa tiver o desenho de um barco, um avião ou um urso, então é certamente um rapaz.

4 Questão: Se os rapazes não podem usar rendas, de que sexo era o Luís XIV de França?

5 Descubra as diferenças

6 É verdade que homens e mulheres são diferentes. É verdade que uns e outros têm determinadas características que lhes são específicas, mas isso é uma prova de que a espécie humana se complementariza e não de que um sexo é inferior ao outro.

7 A História ajuda-nos a descobrir alguns dados importantes: Na Pré-História a mulher tinha um papel importantíssimo já que era a única (pensavam eles) que gerava vida e preservava a continuação da espécie.(Vénus de Willendorf e pintura rupestre)

8 Os homens só se vão tornando os senhores do mundo com o surgimento da necessidade de defesa das comunidades no Neolítico.

9 As mulheres vão sendo, aos poucos, forçadas a ocupar um lugar secundário em sociedades cada vez mais bélicas.

10 Limitam-lhes o acesso à cultura (salvo honrosas excepções), cortam-lhes o poder de decisão sobre as suas vidas (a mulher está subjugada primeiro ao pai, depois ao marido e depois aos filhos), vedam-lhes a hipótese de ter uma profissão, negam-lhes todos os direitos civis.

11 Durante séculos a mulher passou a ser o Anjo do Lar e ponto final!!!!!!

12 Mas a partir da Revolução Francesa as coisas começam a mudar...

13

14 De A Declaração dos Direitos das Mulheres de Olímpia de Gouge publicado em 1791: Queremos ter direito a votar! Possuir bens! Divorciarmo-nos! Desempenhar cargos públicos de responsabilidade!

15 De Defesa dos Direitos das Mulheres de Mary Wollstonecraft publicado em 1792: As mulheres não são inferiores aos homens, por natureza. Foram os homens que nos fizeram assim, negando-nos a informação e mantendo-nos fechadas em casa. Não existem qualidades especificamente femininas e masculinas, existem sim qualidades humanas. Estou certa que, em igualdade de oportunidades, as mulheres são tão capazes de serem bem sucedidas como os homens.

16 A partir do século XIX aparece na Inglaterra um grupo pequeno de mulheres resolutas que inicia uma luta sistemática pelo direito ao voto feminino.

17 Foi uma longa e dura caminhada. As sufragistas foram humilhadas, presas, ridicularizadas. Não desistiram nunca. A sua luta começa a dar frutos. Os seus ideais espalham-se pelo mundo.

18 A Primeira Guerra Mundial dá um novo impulso à causa: As mulheres asseguraram o funcionamento das indústrias e dos campos durante a guerra. Quando esta acaba os homens já não podem dizer que o reino feminino deve ser a casa.

19 O voto feminino vai sendo sucessivamente conquistado.

20 A igualdade foi assim conseguida? Era bom, mas NÃO! Mudar mentalidades é sempre o mais difícil. As mulheres continuam ainda a sua caminhada pela igualdade de direitos e ainda há muito que fazer…

21

22 Mas muito, muito já foi feito. O mundo da cultura, da arte, das empresas e da política já não é exclusivamente masculino.

23

24 Não sabemos como será o futuro, mas temos esperança que, pelo menos no tempo das nossas netas, o mundo caminhe a passos largos para a igualdade de direitos de todos os seres humanos sem distinção de raça, religião ou sexo. E que não haja qualquer constrangimento quando na ecografia se descobrir que É MENINA…

25


Carregar ppt "É menina... (Síntese do debate sobre os Direitos das Mulheres inserido no tema Igualdade )"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google