A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

USINA DE COGERAÇÃO À GÁS NATURAL NO CAMPUS SEDE DA ULBRA CANOAS – RS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "USINA DE COGERAÇÃO À GÁS NATURAL NO CAMPUS SEDE DA ULBRA CANOAS – RS."— Transcrição da apresentação:

1 USINA DE COGERAÇÃO À GÁS NATURAL NO CAMPUS SEDE DA ULBRA CANOAS – RS

2 2 INVESTIDOR: STEMAC Grupo Geradores Concepção técnica e financeira do Projeto elaborada por: APS -A SSESSORIA EMPRESARIAL consultoria contratada da Fundação ULBRA

3 3 A ULBRA UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL – ULBRA Mantida pela Comunidade Evangélica São Paulo Primeira escola foi inaugurada no ano de 1911 A ULBRA atua nacionalmente com 8 campi no Rio Grande do Sul e 6 no norte e centro-oeste do país. Campus Sede em Canoas - Rio Grande do Sul

4 4 Campus de Canoas

5 5 CAMPI NO RIO GRANDE DO SUL n ULBRA - Canoas n ULBRA - Gravataí n ULBRA - Guaíba n ULBRA - São Jerônimo n ULBRA - Torres n ULBRA - Carazinho n ULBRA - Santa Maria

6 6 CAMPI EM OUTROS ESTADOS Ji-Paraná e Porto Velho, no estado de Rondônia Santarém, no Estado do Pará Manaus, no Estado da Amazônia Palmas no Estado de Tocantins Itumbiara, no Estado de Goiás

7 7 A ULBRA possui alunos 535 professores doutores 382 professores mestres 142 professores mestrandos 350 professores doutorandos

8 8 Hospital Luterano em Porto Alegre Hospital Independência em Porto Alegre Hospital de Tramandaí Ambulatório na Vila Restinga, em convênio com a prefeitura municipal de Porto Alegre NA SAÚDE :

9 9 CENTROS CLÍNICOS n Centros Clínicos : Coronel Vicente - Porto Alegre; Zona Sul, Campus Canoas, Centro Canoas, Gravataí, Esteio, Cachoeirinha, Tramandaí, Osório, Capão da Canoa n Em construção - Hospital Universitário no Campus da ULBRA, com 550 leitos

10 laboratórios, destacando-se : Laboratório de Mutagênese Laboratório de Informática Laboratório de Polímeros Microscopia Eletrônica Metalurgia do Pó Laboratório de Oncologia Laboratório de Diagnóstico Molecular NA TECNOLOGIA :

11 11 A FULBRA Entidade jurídica de direito privado sem fins lucrativos instituída em 1º de julho de 1999 pela Universidade Luterana do Brasil

12 12 Objetivos da FULBRA n Apoio para o desenvolvimento social, científico e tecnológico; n Promover a interação entre a ULBRA e o meio empresarial, órgãos públicos e entidades privadas não governamentais; n Difundir e promover as capacidades e potencialidades da ULBRA.

13 13 Econômicas Ambientais Confiabilidade ( HU e Laboratórios) Estratégicas Razões para a decisão de implantar a Usina de cogeração à Gás Natural

14 14 PERFIL DE CONSUMO ENERGÉTICO DO CAMPUS DA ULBRA CANOAS Situação atual Demanda máxima Total :3.300 KW Demanda média :2.600 KW

15 15 Com o Hospital Universitário em funcionamento Sem cogeração Demanda máxima Total :7.000 KW (com ar condicionado do hospital elétrico) Demanda média :4.200 KW

16 16 Com o Hospital Universitário em funcionamento Com cogeração Energia elétrica Demanda máxima total : KW ( ar condicionado do hospital com água gelada da usina ) Demanda média : KW

17 17 Características da Unidade Atender todas as necessidades de energia do Campus de Canoas considerando o HU – EE, Vapor, Água Quente e Água Gelada Conceito de módulos – para atendimento de futuras necessidades 2 Máquinas de 1,1 MW 2 Máquinas de 750 KW

18 18 VANTAGENS n Economia nos custos com Energia; n Garantia na continuidade do fornecimento (3 fontes); n Qualidade da Energia; n Incorporação de tecnologia avançada em Geração de Energia; n Permite estudo e pesquisa sobre o tema em escala real;

19 19 Vantagens n Pioneirismo da ULBRA - 1ª Universidade do Brasil a adotar Cogeração; n Geração distribuída sem impacto ambiental; n Possibilidade futura de fornecimento de Energia Elétrica do campus Canoas para outros estabelecimentos da ULBRA; n BOT (Built, Operation and Transfer) - Incorporação ao patrimônio da ULBRA, após o período do contrato.

20 20 PRINCIPAIS PARÂMETROS TÉCNICOS Geração de eletricidade: 3,7MW ( com 4 máquinas) Geração de água gelada natural = 415 TR Produção de água gelada (futura) : TR Produção de vapor : 2,1 toneladas por hora a uma pressão de 8 Bar Produção de Água Quente : litros /dia O rendimento térmico da usina atual é de 56,4%, chegando a 76,33% quando em plena carga com a inclusão dos novos chillers O consumo de energia elétrica hoje é de 1230 MWh/mês, alimentando todo o campus Canoas. O consumo de gás natural é de aproximadamente Nm3/mês.

21 21 Principais Equipamentos 04 Grupos Geradores a Gás Natural Waukesha / WEG 2 de KWe e 2 de 750 KW 01 Chiller de Absorção simples estágio água quente 415 TR 04 Caldeiras de Recuperação capacidade kg/h de vapor a 8 BAR Futuro: Chiller duplo estágio a vapor York de 675 TR

22 22 PROJETOS EM ANDAMENTO APROVADOS PELA REDEGÁS n Monitoramento de Emissões Aéreas em Unidade de Co-geração a Gás Natural. n Modelagem de Sistemas de Co-geração a Gás Natural. n Avaliação do Sistema de Co-geração da ULBRA com Formação e Disponibilização de Banco de Dados.

23 23 Participação no Programa Nacional de Cogeração a Gás Natural através do Centro de Referência USINA TERMOELÉTRICA DA ULBRA

24 24

25 25

26 26

27 27

28 28

29 29

30 30

31 31

32 32

33 33

34 34

35 35

36 36


Carregar ppt "USINA DE COGERAÇÃO À GÁS NATURAL NO CAMPUS SEDE DA ULBRA CANOAS – RS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google