A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ASSISTÊNCIA AO TRABALHO DE PARTO NORMAL. EXAME VAGINAL NA ADMISSÃO DR.CARLOS ARCANJO 1-Ver no toque: Arquitetura pélvica.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ASSISTÊNCIA AO TRABALHO DE PARTO NORMAL. EXAME VAGINAL NA ADMISSÃO DR.CARLOS ARCANJO 1-Ver no toque: Arquitetura pélvica."— Transcrição da apresentação:

1 ASSISTÊNCIA AO TRABALHO DE PARTO NORMAL

2 EXAME VAGINAL NA ADMISSÃO DR.CARLOS ARCANJO 1-Ver no toque: Arquitetura pélvica

3 EXAME VAGINAL NA ADMISSÃO DR.CARLOS ARCANJO 1-Ver no toque: Arquitetura pélvica

4 EXAME VAGINAL NA ADMISSÃO DR.CARLOS ARCANJO 1-Ver no toque: Arquitetura pélvica

5 EXAME VAGINAL NA ADMISSÃO DR.CARLOS ARCANJO 1-VARIEDADE DE POSIÇÃO

6 VARIEDADE DE POSIÇÃO DR.CARLOS ARCANJO

7 VARIEDADE DE POSIÇÃO DR.CARLOS ARCANJO

8 VARIEDADE DE POSIÇÃO DR.CARLOS ARCANJO

9 VARIEDADE DE POSIÇÃO DR.CARLOS ARCANJO

10 VARIEDADE DE POSIÇÃO DR.CARLOS ARCANJO

11 EXAME VAGINAL NA ADMISSÃO DR.CARLOS ARCANJO 1-VARIEDADE DE POSIÇÃO

12 EXAME NA ADMISSÃO DR.CARLOS ARCANJO 1-APRESENTAÇÃO E POSIÇÃO DO FETO * Manobras de Leolpold * Manobras de Leolpold * Toque vaginal * Toque vaginal *Ausculta fetal *Ausculta fetal * Ultra-som * Ultra-som

13 MANOBRAS DE LEOPOLD DR.CARLOS ARCANJO

14 APAGAMENTO E DILATAÇÃO DR.CARLOS ARCANJO

15 MECANISMO DE TRABALHO DE PARTO DR.CARLOS ARCANJO 1- Encaixe 2- Descida 3- Rotação Interna 4- Extensão 5- Rotação Externa 6-Expulsão

16 ENCAIXE DR.CARLOS ARCANJO

17 DESCIDA DR.CARLOS ARCANJO 1* Pressão do líquido amniótico 2* Pressão direta do fundo sobre a pelve 3* Contração dos músculos abdominais 4* Extensão e retificação do corpo fetal

18 FLEXÃO DR.CARLOS ARCANJO

19 ROTAÇÃO INTERNA DR.CARLOS ARCANJO

20 EXTENSÃO DR.CARLOS ARCANJO

21 ROTAÇÃO EXTERNA DR.CARLOS ARCANJO

22 PERÍODOS DO PARTO DR.CARLOS ARCANJO Curva sigmoidal de Friedman, 1954 Curva sigmoidal de Friedman, 1954

23 PARTOGRAMA DR.CARLOS ARCANJO Philpott e Castle, 1972 Philpott e Castle, 1972

24 PERÍODOS DO PARTO E CONDUTA DR.CARLOS ARCANJO A- PRIMEIRO PERÍODO= Dilatação B- SEGUNDO PERÍODO= Expulsivo C- TERCEIRO PERÍODO= Desprendimento da Placenta D- QUARTO PERÍODO= 1 hora após o parto

25 PRIMEIRO PERÍODO DO PARTO DR.CARLOS ARCANJO A- MONITORIZAR FREQUÊNCIA FETAL: 30MIN ALERTA menor 110bpm após contração B- DURAÇÃO: Primípara 8h Multípara 5h C- CONDUTA: Cardeneta da gestante- HIV, sifilis, Ht e Hb Partograma Deambular, ingesta de líquidos Amniotomia Ocitocina Analgesia

26 SEGUNDO PERÍODO DO PARTO DR.CARLOS ARCANJO A- MONITORIZAR FREQUÊNCIA FETAL: 15MIN ALERTA menor 110bpm após contração B- DURAÇÃO: Primípara 50 minutos Multípara 20 minutos C- CONDUTA: Posição materna Episiotomia Manobra de Rigten Desprendimento dos ombros Limpeza da nasofaringe Cordão na nuca Clampeamento do cordão Acompanhante

27 SEGUNDO PERÍODO DO PARTO DR.CARLOS ARCANJO

28 SEGUNDO PERÍODO DO PARTO DR.CARLOS ARCANJO

29 TERCEIRO PERÍODO DO PARTO DR.CARLOS ARCANJO

30 TERCEIRO PERÍODO DO PARTO DR.CARLOS ARCANJO 1* OCITOCINA 10UI IM APÓS OMBRO ANTERIOR 2* LEVE TRAÇÃO DO CORDÃO 3* REVISÃO DA VULVA E PERÍNEO 4* REVISÀO DA CAVIDADE UTERINA SE SANGRAR 5* PARTO OPERATÓRIO REVISÃO CANAL DE PARTO 6* EXAME DA PLACENTA E ANEXOS 7* AMAMENTAR

31 QUARTO PERÍODO DO PARTO DR.CARLOS ARCANJO

32 PARTO DISTÓCICO DR.CARLOS ARCANJO

33 PADRÕES ANORMAIS DE TRABALHO DE PARTO, CRITÉRIOS DE DIAGNÓSTICO E MÉTODOS DE TRATAMENTO DR.CARLOS ARCANJO Critérios de Diagnóstico Critérios de Diagnóstico Padrão de Trabalho de Parto NulíparasMultíparas Tratamento Preferido TratamentoExcepcional Distúrbio de Prolongamento Distúrbio de Prolongamento (Fase latente prolongada) > 20h>14hRepouso terapêuticoOcitocina ou cesariana para problemas urgentes Distúrbio de Prolongamento 1. Prolongamento da dilatação da fase ativa. < 1,2 cm/h< 1,5 cm/h 2. Prolongamento da descida< 1,0 cm/h< 2 cm/hExpectante e apóioCesariana para DCP a Distúrbio de Interrupção 1. Fase de desaceleração prolongada > 3h> 1hSem DCP a : OcitocinaRepouso se exausta 2. Interrupção secundária da dilatação > 2h 3. Interrupção da descida>1h Com DCP a : CesarianaCesariana 4. Ausência de descidaNão há descida na fase de desaceleração ou no segundo estágio do trabalho de parto Modificado de Cohen e Friedman (1983)

34

35

36

37

38

39

40

41 OBRIGADO


Carregar ppt "ASSISTÊNCIA AO TRABALHO DE PARTO NORMAL. EXAME VAGINAL NA ADMISSÃO DR.CARLOS ARCANJO 1-Ver no toque: Arquitetura pélvica."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google