A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Num dia quente, um corvo cheio de sede debicava a terra à procura de qualquer coisa para beber. A terra tinha endurecido e todas as nascentes tinham secado,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Num dia quente, um corvo cheio de sede debicava a terra à procura de qualquer coisa para beber. A terra tinha endurecido e todas as nascentes tinham secado,"— Transcrição da apresentação:

1

2 Num dia quente, um corvo cheio de sede debicava a terra à procura de qualquer coisa para beber. A terra tinha endurecido e todas as nascentes tinham secado, não havia água em lado nenhum.

3 Ao longe viu um jarro no peitoril da janela de uma casinha. Voou para lá a ver o que era.

4 Ah, tem água lá no fundo, grasnou espreitando. Mas não conseguia chegar-lhe. O corvo estava cada vez com mais sede.

5 Picou o jarro com força mas não conseguiu parti-lo. Vou atirá-lo ao chão, disse para si próprio, mas o jarro era tão pesado que nem se mexeu.

6 Depois teve uma ideia. Voou até um monte de pedras e agarrou numa com o bico. Voou outra vez até ao jarro, deixou cair lá dentro a pedra e depois foi buscar outra.

7 O corvo pôs tantas pedras dentro do jarro que a água começou a subir e chegou ao cimo. Por fim, bebeu um grande gole fresco. Valeu a pena todo o trabalho que tive, pensou ele.


Carregar ppt "Num dia quente, um corvo cheio de sede debicava a terra à procura de qualquer coisa para beber. A terra tinha endurecido e todas as nascentes tinham secado,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google