A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O Mundo Romano Grupo: Iara – 11 Jackeline – 12 Mariah – 28 Turma: 113.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O Mundo Romano Grupo: Iara – 11 Jackeline – 12 Mariah – 28 Turma: 113."— Transcrição da apresentação:

1 O Mundo Romano Grupo: Iara – 11 Jackeline – 12 Mariah – 28 Turma: 113

2 Introdução Roma, capital da Itália, foi fundada na região do Lácio e foi, na antiguidade, o centro da região do Mediterrâneo e hoje situa-se na península Itálica. Não existe documentos escritos acerca o período inicial da historia de Roma. Conta a tradição que Roma foi fundada em 753 a.C. pelos gêmeos Rômulo e Remo, data aceita oficialmente.

3

4 Monarquia ( 753 a 509 a.C.). No principio, a forma de governo era Monarquia, centrada no rei, que tinha os poderes executivos, religioso e judiciário. Ao seu lado, havia o Senado, formado pelos chefes das principais famílias patrícias. O período monárquico durou de 753 a 509 a.C. A maioria da população passou a constituir a plebe, homens livres, mas sem direitos políticos. Em 509 a.C, houve uma revolta patrícia depôs o ultimo rei etrusco de Roma. Os patrícios criaram uma republica aristocrática, onde mantinham em suas mãos a direção dos negócios do Estado. Na república romana, o poder executivo, que antes pertencia ao rei, passou a ser exercido por dois cônsules, os supremos magistrados e militares. Depois de seu mandato anual, eles poderiam a passar a fazer parte do Senado.

5 Estimasse que houve sete reis durante o período da Monarquia, os quatro primeiros latinos e os três últimos etruscos. Durante o período de reinado etrusco, verificou-se uma serie de tentativas por parte destes de limitar o poder patrício, aliando-se a setores populares, que haviam enriquecido justamente em função da presença etrusca. Razões da revolta: Declínio do poderio etrusco na Itália, e tentativa dos patrícios de resgatar o monopólio do poder político, ameaçado pelas reformas empreendidas pelos reis etruscos.

6 República ( 509 a 31 a.C. ) Após a revolta, os patrícios criaram a república, uma forma de governo dos cidadãos, ao contrário da monarquia que seria vista como um governo pessoal. A eliminação do cargo de rei acabou com a concentração de poderes, o que fez o senado passar a ser o principal órgão da República. Isso gerou o aparecimento das magistraturas, cargos exército administrativos que marcaram a república. A mais alta magistratura eram os cônsules, responsáveis pelo comando do exército, controle da administração, e propor leis. No exercício da Justiça havia os Pretores, que cuidavam da aplicação da Justiça; os Questores que administravam as finanças públicas e os Censores, que promoviam o censo dos cidadãos e cuidavam da moralidade pública. Aos Edis cabia o abastecimento e policiamento da cidade e dos jogos públicos.

7 A Assembleia por Cúrias permaneceu com funções religiosas. Suas atribuições foram transferidas para a Assembleia por Centúrias. Assim, a instalação da república significou a definitiva exclusão plebe de qualquer decisão política, o que gerou um clima de intensa lutas sociais entre patrícios e plebeus. As lutas da plebe ( a.C. ) Após uma serie de enfrentamentos, em 490 a.C., os plebeus retiraram-se de Roma, ameaçando fundar, aos pés do Monte Sagrado, uma nova cidade. Os patrícios tiveram de ceder ante essa greve social, já que a mão de obra romana ainda era essencialmente representada por plebeus, e as centúrias plebéias eram usadas como instrumento de primeiro combate. Com isso, os plebeus obtiveram os tribunos da plebe representantes políticos da plebe com poderes de vetar as decisões do senado. Continuando suas conquistas em 471 a.C. foi criado a assembléia da Plebe, composto exclusivamente por plebeus e com a função de eleger seus magistrados.

8 Outra importante conquista da plebe foi quando em 450 a.C. aprovou-se a lei das Doze Tábuas, que era uma compilação escrita das leis até então orais de Roma e em 445 a.C., a lei Canuléia suspendeu a proibição de casamentos entre patrícios e plebeus. Também houveram outras leis, como a que aboliu a escravidão por dívidas. Porém, tais conquistas, acabaram tendo seus efeitos minimizados pelas condições materiais de vida às quais a plebe estava submetida e que foram agravadas ao longo do período da república.

9 A cultura romana Roma é um dos centros culturais mais importantes do Ocidente e boa parte de seus monumentos remonta à antiguidade. A estrutura militar romana favoreceu construções defensivas, como fortalezas e muralhas. O alto grau de organização da sociedade e seu modo de vida foram os principais fatores que caracterizaram sua produção artística. Um exemplo é a religião de Roma, inspirada na grega por ser politeísta e na oriental por divinizar os imperadores após a sua morte. O conhecimento da arquitetura romana provém de escavações arqueológicas e registros escritos. As representações teatrais levavam em conta o gosto popular e eram parte do entretenimento gratuito oferecido nos festivais públicos. As esculturas romanas evidenciam a influencia estrusca.


Carregar ppt "O Mundo Romano Grupo: Iara – 11 Jackeline – 12 Mariah – 28 Turma: 113."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google