A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Sistemas Distribuídos. Sistemas Distribuídos - objetivos - Melhor relação custo/benefício Capacidade de processamento além dos limites de sistemas centralizados.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Sistemas Distribuídos. Sistemas Distribuídos - objetivos - Melhor relação custo/benefício Capacidade de processamento além dos limites de sistemas centralizados."— Transcrição da apresentação:

1 Sistemas Distribuídos

2 Sistemas Distribuídos - objetivos - Melhor relação custo/benefício Capacidade de processamento além dos limites de sistemas centralizados (velocidade da luz, aquecimento) Maior domínio de aplicações Maior confiabilidade e disponibilidade Crescimento gradativo da capacidade de processamento

3 Sistemas Distribuídos - objetivos - Compartilhamento de dados comuns entre usuários Compartilhamento de recursos de hardware e software Comunicação entre pessoas Flexibilidade na distribuição de tarefas de acordo com as aplicações

4 Sistemas Distribuídos - requisitos - Controle de concorrência Consistência Extensibilidade (openness) Escalabilidade (crescimento gradativo "suave") Tolerância a falhas Transparência

5 Sistemas Distribuídos - transparência - Acesso Localizacão Concorrência Replicação Falha Migração Desempenho Escala Paralelismo

6 Sistemas Distribuídos - componentes básicos - Comunicação Sistema de nomes Manutenção de consistência Alocação de carga de trabalho

7 Comunicação modelos: –cliente/servidor –grupo níveis de abstração: –processos e mensagens –objetos e operações (RPC) formas de sincronismo: –síncrona –assíncrona

8 Sistemas Distribuídos - consistência: transações - Atômica: para o mundo externo, a transação ocorre de forma indivisível. Consistente: a transação não viola invariantes de sistema. Isolada: transações concorrentes não interferem entre si (serializable). Durável: os efeitos de uma transação terminada com commit são permanentes.

9 Orientação a Objetos Parte II

10 Orientação a Objetos - conceitos fundamentais - Objeto Identidade Encapsulamento Classificação/Instanciação Generalização/Especialização Herança Polimorfismo

11 Orientacão a Objetos - associação e ligacão - Relacionamento entre instâncias de duas ou mais classes descrevendo um grupo de ligações com estrutura e semântica comuns. Exemplo: Um país tem como capital uma cidade. Exemplo: Um funcionário trabalha numa empresa.

12 Orientacão a Objetos - modelo dinâmico - Representa os aspectos de um sistema relativos ao tempo e às modificações de estado Abrangência: –interações –seqüência de operações –fluxo de controle Representação: estados e eventos


Carregar ppt "Sistemas Distribuídos. Sistemas Distribuídos - objetivos - Melhor relação custo/benefício Capacidade de processamento além dos limites de sistemas centralizados."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google