A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Observatório do CDCC - USP/SC. Sessão Astronomia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Observatório do CDCC - USP/SC. Sessão Astronomia."— Transcrição da apresentação:

1 Observatório do CDCC - USP/SC

2 Sessão Astronomia

3 Alexandre Bagdonas Henrique Colisões Cósmicas

4 Olhando para o céu

5 Astros errantes

6 Outros corpos

7 Órbita excêntrica "Bola de neve suja" Cometas

8 Os cometas e suas caudas 1)partículas voláteis 2) partículas ionizadas

9 História dos cometas Historicamente foram temidos por indicar maus presságios ou castigos dos deuses

10 As tragédias causadas por cometas 79 d.C. - Vesúvio 66 Halley, avisoda queda de Jurusalém em 70.

11 As tragédias causadas por cometas Halley, invasão de Constantinopla pelos turcos Peste Negra guerras que ocorreram em Cuba, México, Equador,América Central, Peru, Argentina e Bolivia.

12 Estrelas cadentes Rastro deixado nas órbitas dos cometas Brilham por causa do atrito na atmosfera

13 Colisões de cometas Shoemaker-Levy

14 Outros objetos errantes

15 Júpiter Marte Sol Minuto-luzUnidades Astronômicas Cinturão de asteróides

16 Extinção em massa Há ~ 65 milhões de anos Tapou a luz do sol, impedindo a fotossíntese Incêndios intesificaram o efeito estufa Fim dos dinossauros e de 75% das espécies existentes

17 Evidências da queda do asteróide Achado irídio em rochas formadas nesse período Cratera soterrada em Iucatã, com 170 Km de diâmetro Energia do impacto: uma bomba atômica

18 Colisões no futuro Se houver um corpo vindo em trajetória de colisão com a Terra, não adianta explodí-lo Uma possibilidade é usar a gravidade para alterar a órbita

19 Colisões Costumam ser alarmantes, mas podem ser bonitas, ou mesmo benéficas

20 Colisões no Sol

21 Fontes de energia vida Petróleo Energia eólica

22 Fotossíntese Hidrelétrica

23 Vento solar Partículas carregadas ejetadas pelo Sol Prejudica telecomunicações

24 Aurora polar Vento solar no campo magnético da Terra Aurora boreal Deusa romana Aurora do amanhecer e seu filho Bóreas, um dos Titãs, que representava os ventos do norte Aurora austral

25 A formação da Lua Teoria mais aceita: Grande colisão Explica órbitas e semelhança das rochas terrestres e lunares

26

27

28 Proteção contra impactos Crateras na Lua são impactos que poderiam ter acontecido na Terra

29 Futuro da Lua Conforme a rotação da Terra diminui Logo após a formaçao a Lua estava há 18 mil km (4% D T-L) Conforme diminui a velocidade de rotaçao da Terra, a Lua se afasta, 3,8 cm por ano No futuro o sistema estará em equilíbrio quando Terra e Lua tiverem rotação sincronizada, com período de cerca de 47 dias, daqui há bilhões de anos

30 O fim do Sol

31 Distância Terra-Sol: 8 minutos luz Distância Alpha Centauri 4 anos luz

32 Colisões de estrelas Mesmo em aglomerados globulares colisões de estrelas são muito raras D = 10 4 D local Universo é muito pouco denso

33 A Via Láctea

34

35

36 Colisões de galáxias Andromeda e a Via Láctea se aproximam a ~ 500 mil km/h Vão colidir em 3 bilhões de anos

37 O final

38 Colisões em aglomerados de galáxias

39 Colisões O Sol: fontes de energia, aurora boreal, vento solar A Lua: proteção contra impactos e duração do dia Extinção dos dinossauros e desenvolvimento dos mamíferos

40 Final da Apresentação

41 Referências Vídeo Cosmic Collisions, da NASA Impacto! A Via Láctea vai colidir apresentada na Sessão Astronomia de 09 de maio de 1998, José Roberto de Vasconcelos Costa "O Sistema Solar Mariano" (slides de Mariana Padoan, criados para o atendimento de classes no CDA em 2007) "Cometas" (Sessão Astronomia do dia 14 de abril de Silvia Calbo)

42 Relação de figuras e sua referências content/meteoro02.jpg&imgrefurl=http://trikinhuelas.com/archivos/2006/06/02/la-colision-de-un- meteorito/&h=325&w=427&sz=16&hl=pt-BR&start=11&um=1&tbnid=fL7Pxf3j4GKt- M:&tbnh=96&tbnw=126&prev=/images%3Fq%3Dmeteorito%26svnum%3D10%26um%3D1%26hl%3 Dpt-BR%26sa%3DG enomeno_provocado_colisao_manifestacoes_magneticas_sol_com_atomos_atmosfera_terrestre_arquivo _ybs.jpg Simulação cmputacional feita por John Dubinskiy, disponível em


Carregar ppt "Observatório do CDCC - USP/SC. Sessão Astronomia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google