A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Tecnologias de Disco Edmar Welington Oliveira. Introdução Preocupação com tecnologias de disco Preocupação com tecnologias de disco –Desempenho de sistemas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Tecnologias de Disco Edmar Welington Oliveira. Introdução Preocupação com tecnologias de disco Preocupação com tecnologias de disco –Desempenho de sistemas."— Transcrição da apresentação:

1 Tecnologias de Disco Edmar Welington Oliveira

2 Introdução Preocupação com tecnologias de disco Preocupação com tecnologias de disco –Desempenho de sistemas computacionais dependem: Propriedades do processador Propriedades do processador Propriedades dos dispositivos de armazenamento Propriedades dos dispositivos de armazenamento Propriedades das tecnologias de interconexão Propriedades das tecnologias de interconexão –Novas fontes de informação Imagens, sons e vídeos Imagens, sons e vídeos –Demanda das empresas

3 Perspectiva Histórica O primeiro projeto de unidade de disco foi o IBM 305 RAMAC (Random Access Method of Accounting and Control), lançado em O primeiro projeto de unidade de disco foi o IBM 305 RAMAC (Random Access Method of Accounting and Control), lançado em ª Evolução: Unidade de disco rígido removível desenvolvida pela IBM em Ajudou os discos a superar as fitas com meio de armazenamento preferencial 1ª Evolução: Unidade de disco rígido removível desenvolvida pela IBM em Ajudou os discos a superar as fitas com meio de armazenamento preferencial 2ª Evolução: Projeto Winchester, em ª Evolução: Projeto Winchester, em 1973 –Utilizava tecnologia HDA

4 Perspectiva Histórica Primeiro disco hermeticamente fechado Primeiro disco hermeticamente fechado –Dois eixos com um disco de 30MB cada Winchester – o rifle esportivo mais popular da América. ficou conhecido como devido ao calibre de seu cartucho. Winchester – o rifle esportivo mais popular da América. ficou conhecido como devido ao calibre de seu cartucho. ST-506 ST-506 –Capaz de armazenar 40MB; taxa de transferência de 645KB/s Enhanced Small Device Interface (ESDI) Enhanced Small Device Interface (ESDI) –Meados da década de 80 –Taxas de 20MB/s

5 Tecnologias de Disco Classificação em função da interface Classificação em função da interface –ATA –SCSI –SATA –SAS –SSA –Fibre channel

6 ATA Advanced Technology Attachment Advanced Technology Attachment Características Características –Desenvolvida em 1986 –Possui uma família de padrões –ATA-1, ATA-2, ATA-3, ATA/ATAPI4, ATA/ATAPI5, ATA/ATAPI6, ATA/ATAPI7,

7 ATA

8 SCSI Small Computer System Interface Small Computer System Interface Um barramento de sistema com controladores inteligentes no qual os dispositivos trabalham em conjunto para controlar o fluxo de dados no canal de comunicação. Um barramento de sistema com controladores inteligentes no qual os dispositivos trabalham em conjunto para controlar o fluxo de dados no canal de comunicação. Características Características –Desenvolvida em 1979 –Taxa de transmissão de dados de 1.5MB/s –Conta com 3 nomes comumente utilizados –SCSI-1, SCSI-2, SCSI-3

9 SCSI

10 SATA Serial Advanced Technology Attachment Serial Advanced Technology Attachment Características Características –Desenvolvido em 2001 –Substituir a tradicional interface PATA –Taxas de 150MB/s, 300MB/s Velocidade de transmissão Velocidade de transmissão –Interface Serial x interface paralela

11 SATA

12 SATA

13 SAS Trabalhos iniciados em 2001 Trabalhos iniciados em 2001 Especificação inicial em 2004 Especificação inicial em 2004 Taxas de transferência Taxas de transferência –300MB/s, 600MB/s e 1200MB/s Destinado ao mercado de servidores Destinado ao mercado de servidores Compatibilidade com Serial ATA – mercado de desktops Compatibilidade com Serial ATA – mercado de desktops Uso de discos de diferentes taxas de transmissão Uso de discos de diferentes taxas de transmissão Permite o uso da taxa de cada disco Permite o uso da taxa de cada disco Propriedade Hot swap Propriedade Hot swap

14 SAS

15 SAS

16 SSA Serial Storage Architecture (SSA) Serial Storage Architecture (SSA) Protocolo de transmissão serial usado para conectar discos rígidos a servidores Protocolo de transmissão serial usado para conectar discos rígidos a servidores Capaz de conectar até 192 discos rígidos com taxas de transmissão de até 80MB/s. Capaz de conectar até 192 discos rígidos com taxas de transmissão de até 80MB/s. Ela é tolerante a falhas no sentido de que defeitos em um único cabo não interrompem o acesso aos dados. Ela é tolerante a falhas no sentido de que defeitos em um único cabo não interrompem o acesso aos dados. SSA caiu em desuso com o surgimento do padrão Fibre Channel. SSA caiu em desuso com o surgimento do padrão Fibre Channel.

17 Fibre Channel Fibre Channel é tanto um padrão de comunicação quanto um protocolo de transporte aberto Fibre Channel é tanto um padrão de comunicação quanto um protocolo de transporte aberto Implementado em fibras óticas ou fiações de cobre, sendo, portanto, um padrão para meios físicos de comunicação. Implementado em fibras óticas ou fiações de cobre, sendo, portanto, um padrão para meios físicos de comunicação. Amplamente utilizado na conectividade física do que é conhecido hoje como SANs – Storage Area Networks, ou seja, redes especializadas na interconexão de dispositivos de armazenamento a servidores Amplamente utilizado na conectividade física do que é conhecido hoje como SANs – Storage Area Networks, ou seja, redes especializadas na interconexão de dispositivos de armazenamento a servidores

18 Fibre Channel


Carregar ppt "Tecnologias de Disco Edmar Welington Oliveira. Introdução Preocupação com tecnologias de disco Preocupação com tecnologias de disco –Desempenho de sistemas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google