A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS MINERALOGIA (GE-401) AS PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS DEPENDEM DE SUA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E ESTRUTURA CRISTALINA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS MINERALOGIA (GE-401) AS PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS DEPENDEM DE SUA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E ESTRUTURA CRISTALINA."— Transcrição da apresentação:

1 PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS MINERALOGIA (GE-401) AS PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS DEPENDEM DE SUA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E ESTRUTURA CRISTALINA

2 PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS MINERALOGIA (GE-401) COR E BRILHO Resultam da interação da luz visível ( nm) do espectro eletromagnético com a matéria cristalina A cor de um mineral relaciona-se com a sua capacidade de absorver a luz. A cor observada é resultante da combinação dos comprimentos de onda não absorvidos da luz que sofreu transmissão ou reflexão. Cada cor que compõe a luz visível corresponde a um comprimento de onda e intervalo de energia específicos VERMELHO

3 PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS MINERALOGIA (GE-401) COR E BRILHO Íon na estrutura absorve apenas parte da energia da luz incidente capaz de transferir um elétron da camada mais externa para um nível de energia mais elevado

4 PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS MINERALOGIA (GE-401) COR E BRILHO A capacidade de absorção da luz de um mineral é função da ocorrência, concentração, estado de valência e localização de certos íons na sua estrutura cristalina metais de transição (V, Cr, Mn, Fe, Co, Ni, Cu) como íons principais ou impurezas são a causa da cor em minerais Malaquita - Cu 2 CO 3 (OH) 2 Azurita - Cu 3 (CO 3 ) 2 (OH) 2 Cu 2+

5 PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS MINERALOGIA (GE-401) COR E BRILHO Íons idiocromáticos parte essencial da composição química Anfibólios (Ca,Na,K) 2-3 (Mg,Fe,Al) 5 (SiAl) 8 O 22 (OH) 2 hornblenda Piroxênios CaMgSi 2 O 6 diopsídio

6 PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS MINERALOGIA (GE-401) COR E BRILHO Minerais que contém Al, Na e K como elementos essenciais são geralmente incolores ou levemente coloridos (feldspatos alcalinos, plagioclásios, halita)

7 PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS MINERALOGIA (GE-401) COR E BRILHO Berilo - Be 3 Al 2 Si 6 O 18 Córindon - Al 2 O 3 Vermelho - Mn 3+ Verde - Cr 3+ esmeralda Vermelho - Cr 3+ - Rubi Diferentes impurezas em um mesmo mineral pode causar cores diferentes íon alocromático Mesmo íon pode causar cores diferentes em minerais diferentes

8 PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS MINERALOGIA (GE-401) COR E BRILHO Brilho: forma pela qual a luz é transmitida ou refletida na superfície de um mineral Brilho metálico elementos nativos, grande parte dos sulfetos e alguns óxidos Brilho não metálico 70% dos minerais silicatos, carbonatos, sulfatos, fosfatos, haletos, hidróxidos Não há limites claramente definidos entre metálico e não metálico propriedade diagnóstica apenas para minerais com brilho especial mineral pode ter brilho diferente em amostras diferentes

9 PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS MINERALOGIA (GE-401) RUPTURA:CLIVAGEM E FRATURA Forma pela qual um mineral sofre ruptura depende da força, orientação e distribuição das ligações químicas na estrutura cristalina Minerais com diferentes ligações químicas: ruptura ao longo de planos com ligações químicas mais fracas Minerais com apenas um tipo de ligação química: ruptura ao longo de planos com a menor densidade de ligações por unidade de área Cúbica (2 planos) octaédrica (4 planos)dodecaédrica (6 planos) romboédrica (3 planos) Prismática e pinacoidal (3 planos) pinacoidal (1 plano basal)

10 PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS MINERALOGIA (GE-401) DUREZA Resistência da superfície de um mineral ao ser riscada por outro mineral ou material Causas da variação da dureza nos minerais: tipos de ligações químicas raio iônico F= Q 1.Q 2 /d 2 DENSIDADE Causas da variação da densidade nos minerais: massa atômica dos principais elementos constituintes do mineral distância inter-iônica = comprimento da ligação ambiente de formação do mineral

11 POLIMORFISMO E ISOMORFISMO MINERALOGIA (GE-401) Dois minerais com estruturas cristalinas diferentes podem ter composições químicas idênticas? Polimorfismo função de P, T Transformações estruturais entre polimorfos – transformações polimórficas – ocorrem através de diferentes mecanismos

12 POLIMORFISMO E ISOMORFISMO MINERALOGIA (GE-401) Transformações reconstrutivas Rearranjos da estrutura quebra das ligações químicas alta energia e modificações são lentas

13 POLIMORFISMO E ISOMORFISMO MINERALOGIA (GE-401) Transformações reconstrutivas Polimorfos de carbono grafita e diamante

14 POLIMORFISMO E ISOMORFISMO MINERALOGIA (GE-401) Diamante Grafita Transformações reconstrutivas

15 POLIMORFISMO E ISOMORFISMO MINERALOGIA (GE-401) Transformações reconstrutivas Cianita Sillimanita Polimorfos de aluminossilicatos

16 POLIMORFISMO E ISOMORFISMO MINERALOGIA (GE-401) Transformações por deslocamento Pequenos ajustes da estrutura não há quebra das ligações químicas modificações instântâneas e reversíveis

17 POLIMORFISMO E ISOMORFISMO MINERALOGIA (GE-401) Transformações por deslocamento quartzo de alta (T> 600°C) quartzo de baixa (T> 600°C) cristobalita tridimita quartzo de baixa = transformações reconstrutivas deslocamento reconstrutivo


Carregar ppt "PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS MINERALOGIA (GE-401) AS PROPRIEDADES FÍSICAS DOS MINERAIS DEPENDEM DE SUA COMPOSIÇÃO QUÍMICA E ESTRUTURA CRISTALINA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google