A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS O que você deve saber sobre Os pronomes possessivos estabelecem relação de posse entre o possuidor e o ser possuído.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS O que você deve saber sobre Os pronomes possessivos estabelecem relação de posse entre o possuidor e o ser possuído."— Transcrição da apresentação:

1 PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS O que você deve saber sobre Os pronomes possessivos estabelecem relação de posse entre o possuidor e o ser possuído. Os demonstrativos determinam as pessoas gramaticais e indicam a posição no tempo e no espaço das expressões, das orações e dos seres em geral.

2 Meu irmão ainda é um pré-adolescente. Nossos pais são advogados. I. Pronomes possessivos PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS Classificação dos pronomes possessivos

3 Concordância do pronome possessivo Seu irmão e sua irmã são advogados? Suas ideias são sempre ousadas. I. Pronomes possessivos PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS (gênero) (número)

4 Semântica do pronome possessivo Pronomes possessivos pospostos ao substantivo Tive conhecimento de informações suas. Pronomes possessivos antepostos ao substantivo Tive conhecimento de suas informações. I. Pronomes possessivos PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS

5 Emprego de alguns pronomes possessivos Pedro deve ter seus trinta anos. Viu com seus olhos. Não faça isso, seu estúpido! João nada tinha de seu e mesmo assim não se abatia. Quem sai aos seus não degenera. É isso mesmo, meu amigo, vou ajudá-lo nessa luta. I. Pronomes possessivos PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS (indeterminação numérica) (valor enfático) (valor negativo ou depreciativo) (valor reflexivo) (valor substantivo) (noção de intimidade ou tratamento cerimonioso)

6 O petróleo e seus derivados são importantes para o crescimento econômico de muitos países. Aquele é o meu irmão. Aquele é meu irmão. Nossa! Que bagunça é essa? I. Pronomes possessivos PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS (valor de origem e fonte) (noção pontual, específica) (noção genérica. É provável que haja outro(s) irmão(s).) (função de interjeição, por derivação imprópria)

7 Ambiguidade dos pronomes possessivos Gostei muito da atuação do Robert De Niro naquele filme, João! Seu estilo é fantástico. A quem se refere o pronome possessivo seu nesse período? Ao estilo de Robert De Niro ou ao estilo de João? I. Pronomes possessivos PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS

8 Relação entre pronomes possessivos e pronomes pessoais e de tratamento Aquela criança chutou-me a perna. (pronome pessoal oblíquo = pronome possessivo / me = minha perna) Seu Pedro é um senhor bastante distinto e solitário. (pronome possessivo = pronome de tratamento / seu = senhor) I. Pronomes possessivos PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS

9 (noção espacial) II. Pronomes demonstrativos Nasci em Nesse ano o Brasil foi tricampeão do mundo. Aquele é o garoto a que me referia. Classificação dos pronomes demonstrativos PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS (noção temporal)

10 (futuro) (presente) II. Pronomes demonstrativos Pronomes demonstrativos e noções espacial e temporal Esta caneta que uso é importada. Nesta tarde estou trabalhando demais. Por isso, nesta noite vou descansar bastante. Essa camisa que está usando é nova? Essa noite dormi mal. Não vejo a hora de chegar em casa e dormir cedo. PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS (proximidade de quem se manifesta) (proximidade da pessoa a quem se dirige o manifestante) (tempo passado ou relativamente próximo em relação à primeira pessoa do discurso)

11 II. Pronomes demonstrativos Pronomes demonstrativos e noções espacial e temporal Aquele rapaz do outro lado da rua é seu irmão? Aquele ano de 1970 foi inesquecível para o futebol brasileiro. PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS (distância da primeira pessoa do discurso ou de ambos os interlocutores) (tempo passado distante)

12 (tempo passado impreciso) (tempo futuro impreciso) II. Pronomes demonstrativos Pronomes demonstrativos e noções espacial e temporal Observação Empregados no plural, os pronomes demonstrativos indicam tempo passado ou futuro e noções temporais imprecisas. Um dia destes viajarei com vocês. Um dia desses vi o Pedro no clube. Se empregados no singular, indicam tempo presente ou momento pontual. Os alunos estavam na maior algazarra; nisso chegou o diretor. PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS

13 (referência a termos mais distantes) (referência ao que foi enunciado) II. Pronomes demonstrativos Pronomes demonstrativos e discurso textual O problema é este: a assombrosa impunidade! A assombrosa impunidade: é esse o problema! João e Pedro foram ao cinema, este de casaco vermelho, aquele de blusa verde. PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS (referência a termos imediatamente mencionados no discurso) (referência ao que será enunciado)

14 (Sei aquilo que eles fizeram.) II. Pronomes demonstrativos Emprego de alguns pronomes demonstrativos Sei o que eles fizeram. Nem tudo o que dizem é verdade. Eles mesmos reconhecem isso? Eles próprios são os mandantes? PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS (Nem tudo isso ou aquilo que dizem é verdade.)

15 (UFSCar-SP) Autoestima Fiz a cirurgia com 16 anos. Não fiz pelas outras pessoas, fiz para me olhar no espelho e me sentir bem (...) Eu sinto como se o meu corpo tivesse absorvido o silicone, como se o peito fosse meu mesmo. E é: meu pai pagou, e ele é meu. C. S., 17, sobre cirurgia plástica que fez nos seios. Folha de S.Paulo, 3 ago Refletindo sobre o emprego dos pronomes possessivos, responda: a) Como, no texto, pode ser definido o sentido de posse presente na expressão como se o peito fosse meu mesmo? b) E como pode ser definido o sentido de posse na expressão E é: meu pai pagou, e ele é meu? 1 EXERC Í CIOS ESSENCIAIS RESPOSTA: O sentido de posse de como se o peito fosse meu mesmo diz respeito à pertinência, e não à propriedade. Como se o peito fizesse parte do corpo. RESPOSTA: No caso de meu pai pagou, e ele é meu, a posse relaciona-se à propriedade, ou seja, por pagar se é dono. PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS NO VESTIBULAR

16 (UFV-MG, adaptado) (...) Habitante de outra galáxia aceita corresponder-se com o menino do planeta azul. O mundo deste habitante é todo feito de vento e cheira a jasmim. Não há fome nem há guerra, e nas tardes perfumadas as pessoas passeiam de mãos dadas e costumam rir à toa. Nesta galáxia ninguém faz a morte, ela acontece naturalmente, como o sono depois da festa. Os habitantes não mentem e por isso os seus olhos brilham como riachos. O habitante de outra galáxia aceita trocar selos e figurinhas e pede ao menino que encha os bolsos de esperanças, e não só os bolsos, mas também as mãos, e os cabelos, a voz, o coração que a doença do planeta azul ainda tem solução. MURRAY, Roseana. Folhinha, 19 jun Leia o trecho a seguir, retirado do texto: e por isso os seus olhos brilham como riachos. O pronome ISSO está substituindo uma informação que já apareceu no poema. Qual é ela? 2 EXERC Í CIOS ESSENCIAIS RESPOSTA: O pronome está substituindo a informação de que os habitantes da outra galáxia não mentem (não são mentirosos). PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS NO VESTIBULAR

17 (UEL-PR) A frase em que se emprega corretamente o pronome em destaque é: a) Ninguém sabe PORQUE, ele se recusa a assinar o recibo. b) Deu-me algumas razões, CUJAS me pareceram inconsistentes. c) Por favor, vá dizer a VOSSA EXCELÊNCIA que já chegamos. d) O delegado chamou o detento para LHE interrogar. e) Li o poema, analisei-LHE os versos, mas nada entendi. 5 EXERC Í CIOS ESSENCIAIS RESPOSTA: E PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS NO VESTIBULAR

18 (ITA-SP) O emprego de o mesmo, comumente criticado por gramáticos, é usado, muitas vezes, para evitar repetição de palavras ou ambiguidade. Aponte a opção em que o uso de o mesmo não assegura clareza na mensagem. a) Esta agência possui cofre com fechadura eletrônica de retardo, não permitindo a abertura do mesmo fora dos horários programados. (Cartaz em uma agência dos Correios) b) A reunião da Associação será na próxima semana. Peço a todos que confirmem a participação na mesma. (Mensagem, enviada por , para chamada dos associados para uma reunião) c) Antes de entrar no elevador, verifique se o mesmo se encontra parado neste andar. (Lei 9.502) d) Após o preenchimento do questionário para levantamento de necessidade de treinamento, solicito a devolução do mesmo a este Setor. (Ofício de uma instituição pública) e) A grama é colhida, empilhada e carregada sem contato manual, portanto a manipulação fica restrita à descarga do caminhão manualmente ao lado do mesmo. (Folheto de instruções para plantio de grama na forma de tapete de grama) 6 EXERC Í CIOS ESSENCIAIS RESPOSTA: B PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS NO VESTIBULAR

19 (FGV-RJ, adaptado) (...) O Brasil para ser feliz não tem necessidade de tratados com nação alguma, pois basta somente proteger a agricultura, animar a indústria manufatureira, libertar o comércio, e franquear seus portos ao mundo inteiro. O Brasil não precisa dos favores da Inglaterra. Poucas linhas atrás, Mello Moraes via com esperança o aumento das nossas (ref. 8) exportações de café para os Estados Unidos. O espírito de 1808, que rompera com o monopólio português, demandava agora seu pleno desdobramento. Nada de entraves. Na esteira do processo de integração pós-colonial dos países latino-americanos, o Brasil deveria realizar o princípio mais geral do sistema dando o maior raio possível de ação, legal ou ilegal, a quem de direito: ao senhor do café, ao senhor de engenho e aos seus agenciadores da força de trabalho, os traficantes. Para a classe dominante, o óbice maior não vinha, então, do nosso Estado constitucional, que representava o latifúndio e dele se servia; o obstáculo era interposto pela nova matriz internacional, o novo exclusivo, a Inglaterra. Entende-se a reivindicação do mais desbridado laissez-faire; entende-se a hostilidade que despertava entre os proprietários o controle da sua (ref. 7) nação por um Estado estrangeiro. Mas como o denominador ideológico comum era o liberalismo econômico, que conhece na época a sua fase áurea, só restava à retórica escravista uma saída para o impasse: mostrar que as ideias mestras da doutrina clássica, porque justas, deveriam aplicar-se com justeza às circunstâncias, às peculiaridades nacionais. BOSI, Alfredo. Dialética da colonização. 3. ed. São Paulo: Cia. das Letras, p Na referência 7, nota-se que o pronome possessivo SUA se opõe ao pronome NOSSAS (ref. 8). Esse uso de SUA, no texto, é um recurso do autor para demonstrar que os proprietários: a) Eram, realmente, os donos da nação. b) Comportavam-se como se fossem os donos da nação. c) Como brasileiros, sentiam-se coproprietários da nação. d) Sentiam-se coproprietários da nação e deveriam agir como tais. e) Não deveriam sentir-se coproprietários da nação, mas deveriam agir como tais. 10 EXERC Í CIOS ESSENCIAIS RESPOSTA: B PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS NO VESTIBULAR


Carregar ppt "PRONOMES POSSESSIVOS E DEMONSTRATIVOS O que você deve saber sobre Os pronomes possessivos estabelecem relação de posse entre o possuidor e o ser possuído."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google