A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Secretaria de Estado da Saúde Coordenadoria de Controle de Doenças Centro de Vigilância Epidemiológica Prof Alexandre Vranjac. Divisão de Vigilância Epidemiológica.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Secretaria de Estado da Saúde Coordenadoria de Controle de Doenças Centro de Vigilância Epidemiológica Prof Alexandre Vranjac. Divisão de Vigilância Epidemiológica."— Transcrição da apresentação:

1 Secretaria de Estado da Saúde Coordenadoria de Controle de Doenças Centro de Vigilância Epidemiológica Prof Alexandre Vranjac. Divisão de Vigilância Epidemiológica em Hanseníase Programa de Controle da Hanseníase

2 Município segundo tamanho da população Número de Municípios Municípios Menos de 5000 habitantes 7 OU MAIS CASOS NOS ÚLTIMOS 3 ANOS OU 1 OU MAIS CASOS EM MENOR DE 15 ANOS NO MESMO PERÍODO5 Aparecida d´Oeste, Guzolândia, Pratânia, Itapura, Santana da Ponte Pensa De 5000 a 1000 habitantes 10 OU MAIS CASOS NOS ÚLTIMOS 3 ANOS OU 1 OU MAIS CASOS EM MENOR DE 15 ANOS NO MESMO PERÍODO7 Ariranha, Fernando Prestes, Rinópolis, Cajobi, Indiana, Paulicéia Ubarana De a habitantes 15 OU MAIS CASOS NOS ÚLTIMOS 3 ANOS OU 1 OU MAIS CASOS EM MENOR DE 15 ANOS NO MESMO PERÍODO11 Auriflama, Buritama, Castilho, Junqueirópolis, Panorama, Rincão, Bocaina, Eldorado, Ipaucu, Santa Gertrudes, Severínia 3 4 5

3 31 TOTAL Adamantina, Andradina, Cajati, Dracena, Miracatu, Olímpia, Pontal, Pres.Venceslau, 8 Mais de habitantes COEF DETECÇÃO 2003 MAIOR QUE 3,0/10.000hab. Municípios Número de Municípios Município segundo tamanho da população

4 Número de Municípios Municípios Menos de 5000 habitantes 5 A 6 CASOS NOS ÚLTIMOS 3 ANOS E AUSÊNCIA DE CASOS EM MENOR DE 15 ANOS NO MESMO PERÍODO3 Lavínia, Monteiro Lobato, São João de Iracema De 5000 a 1000 habitantes 7 A 9 CASOS NOS ÚLTIMOS 3 ANOS E AUSÊNCIA DE CASOS EM MENOR DE 15 ANOS NO MESMO PERÍODO5 Avanhandava, Estrela do Norte, Flórida Paulista, Jaborandi, Porangaba De a habitantes 10 a 14 CASOS NOS ÚLTIMOS 3 ANOS E AUSÊNCIA DE CASOS EM MENOR DE 15 ANOS NO MESMO PERÍODO4 Lucélia, Miguelópolis, Presidente Bernardes, Tupi Paulista

5 58TOTAL Mais de habitantes COEF DETECÇÃO 2003 MAIOR OU IGUAL A 1,0/ hab. E MENOR DO QUE 3,0/10.000HAB. Municípios Número de Municípios Município segundo tamanho da população Aguaí, Alvares Machado, Américo Brasiliense Barretos,Barrinha, Boituva, Cajuru, Cândido Mota,Caraguatatuba, Guaíra, Guaratingueta, Guariba, Iguarapava, Iguape,Ilha Solteira, Iperó, Itatiba,Jaguariúna, José Bonifácio, Juquitiba, Leme, Limeira, Lins, Mirandópolis, Monte Alto, Morro Agudo, Osvaldo Cruz, Ourinhos, Pereira Barreto, Pirapozinho, Pitangueiras,, Presidente Epitácio, Presidente Prudente, Rio Claro, Rio Claro, Rio Grande da Serra, Rosana, Santa Cruz das Palmeiras, Santa Isabel, Santo Anastácio, Serra Negra, Sertãozinho, Tanabi, Tupã, Ubatuba,Votuporanga. 46

6 Casos Novos De Hanseníase 2005, População Maior Do Que hab. E Coef. Em Menores De 15 Anos 0,49/10.000hab, Segundo Coef. Menor De 15 Anos P/ Hab. o Cajati (1,72) o Presidente Epitácio (0,84) o Capivari (0,76) o Bertioga(0,72) o Vinhedo (0,70) o Lins (0,58) o Presidente Prudente (0,58) Município Casos Novos Pop Coef. (10.000hab.) Itu ,48 Juquitiba ,99 Leme ,80 Monte Mor ,74 Pitangueiras ,95 Pontal ,97 Registro ,57 Tremembé ,96 Votuporanga ,06

7 Critérios Ministério da Saude Critério ESP – P Critério ESP – P Total de Municípios Prioritários Total de Municípios não Prioritários

8

9 Diferentes níveis de complexidade das ações de controle da hanseníase Diferentes situações epidemiológicas e operacionais.

10


Carregar ppt "Secretaria de Estado da Saúde Coordenadoria de Controle de Doenças Centro de Vigilância Epidemiológica Prof Alexandre Vranjac. Divisão de Vigilância Epidemiológica."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google