A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

PERNAMBUCO NA COPA DO MUNDO DE 2014. 2 O Projeto da Arena da Copa 2014.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "PERNAMBUCO NA COPA DO MUNDO DE 2014. 2 O Projeto da Arena da Copa 2014."— Transcrição da apresentação:

1 PERNAMBUCO NA COPA DO MUNDO DE 2014

2 2 O Projeto da Arena da Copa 2014

3 Território de Abrangência Escala Metropolitana A Região Metropolitana do Recife – RMR apresenta vocação histórica para a interdependência entre seus municípios. Apresenta acentuado processo de conurbação, evidenciando uma interação não só econômica, mas também sócio-espacial, como apontam os seguintes dados: RMR – 3,65 milhões, com densidade de 1.600 hab/Km²; Municípios conurbados (Recife, Olinda, Jaboatão, Paulista, Camaragibe) – 3,0 milhões, com densidade de 3.333 hab/Km², o que corresponde a 84% da RMR. Capitais com maiores densidades do País 1ª Fortaleza – 7760 hab/Km²; 2ª Belo Horizonte – 7280 hab/Km²; 3ª São Paulo – 7140 hab/Km²; 4ª Recife - 7.000 hab/Km². CENTRO METROPOLITANO Polo de Serviços Polo Turístico TERRITÓRIO NORTE Polo Farmoquímico Polo Turístico TERRITÓRIO SUL Complexo Industrial e Portuário de SUAPE Polo Turístico Cidade da Copa Porto do Recife - 19 Km Aeroporto - 19 Km TIP – 2Km 3

4 NOVA CENTRALIDADE URBANA 4

5 PRINCIPAIS DISTÂNCIAS 5

6 INFRAESTRUTURA VIÁRIA 6

7 7 MASTERPLAN CIDADE DA COPA 2014

8 Área construída 129.581 m² Estacionamento 6.000 (vagas) 8 ARENA LOCALIZAÇÃO

9 ARENA PREMISSAS PROJETAR E CONSTRUIR A ARENA NO PADRÃO FIFA POSSIBILITAR A IMPLANTAÇÃO DE UM EMPREENDIMENTO QUE REPRESENTE UM NOVO MARCO PARA O ESTADO DE PERNAMBUCO E PARA O BRASIL CONCEITO GREEN BUILDING RESERVA E UTILIZAÇÃO DE ÁGUA DE CHUVA, REUSO DE ÁGUA, ENERGIA SOLAR, SOLUÇÕES QUE UTILIZAM A LUZ E VENTILAÇÃO NATURAIS ATENDIMENTO ÀS NECESSIDADES DE CONFORTO E SEGURANÇA DO PÚBLICO O PROJETO POSSIBILITA QUE A ARENA RECEBA, ALÉM DOS JOGOS, OUTROS EVENTOS COMO SHOWS, CONVENÇÕES E FEIRAS A ÁREA SELECIONADA PERTENCE AO GOVERNO DO ESTADO E É IDEAL PARA RECEBER O EMPREENDIMENTO 9

10 ARENA PROJETO CONCEITUAL O partido utilizado considerou o grande apelo natural e as dimensões generosas da área, criando um projeto único e integrado ao seu entorno. 10

11 Projetada para dar forma e fechamento à estrutura, cumprindo distintas funções, unindo forma e função 11 ARENA PROJETO CONCEITUAL

12 Público46.154 Tribuna de honra 60 Camarotes4.322 Business Seats 4.504 Premium Seats 5.900 Assentos29.948 12 ARENA PROJETO CONCEITUAL

13 Área da cobertura 18.000 m² Área de assentos cobertos 25.498 m² 13 ARENA PROJETO CONCEITUAL

14 Posições para Imprensa Escrita 162 Business Seats 4.504 Área disponível para imprensa 5.838 m² 14 ARENA PROJETO CONCEITUAL

15 Lounges 15 ARENA PROJETO CONCEITUAL

16 Camarotes 16 ARENA PROJETO CONCEITUAL

17 MODELAGEM | CIDADE DA COPA UMA NOVA CENTRALIDADE URBANA PROJETO COM DUAS UNIDADES DE NEGÓCIO Unidade de Negócios 1 Arena Unidade de Negócios 2 EmpreendimentosImobiliários 17

18 Motivadores: Recomendação da FIFA para envolvimento do setor privado Grande necessidade de investimentos para implantação do projeto Procedimentos licitatórios mais ágeis Preocupação com a sustentabilidade do projeto no pós-Copa Custos elevados para operação e manutenção da Arena Necessidade de gestão profissional do equipamento Aumenta atratividade para o privado com mecanismo de contraprestação pública Experiência do Estado com esta modelagem (PPPs Paiva e Centro de Ressocialização) 18 MODELAGEM | Projeto da Arena da Copa Modelo adotado: Parceria Público – Privada (PPP)

19 Agentes desenvolvedores do Projeto: Construtora Norberto Odebrecht e ISG – Internacional Stadia Group Prazo de Concessão: 3 anos de construção + 30 anos de operação Clubes envolvidos: Sport; Náutico; Santa Cruz, jogando suas 20 melhores partidas, cada Licenças ambientais: Licença Prévia LP emitida em 31/08/2009 Financiamento: BNDES / BNB Impostos Estaduais e Municipais: isenções estadual e municipais (Recife e São Lourenço da Mata) já concedidas mediante aprovação de leis. 19 MODELAGEM | Projeto da Arena da Copa Informações gerais

20 SPE Arena EPCO&M Exploração Imobiliária ContratoCustos Receitas Receita Acessória Poder Concedente (Estado de Pernambuco) Contraprestação Conta Garantia Contrato PPP Terreno Investidores Privados Dividendos Equity Garantias Agentes Financeiros Receita Conteúdo Clubes 20 MODELAGEM | Projeto da Arena da Copa Modelo Adotado: Parceria Público – Privada (PPP)

21 Final da Concessão Liberação Empréstimo Constru ção 33 20 3 BNDES SPE Empréstimo Ponte Alavancagem 75%/25% Empréstimo Stand by/ Garantia do Empréstimo ponte 0 ESTADO SPE Período de Concessão (30 anos) Período de Concessão (30 anos) Período de amortização do empréstimo 12 21 MODELAGEM | Projeto da Arena da Copa Estrutura do Financiamento

22 AÇÃODATARESPONSÁVEL Conclusão dos pareceres internos (SEFAZ, PGE, SEPLAG)05.08.09Gov. PE Reunião Comitê Gestor das PPPs para aprovação consulta pública07.08.09Gov. PE Lançamento da consulta pública (edital e minuta de contrato)10.08.09Gov. PE Conclusão da revisão do edital e contrato14.09.09Gov. PE Publicação do edital definitivoAté 21.12.09Gov. PE Início das obras da Arena08.03.10SPE Conclusão das obras da Arena31.12.12SPE Início de operação da Arena06.01.13SPE/Gov.PE/FIFA 22 Cronograma / Projeto Arena da Copa


Carregar ppt "PERNAMBUCO NA COPA DO MUNDO DE 2014. 2 O Projeto da Arena da Copa 2014."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google