A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Paciente J. G., 84 anos, portador de HA há cerca de 40 anos, com diagnóstico de arterionefrosclerose desde 1999 (ureia= 58 mg/dl; creat= 1,9 mg/dl). MEDICAÇÃO:

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Paciente J. G., 84 anos, portador de HA há cerca de 40 anos, com diagnóstico de arterionefrosclerose desde 1999 (ureia= 58 mg/dl; creat= 1,9 mg/dl). MEDICAÇÃO:"— Transcrição da apresentação:

1

2 Paciente J. G., 84 anos, portador de HA há cerca de 40 anos, com diagnóstico de arterionefrosclerose desde 1999 (ureia= 58 mg/dl; creat= 1,9 mg/dl). MEDICAÇÃO: enalapril (5 mg BID), alopurinol (100 mg/dia), atorvastatina (10 mg/dia).

3 INÍCIO 2006: hipercalemia leve e esporádica, sem perda expressiva de função renal. URINA SANGUE – Na U: 303 mEq/diaureia: 89 mg/dl Na: 136 mEq/L – K U: 44 mEq/diacreat: 2,1 mg/dl K: 6,5 mEq/L – Proteinúria: 336 mg/diaácido úrico: 6,6 mg/dl – FeNa: 5,77% (em uso de tiazídico – indapamida).

4 EXAMES SIGNIFICATIVOS:

5

6

7

8

9 outnovdezjanfev OBSERVAÇÕES MEDICAÇÃO LOSARTAN 50/DIA FUROSEMIDA 80 BID NARCARICINA S/ LOSARTAN S/ FUROSEMIDA INICIADO ANLODIPINA 2,5 MG/DIA S/ LOSARTAN S/ FUROSEMIDA OU OUTRO DIURÉTICO GOTA ATIVA HÁLUX D CLORTALIDONA NARCARICINA, ANLODIPINA, SINVASTATINA, CÁLCIO S/ FUROSEMIDA S/ LOSARTAN outnovdezjanfev uréia (15-45mg/dl) creatinina (0,5-1,2mg/dl)3,72,12,32,42,5 Na ( mEq/L) K (3,5-5,5 mEq/L)4,75,46,14,95,9 Cl ( mEq/L)105 Ca (8,6-10,0 mg/dl)9,2 9,3 P (3,5-5,0 mg/dl)4,2 ácido úrico (2,5-6,5 mg/dl)10,35,65,76,17,2 pH7,19 7,25 bic28,4 23,5 BE-0,9 -4,2 Pco ADO (4,0-31,0 ng/dl) 8,98,1 cortisol (5-25 mcg/dl) 13,7 renina ( 0,51-2,64 ng/ml/h) 0,88 FeNa (%) 4,35,32,83,5 osm U ( ) 380 osm S ( ) 300 TTKG 4,1 ADO U (6,0-25mcg/dia) 2,03,6 cortisol U (10-90 mcg/dia) 18 clearence creatinina ( ml/min) proteinúria (< 300 mg/dia) 792 Na U (mEq/dia) K U (> 60 mEq/dia) 13,9 20 Ca U (mg/dia) glicosúria (mg/dia) aminoacidúria β2microglobulina U (30-330mcg/dia) 104

10

11 HIPOALDOSTERONISMO ISOLADO Hipercalemia leve (< 6,5 mEq/L) Resposta inapropriada da aldosterona à hipercalemia. Ausência de sintomas Idosos, DM em 50% dos casos. Hipovolemia e acidose metabólica severa em dietas hipossódicas Abordagem: – Restrição de: K, drogas retentoras de K – Evitar dieta hipossódica – fludrocortisona


Carregar ppt "Paciente J. G., 84 anos, portador de HA há cerca de 40 anos, com diagnóstico de arterionefrosclerose desde 1999 (ureia= 58 mg/dl; creat= 1,9 mg/dl). MEDICAÇÃO:"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google