A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Cidade e o campo Nos Maias. Cidade Coimbra (local ligado a formação académica de Carlos, onde este tem um primeiro contacto com a vida boémia) Cap. IV.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Cidade e o campo Nos Maias. Cidade Coimbra (local ligado a formação académica de Carlos, onde este tem um primeiro contacto com a vida boémia) Cap. IV."— Transcrição da apresentação:

1 Cidade e o campo Nos Maias

2 Cidade

3 Coimbra (local ligado a formação académica de Carlos, onde este tem um primeiro contacto com a vida boémia) Cap. IV pág. 92 e 94 Lisboa Estrangeiras: Londres, Paris, Richmond, Roma, Viena e Mónaco. Cap.I pág. 18, 20, 21

4 Lisboa Lisboa é a alma de Portugal; Lisboa é Portugal (…) Fora de Lisboa não há nada. O país está todo entre a Arcada e S. Bento!... Cap. I pág.6 Degradação moral; Palco do fracasso das potencialidades de Carlos; Cidade pequena; Porque a o que o irritava agora era não poder encontrar, na pequenez de Lisboa, onde toda gente se acotovela… Cap. I pág. 243

5 Local de tragédia: fuga de Pedro com Maria Monforte; Dois dias depois Vilaça entrou em Benfica, com as lágrimas nos olhos, contando que o menino casara de madrugada – e segundo lhe dissera o Sérgio, procurador do Monforte, ia partir com a noiva para Itália. Cap. I pág. 30 suicídio de Pedro; A madrugada clareava, Afonso ia adormecendo – quando de repente um tiro atroou a casa. Precipitou-se do leito despido e gritando (…)Afonso encontrou seu filho morto, apertando uma pistola na mão. Cap.I pág. 54 morte de Afonso; Afonso da Maia lá estava, nesse recanto quintal, sob os ramos de cedro, sentado no banco de cortiça tombado por sobre a tosca mesa, com face caída entre os braços. Cap. XVII pág. 677

6 Campo

7 Sintra Santa Olávia

8 Sintra Vila situada perto da cidade; Possui grande riqueza e diversidade paisagística ; Local pacífico; pág. 223 Episódio do passeio a Sintra: Carlos em busca de Maria Eduarda e do seu amor; pág. 223 passeio de Eusébiozinho com as espanholas; pág. 228 local para "gozar um bocado de poesia" e não para "questões e amuos" ; pág. 229 e 230 local sublime; pág.232 um espaço de e para artistas; pág. 234 local romântico por excelência e divino ; pág. 235 e 237 Local onde se dá desapontamento entre o que se vê e o que se imaginava; pág. 237

9 Local com um bom ar, e que dá saúde; pág. 233 e 235 lugar onde não se devem trazer meretrizes; pág. 238 local melancólico;

10 Santa Olávia Solar da família Maia, na margem do Douro; … sabiam que desde a Regeneração eles viviam retirados na sua Quinta de Santa Olávia, nas margens do Douro… Espaço natural; Símbolo da fertilidade da terra, onde abunda a água: O que o prendera mais a Santa Olávia fora a sua grande riqueza de águas vivas, nascentes, repuxos, tranquilo espelhar de águas paradas, fresco murmúrio de águas regantes… Simboliza a vida e a regeneração dos dois varões da família; Local tranquilo;

11 Local da educação à inglesa de Carlos; Cap. III pág.67,70,72 Local da educação à portuguesa (no caso do Silveirinha); Cap. III pág. 82 Local de tradições: a ida à missa e as procissões; Cap. III pág. 80 e 81 O campo é visto como local de inocência, ingenuidade, falta de conhecimento do mundo. Cap. III pág. 64

12 Local de refúgio das personagens principais: Morte de Pedro: … o próprio encanto de Santa Olávia, o fresco cantar das águas vivas por tanques e repuxos, vinha agora com cadência saudosa de um choro. Cap. II pág. 55 Morte de Afonso: Carlos não sabia. Contava que Ega, terminada essa missão à Rua de S. Francisco, fosse aborrecer-se uns dias com ele a Santa Olávia. Mais tarde era necessário trasladar para lá o corpo do avô… Cap. XVII 686 e 687

13 Trabalho realizado por: Sara Andrade nº 24 11º4


Carregar ppt "Cidade e o campo Nos Maias. Cidade Coimbra (local ligado a formação académica de Carlos, onde este tem um primeiro contacto com a vida boémia) Cap. IV."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google