A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Faculdade Pitágoras Cursos Tecnólogos Tipos de cabos Cabos Coaxiais e CI 1.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Faculdade Pitágoras Cursos Tecnólogos Tipos de cabos Cabos Coaxiais e CI 1."— Transcrição da apresentação:

1 Faculdade Pitágoras Cursos Tecnólogos Tipos de cabos Cabos Coaxiais e CI 1

2 Meios de Transmissão. A informação, em sua forma analógica ou digital, com modulação ou codificação pode ser transmitida em meios guiados ou sem fio. Sem fio – Rádio – Microondas – Satélites Meios Guiados –Par Trançado –Cabo Coaxial –Fibra Óptica PVO MNS EBTPVO MNS EBT, a caminhonete do vovô.

3 Meios Guiados / Cabeamento Os meios guiados diferem-se entre si com relação ao modo de propagação dos sinais, banda passante, atenuação, imunidade ao ruído, custo, disponibilidade e confiabilidade – Ex: Fibra ( Propagação, Banda Passante, disponibilidade-sílica) Coaxial (Imunidade ao ruído ) Par trançado ( Maior confiabilidade em relação ao coaxial) São o elo mais fraco de uma rede

4 Meios Guiados / Cabeamento Os meios de tx também diferem-se entre si pela sua suceptibilidade a fenômenos como: Distorção de Amplitude Distorção de fase (atraso) Diafonia (Crosstalk) Ruído Impulsivo

5 Cabeamento Sob a ação de elementos externos, o sinal presente no cabeamento pode se degradar sob o efeito de interferências externas. Os tipos mais comuns de ruído são aqueles causados por: EMI( interferência eletromagnética) e RFI (Interferência de Rádio Frequência) Fontes de EMI – Descargas atmosféricas, – Circuitos e cabos elétricos – Lâmpadas fluorescentes. – Relés, comutadores

6 Cabeamento Fontes de EFI – motores elétricos – fonte de alimentação de alguns equipamentos Contramedidas: – Blindagem dos cabos – Aterramento elétrico Medida de susceptibilidade eletromagnética

7 Cabo Coaxial Foi a mídia utilizada inicialmente nas redes locais

8 Vantagens sobre o par trançado: – Oferece maior imunidade ao ruído e fuga eletromagnética – Permite também a transmissão a distâncias relativamente longas sem distorção e sem necessidade de regenerar o sinal - Permite o uso de redes multi-canal (broadband). - Mais barato que o par traçado blindado. Cabo Coaxial

9 Desvantagens – Por não ser flexível o suficiente, quebra e apresenta mau contato com facilidade. – Mais rígido, pode dificultar a manipulação através de canaletas – Mau contato ou rompimento do cabo pode paralisar toda a rede (topologia tipicamente de barramento)

10 Cabo Coaxial Fino Também conhecido como cabo coaxial em Banda Base ou Thin Ethernet ou 10base2. Mais maleável e menos susceptível a reflexões do sinal Maior imunidade a ruídos eletromag. de baixa freq.

11 Uma rede usando cabo coaxial fino com topologia linear. A distância mínima entre duas máquinas em uma rede usando cabo coaxial fino é de 0,5 m. Cabo Coaxial Fino

12 Conexão tipo T Utiliza a especificação RG-58 A/U Cada segmento da rede pode ter, no máximo, 185 metros Cada segmento pode ter, no máximo, 30 nós Distância mínima de 0,5 m entre cada nó da rede Utilizado com conector BNC 12

13 Conexão tipo T

14 Como vimos, o cabo coaxial fino possui um limite de 185 metros de comprimento. É possível aumentar o comprimento da rede através de um dispositivo chamado repetidor. Cabo Coaxial Fino

15 Terminações em cabos coaxiais SMAConector FConector T Conector Barril

16 Cabo Coaxial Grosso Também conhecido como cabo coaxial de banda larga, Thick Ethernet, ou 10Base5 Blindagem dupla, ao contrário do cabo coaxial fino, que possui apenas uma blindagem. É por esse motivo que esse tipo de cabo é grosso. Menos flexivel.Difícil passagem por conduítes. Utilizado antigamente para backbones de redes. Atualmente quase em desuso nas redes Ethernet. Maior aplicação em ambientes industriais, de controle de processo que necessitam de maior proteção a ruídos.

17 Cabo Coaxial Grosso A transmissão ocorre normalmente utilizando um cabo para tx e outro para rx ou em um único cabo utilizando-se frequências diferentes para tx e rx. Utilizado no padrão 10Base5 – Ethernet Grosso

18 O conector vampiro é ligado a um transceptor (transceiver), que por sua vez é ligado à placa de rede do micro através de um cabo que pode ter até 15 metros. MAU (Media Acess UNIT) Cabo Coaxial Grosso 2,5 metros

19 Este cabo, faz a conexão entre o transciver e a porta AUI (Attachement Unit Interface ou DIXA (Digital Intel Xerox). Cabo Coaxial Grosso Conector fêmea de 15 pinos

20 Padrão 10broad36 – Variante banda larga do 10base5 – Vantagem: Alcance maior e transmissão de múltiplos sinais em diferentes freqüências – Desvantagens: Equipamentos possuem maior custo, devido a etapa de RF.

21 Cabo Coaxial Fino x Grosso RG59 – Antena de TV RG6 - CATV

22 Cabeamento Estruturado Cabo Coaxial Utilizamos cabos coaxiais para : Sistemas circuito interno de tv (coaxial fino) Rádios / Antenas (coaxial fino e grosso) Equipamentos hospitalares (coaxial fino e grosso) Estações de tv Sistemas de telefonia digital (Pabx interface E1) 22

23 Vantagens sobre o par trançado: – Oferece maior imunidade ao ruído e fuga eletromagnética – Permite também a transmissão a distâncias relativamente longas sem distorção e sem necessidade de regenerar o sinal - Permite o uso de redes multi-canal (broadband). - Mais barato que o par trançado blindado. Cabo Coaxial 23

24 Cabo Coaxial Desvantagens – Por não ser flexível o suficiente, quebra e apresenta mau contato com facilidade. – Mais rígido, pode dificultar a manipulação através de canaletas – Mau contato ou rompimento do cabo pode paralisar toda a rede (topologia tipicamente de barramento) 24


Carregar ppt "Faculdade Pitágoras Cursos Tecnólogos Tipos de cabos Cabos Coaxiais e CI 1."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google