A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

As trombetas de In Paradisum do Requiem de Fauré, evocam o encontro final com Dios Cristo Rei –TC- A.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "As trombetas de In Paradisum do Requiem de Fauré, evocam o encontro final com Dios Cristo Rei –TC- A."— Transcrição da apresentação:

1

2 As trombetas de In Paradisum do Requiem de Fauré, evocam o encontro final com Dios Cristo Rei –TC- A

3 Túmulos do século I, no vale de Josafat, onde Joel diz que os justos ressuscitarão As nossas obras nos julgam

4 Josafat, à direita, o vale dos justos Geêna, à esquerda, o vale dos injustos Os actos de hoje preparam o amanhã eterno Dois vales delimitavam a antiga Jerusalém

5 Mt 25, Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: «Quando o Filho do homem vier na sua glória com todos os seus Anjos, sentar-Se-á no seu trono glorioso. Todas as nações se reunirão na sua presença e Ele separará uns dos outros, como o pastor separa as ovelhas dos cabritos; e colocará as ovelhas à sua direita e os cabritos à sua esquerda. Mt 25, Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: «Quando o Filho do homem vier na sua glória com todos os seus Anjos, sentar-Se-á no seu trono glorioso. Todas as nações se reunirão na sua presença e Ele separará uns dos outros, como o pastor separa as ovelhas dos cabritos; e colocará as ovelhas à sua direita e os cabritos à sua esquerda.

6 As vossas obras dizem claro se sois ovelhas ou cabritos Em que lugar vos põem?

7 Então o Rei dirá aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai; recebei como herança o reino que vos está preparado desde a criação do mundo. Porque tive fome e destes-Me de comer; tive sede e destes-Me de beber; era peregrino e Me recolhestes; não tinha roupa e Me vestistes; estive doente e viestes visitar-Me; estava na prisão e fostes ver-Me.

8 Se tiverdes partilhado a dor e a solidão… Sentireis que a Vida vos pertence

9 Então os justos Lhe dirão: Senhor, quando é que Te vimos com fome e Te demos de comer, ou com sede e Te demos de beber? Quando é que Te vimos peregrino e Te recolhemos, ou sem roupa e Te vestimos? Quando é que Te vimos doente ou na prisão e Te fomos ver?

10 O tempo que dás, é o que conta Embora não o sintas Percy acompanhando Lúcio nos últimos momentos

11 E o Rei lhes responderá: Em verdadde vos digo: Quantas vezes o fizestes a um dos meus irmãos mais pequeninos, a Mim o fizestes.

12 Cada vez que alargais a mão, ela se enche de sementes A seu tempo darão fruto

13 Dirá então aos que estiverem à sua esquerda: Afastai-vos de Mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o demónio e os seus anjos. Porque tive fome e não Me destes de comer; tive sede e não Me destes de beber; era peregrino e não Me recolhestes; estava sem roupa e não Me vestistes; estive doente e na prisão e não Me fostes visitar.

14 Não busqueis o que é só uma sombra O vazio é incapaz de encher

15 Então também eles Lhe hão-de perguntar: Senhor, quando é que Te vimos com fome ou com sede, pere- grino ou sem roupa, doente ou na prisão, e não Te prestámos assistên- cia? E Ele lhes responderá: Em verdade vos digo: Quantas vezes o deixastes de fazer a um dos meus irmãos mais pequeninos, também a Mim o deixastes de fazer.

16 A crise actual afecta sobretudo os países mais pobres Se alguém, que possua bens neste mundo, vê o seu irmão que passa necessidade e lhe fecha o seu coração, Deus não pode habitar nele (1Jo 3, 17)

17 Estes irão para o suplício eterno e os justos para a vida eterna».

18 A morte ou a Vida estão nas tuas mãos Dás-te conta que para subir, antes há que baixar?

19 Senhor Jesus, ajuda-nos a Servir os pequenos nas ocasiões que a vida nos depara.


Carregar ppt "As trombetas de In Paradisum do Requiem de Fauré, evocam o encontro final com Dios Cristo Rei –TC- A."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google