A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

IMPORTAÇÃO DE LAMINADOS JANEIRO - MARÇO 2005. DEFINIÇÕES OBJETIVO : Analisar a evolução das importações de laminados plásticos de 2002 ao 1º trimestre.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "IMPORTAÇÃO DE LAMINADOS JANEIRO - MARÇO 2005. DEFINIÇÕES OBJETIVO : Analisar a evolução das importações de laminados plásticos de 2002 ao 1º trimestre."— Transcrição da apresentação:

1 IMPORTAÇÃO DE LAMINADOS JANEIRO - MARÇO 2005

2 DEFINIÇÕES OBJETIVO : Analisar a evolução das importações de laminados plásticos de 2002 ao 1º trimestre de ESCOPO : Pesquisar as NCMs (Nomeclatura Comum do Mercosul) afins ao segmento de laminados plásticos.

3 DEFINIÇÕES UNIDADE FÍSICA : ton/mês (toneladas por mês). UNIDADES DE VALOR : U$ FOB (Dólares americanos, free on board - produto pronto para embarque). U$ FOB/kg (Dólares americanos por tonelada, free on board). FONTES : MDIC (Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior), TEC (Tarifa Externa Comum).

4 TÍTULO DO GRÁFICO unidade NCM

5 Reforçados PVC PU TEC - 11 / 04 / 2005 Flexíveis Rígidos PVC Sem Reforço

6 NCMs ALVO

7 FOCO DA PESQUISA - IMPORTAÇÃO ton/mês NCM CHAPAS, PELÍCULAS DE PVC, SEM REFORÇO, PLASTIFICADO CHAPAS, PELÍCULAS DE PLÁSTICOS, COM REFORÇO, OUTROS CHAPAS, PELÍCULAS, SEM REFORÇO, DE PVC, RÍGIDAS CHAPAS, PELÍCULAS DE PLÁSTICOS, OUTROS TECIDO RECOBERTO DE PLÁSTICO, COM PVC TECIDO RECOBERTO DE PLÁSTICO, OUTROS TECIDO RECOBERTO DE PLÁSTICO, COM POLIURETANO FALSOS TECIDOS, RECOBERTOS, DE FILAMENTOS SINTÉTICOS OU ARTIFICIAIS FALSOS TECIDOS, RECOBERTOS, OUTROS

8 NCM FILMES DE PVC COM MAIS DE 6% DE PLASTIFICANTE

9 NCM FILMES DE PVC COM MAIS DE 6% DE PLASTIFICANTE EVOLUÇÃO DO VOLUME IMPORTADO ton / mês 4%

10 DISTRIBUIÇÃO POR ORIGEM - 1° Trim NCM FILMES DE PVC COM MAIS DE 6% DE PLASTIFICANTE

11 EVOLUÇÃO DA IMPORTAÇÃO POR ORIGEM ton / mês NCM FILMES DE PVC COM MAIS DE 6% DE PLASTIFICANTE 9% 358% 149% 29%

12 EVOLUÇÃO E PARTICIPAÇÃO ASIÁTICOS ton / mês 20% 35% 41% 38% NCM FILMES DE PVC COM MAIS DE 6% DE PLASTIFICANTE ASIÁTICOS: TAIWAN (FORMOSA), CHINA, CORÉIA DO SUL.

13 EVOLUÇÃO PREÇOS: PRODUTO/PVC NA ÁSIA U$ FOB/kg 47% 91% 12% NCM FILMES DE PVC COM MAIS DE 6% DE PLASTIFICANTE ASIÁTICOS: TAIWAN (FORMOSA), CHINA, CORÉIA DO SUL.

14 RELAÇÃO DE PREÇOS: PRODUTO/PVC NA ÁSIA U$/kg produto / U$/kg Resina de PVC + 60% + 10% - 0% NCM FILMES DE PVC COM MAIS DE 6% DE PLASTIFICANTE ASIÁTICOS: TAIWAN (FORMOSA), CHINA, CORÉIA DO SUL. Resina PVC

15 NCM FILMES E CHAPAS RÍGIDOS DE PVC

16 NCM FILMES E CHAPAS RÍGIDOS DE PVC EVOLUÇÃO DO VOLUME IMPORTADO ton / mês 122%

17 DISTRIBUIÇÃO POR ORIGEM - 1° Trim NCM FILMES E CHAPAS RÍGIDOS DE PVC

18 EVOLUÇÃO DA IMPORTAÇÃO POR ORIGEM ton / mês 239% NCM FILMES E CHAPAS RÍGIDOS DE PVC

19 EVOLUÇÃO E PARTICIPAÇÃO ASIÁTICOS ton / mês 48% 30% 56% 31% ASIÁTICOS: TAIWAN (FORMOSA), CHINA, CORÉIA DO SUL. NCM FILMES E CHAPAS RÍGIDOS DE PVC

20 EVOLUÇÃO PREÇOS: PRODUTO/PVC NA ÁSIA U$ FOB/kg + 38% + 91% - 36% ASIÁTICOS: TAIWAN (FORMOSA), CHINA, CORÉIA DO SUL. NCM FILMES E CHAPAS RÍGIDOS DE PVC

21 RELAÇÃO DE PREÇOS: PRODUTO/PVC NA ÁSIA U$/kg produto / U$/kg Resina de PVC + 40% - 50% - - ASIÁTICOS: TAIWAN (FORMOSA), CHINA, CORÉIA DO SUL. NCM FILMES E CHAPAS RÍGIDOS DE PVC Resina PVC

22

23 NCM TECIDOS REVESTIDOS DE PVC

24 EVOLUÇÃO DO VOLUME IMPORTADO ton / mês 110% NCM TECIDO REVESTIDO COM PVC

25 DISTRIBUIÇÃO POR ORIGEM - 1° Trim NCM TECIDO REVESTIDO COM PVC

26 EVOLUÇÃO DA IMPORTAÇÃO POR ORIGEM ton / mês 120% 142% NCM TECIDO REVESTIDO COM PVC

27 EVOLUÇÃO E PARTICIPAÇÃO ASIÁTICOS ton / mês 92% 90% 91% ASIÁTICOS: TAIWAN (FORMOSA), CHINA, CORÉIA DO SUL. NCM TECIDO REVESTIDO COM PVC

28 EVOLUÇÃO PREÇOS: PRODUTO/PVC NA ÁSIA U$ FOB/Kg - 9% + 91% - 51% ASIÁTICOS: TAIWAN (FORMOSA), CHINA, CORÉIA DO SUL. NCM TECIDO REVESTIDO COM PVC

29 RELAÇÃO DE PREÇOS: PRODUTO/PVC NA ÁSIA U$/kg produto / U$/kg Resina de PVC + 160% + 50% - 30%- ASIÁTICOS: TAIWAN (FORMOSA), CHINA, CORÉIA DO SUL. NCM TECIDO REVESTIDO COM PVC Resina PVC

30 NCM TECIDOS REVESTIDOS DE POLIURETANO

31 EVOLUÇÃO DO VOLUME IMPORTADO ton / mês 39% NCM TECIDO REVESTIDO COM POLIURETANO

32 DISTRIBUIÇÃO POR ORIGEM - 1° Trim NCM TECIDO REVESTIDO COM POLIURETANO

33 EVOLUÇÃO DA IMPORTAÇÃO POR ORIGEM ton / mês 30% 41% 152% 66% NCM TECIDO REVESTIDO COM POLIURETANO

34 EVOLUÇÃO E PARTICIPAÇÃO ASIÁTICOS ton / mês 65% 55% 69% 68% ASIÁTICOS: TAIWAN (FORMOSA), CHINA, CORÉIA DO SUL. NCM TECIDO REVESTIDO COM POLIURETANO

35 EVOLUÇÃO PREÇOS PRODUTO U$ FOB/Kg 42% - 28% ASIÁTICOS: TAIWAN (FORMOSA), CHINA, CORÉIA DO SUL. NCM TECIDO REVESTIDO COM POLIURETANO

36 NCM / / FILMES E LAMINADOS REFORÇADOS DE PVC

37 EVOLUÇÃO DO VOLUME IMPORTADO ton / mês 66% NCM FILMES E LAMINADOS REFORÇADOS DE PVC

38 DISTRIBUIÇÃO POR ORIGEM - 1° Trim NCM FILMES E LAMINADOS REFORÇADOS DE PVC

39 EVOLUÇÃO DA IMPORTAÇÃO POR ORIGEM ton / mês 151% NCM FILMES E LAMINADOS REFORÇADOS DE PVC

40 EVOLUÇÃO DA IMPORTAÇÃO POR ORIGEM ton / mês 16% 170% NCM FILMES E LAMINADOS REFORÇADOS DE PVC

41 EVOLUÇÃO E PARTICIPAÇÃO ASIÁTICOS ton / mês 50%46% 67% 57% ASIÁTICOS: TAIWAN (FORMOSA), CHINA, CORÉIA DO SUL. NCM FILMES E LAMINADOS REFORÇADOS DE PVC

42 EVOLUÇÃO PREÇOS: PRODUTO/PVC NA ÁSIA U$ FOB/Kg 49% 91% - 45% ASIÁTICOS: TAIWAN (FORMOSA), CHINA, CORÉIA DO SUL. NCM FILMES E LAMINADOS REFORÇADOS DE PVC

43 RELAÇÃO DE PREÇOS: PRODUTO/PVC NA ÁSIA U$/kg produto / U$/kg Resina de PVC + 124% + 80% - 30% - 10% ASIÁTICOS: TAIWAN (FORMOSA), CHINA, CORÉIA DO SUL. Resina PVC NCM FILMES E LAMINADOS REFORÇADOS DE PVC


Carregar ppt "IMPORTAÇÃO DE LAMINADOS JANEIRO - MARÇO 2005. DEFINIÇÕES OBJETIVO : Analisar a evolução das importações de laminados plásticos de 2002 ao 1º trimestre."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google