A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

2) NARRATIVAS DO ANTIGO TESTAMENTO SEU EMPREGO APROPRIADO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "2) NARRATIVAS DO ANTIGO TESTAMENTO SEU EMPREGO APROPRIADO."— Transcrição da apresentação:

1 2) NARRATIVAS DO ANTIGO TESTAMENTO SEU EMPREGO APROPRIADO

2 Mais de 40% do AT é composto de narrativa. Este é o gênero predominante em toda a Bíblia. Livros do AT compostos, em grande medida ou inteiramente, de matéria narrativa: Gênesis, Josué, Juízes, Rute, 1º e 2º Samuel, 1º e 2º Crônicas, Esdras, Neemias, Daniel, Jonas e Ageu. Além disto, Êxodo, Números, Jeremias, Ezequiel, Isaías, e Jó contêm porções narrativas substanciais.

3 O QUE SÃO NARRATIVAS? As narrativas são histórias. Elas nos contam acerca de coisas que aconteceram – mas não quaisquer coisas. O propósito delas é mostrar-nos Deus operando na Sua criação e entre Seu povo. As narrativas O glorificam, ajudam-nos a entendê-lo e dar o devido valor a Ele, e nos dão um quadro da Sua providência e proteção. Ao mesmo tempo, também fornecem ilustrações de muitas outras lições que são importantes para nossas vidas.

4 TRÊS NÍVEIS DE NARRATIVA O nível superior. É aquele do plano universal inteiro de Deus, elaborado através da Sua criação. Aspectos-chaves do enredo neste nível superior são: a própria criação inicial; a queda da humanidade; o poder e a universalidade do pecado; a necessidade da redenção; e a encarnação e sacrifício de Cristo.

5 O nível intermediário. Aspectos-chaves desse nível centralizam-se em Israel: a chamada de Abraão; o estabelecimento da linhagem de Abraão através dos patriarcas; a escravidão de Israel no Egito; o livramento da servidão, operado por Deus, e a conquista da terra prometida de Canaã; os pecados freqüentes de Israel e sua deslealdade cada vez maior; a proteção paciente de Deus, que pleiteava com Seu povo; a destruição subseqüente de Israel e depois de Judá; e a restauração do povo santo depois do exílio.

6 O nível inferior. Aqui acham-se todas as centenas de narrativas individuais. P.ex., a narrativa de como os irmãos de José o vendem a uma caravana de árabes indo para o Egito; a narrativa de como Gideão duvidou de Deus e O testou por meio da porção de lã; a narrativa do adultério de Davi com Bate-Seba; e assim por diante.

7 Cada narrativa individual do AT (inferior) é pelo menos parte da narrativa maior da história de Israel no mundo (intermediário) que por sua vez faz parte da narrativa ulterior da criação por Deus e da Sua redenção dela (superior). Você não dará pleno valor a qualquer narrativa individual sem reconhecer seu papel dentro das outras duas.

8 O QUE AS NARRATIVAS NÃO SÃO: As narrativas do AT não são apenas histórias acerca de pessoas que viviam nos tempos do AT. São, antes de tudo, histórias acerca daquilo que Deus fez para as pessoas e através delas. Em contraste com as narrativas humanas, a Bíblia é composta especialmente de narrativas divinas. Deus é o herói!

9 As narrativas do AT não são alegorias, ou histórias cheias de significados ocultos. As narrativas não respondem a todas as nossas perguntas acerca de uma determinada questão. De fato, precisamos aprender a ficar satisfeitos com essa compreensão limitada, e a refrear nossa curiosidade em muitos pontos.

10 As narrativas do AT nem sempre ensinam de modo direto. Porém, freqüentemente ilustram aquilo que é ensinado noutros trechos de modo direto e categórico.

11 Cada narrativa ou episódio individual dentro de uma narrativa não possui necessariamente uma lição moral individual. Na realidade, até mesmo em narrativas bastante longas, todas as partes componentes da narrativa podem cooperar para impressionar sobre o leitor uma única lição principal.

12 Narrativas do AT, uma síntese: 1) A rigor, não ensinam diretamente doutrina. 2) A rigor, ilustram doutrina ou doutrinas. 3) Registram o acontecido, não o que deveria ter acontecido. 4) O que as pessoas fazem nas narrativas não é necessariamente um bom exemplo para nós. 5) Os personagens do AT não são perfeitos. 6) Nem sempre somos informados se o que aconteceu foi bom ou não. 7) As narrativas são seletivas e incompletas. 8) Elas não são escritas para responder nossas questões teológicas. 9) Elas nos ensinam de modo explícito ou não. 10) Em última análise, Deus é o herói.


Carregar ppt "2) NARRATIVAS DO ANTIGO TESTAMENTO SEU EMPREGO APROPRIADO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google