A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

3) ATOS DOS APÓSTOLOS. Lucas era um gentio cuja narrativa inspirada é ao mesmo tempo um exemplo excelente da historiografia helenística. Atos dos Apóstolos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "3) ATOS DOS APÓSTOLOS. Lucas era um gentio cuja narrativa inspirada é ao mesmo tempo um exemplo excelente da historiografia helenística. Atos dos Apóstolos."— Transcrição da apresentação:

1 3) ATOS DOS APÓSTOLOS

2 Lucas era um gentio cuja narrativa inspirada é ao mesmo tempo um exemplo excelente da historiografia helenística. Atos dos Apóstolos não foi escrito simplesmente para conservar registros ou fazer uma crônica do passado. Pelo contrário, era escrita para encorajar e para entreter (i.é, ser boa leitura) bem como para informar, moralizar, ou oferecer uma apologética.

3 A exegese de Atos inclui não apenas as questões puramente históricas (O que aconteceu?) mas também teológicas (Qual era o propósito de Lucas ao selecionar e formular a matéria desta maneira?).

4 Será que o objetivo de Lucas em Atos era determinar um padrão normativo para a igreja de todos os tempos?

5 Descrição da igreja primitiva, a propagação e a oposição. Note o quanto tudo é tão judaico. O painel termina com uma divisão entre crentes de idioma grego e os de idioma aramaico. O MOVIMENTO DE ATOS Descrição da primeira expansão geográfica, levada a efeito pelos helenistas para os judeus da diáspora ou os quase judeus. Lucas inclui a conversão de Paulo, que era helenista, opositor judaico, aquele que lideraria a expansão gentia. O martírio de Estevão é chave na expansão inicial.

6 Descrição da primeira expansão aos gentios. A chave é a conversão de Cornélio (história contada duas vezes). A relevância de Cornélio é que sua conversão foi um ato direto da parte de Deus, que não usou os helenistas, mas sim Pedro, o líder da missão judaico-cristã. Incluída também está a história da igreja em Antioquia, onde a conversão dos gentios agora é levada a efeito Descrição da primeira expansão geográfica para dentro do mundo gentio. Os judeus rejeitam o Evangelho porque inclui os gentios. A igreja se reúne em concílio e não rejeita os irmãos gentios, nem impõe sobre eles as exigências judaicas.

7 Descrição da expansão adicional, sempre em direção ao ocidente, no mundo gentio, agora entrando na Europa. Repetidas vezes, os judeus rejeitam o Evangelho, e os gentios lhe dão as boas-vindas Descrição dos eventos que levam Paulo e o Evangelho para Roma, com muito interesse pelos julgamentos de Paulo.

8 1. A chave para o entendimento de Atos parece estar no interesse de Lucas por este movimento orquestrado pelo Espírito Santo, do Evangelho, a partir dos seus inícios baseados em Jerusalém e orientados para o judaísmo, até tornar-se um fenômeno de âmbito mundial, predominantemente gentio. O PROPÓSITO DE LUCAS

9 2. Este interesse pelo movimento é substanciado ainda mais por aquilo que Lucas não nos conta. 1º) Não se interessa pelas vidas. 2º) Tem pouco ou nenhum interesse pela organização e política da igreja. 3º) Não há palavra alguma acerca de qualquer outra expansão geográfica a não ser a única linha direta de Jerusalém para Roma.

10 3. O interesse de Lucas não parece ser o de padronizar as coisas, colocando tudo de ordem uniforme. 4. Lucas, certamente, pretendia que boa parte de Atos servisse como modelo. Mas o modelo não está tanto nos pormenores específicos quanto no quadro global.

11 A não ser que a Escritura explicitamente nos mande fazer alguma coisa, aquilo que é meramente narrado ou descrito nunca pode funcionar de modo normativo.


Carregar ppt "3) ATOS DOS APÓSTOLOS. Lucas era um gentio cuja narrativa inspirada é ao mesmo tempo um exemplo excelente da historiografia helenística. Atos dos Apóstolos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google