A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Plano.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Plano."— Transcrição da apresentação:

1 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Plano de Desenvolvimento da RedeAPLmineral 2009 – 2012 (PDR 2009 – 2012) Plano de Trabalho Instituições Promotoras - Coordenação Geral: Ministério da Ciência e Tecnologia – MCT/SETEC Ministério de Minas e Energia – MME/SGM Associação Brasileira das Instituições de Pesquisa – ABIPTI Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia – IBICT/MCT Centro de Tecnologia Mineral – CETEM/MCT

2 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 RedeAPLmineral É uma rede social/virtual de abrangência nacional – sem fins lucrativos – constituída por agentes econômicos, políticos e sociais, públicos e privados, envolvidos com o desenvolvimento sustentável dos Arranjos Produtivos Locais (APLs) de Base Mineral. Histórico

3 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 RedeAPLmineral – Objetivos 1.Promover a sistematização, disponibilização e disseminação de informações e das diversas formas de conhecimento vinculadas às cadeias produtivas do setor mineral organizadas em APLs de Base Mineral. 2.Difundir e popularizar as boas práticas de gestão, governança, inserção e desenvolvimento tecnológico, capacitação de RH, sustentabilidade, comercialização, formalização, segurança e saúde do trabalho, organização da produção (associativismo, cooperativismo, economia solidária), crédito e financiamento, etc.. 3.Fornecer insumos para subsidiar a elaboração de políticas públicas para o desenvolvimento dos APLs de Base Mineral.

4 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Estrutura e organização atual

5 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Manutenção da RedeAPLmineral Apoio CT-Mineral 2006 – Projeto de Implantação, implementação e operacionalização da RedeAPLmineral no valor de R$ ,00, em fase final de execução Projeto de consolidação e expansão da RedeAPLmineral no valor de R$ ,00 para o período Diretrizes: Autossutentabilidade Gestão do Conhecimento Desenvolvimento sustentável de APLs de Base Mineral

6 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Plano de Desenvolvimento da RedeAPLmineral 2009 – 2012 (PDR 2009 – 2012)

7 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Plano de Desenvolvimento da RedeAPLmineral 2009 – 2012 (PDR 2009 – 2012)

8 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 P PDR 2009 – 2012 – Cenários

9 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 P PDR 2009 – 2012 – Diretrizes e objetivos estratégicos

10 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 P PDR 2009 – 2012 – Mapa Estratégico

11 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 P DIRETRIZESOBJETIVOS ESTRATÉGICOS SUSTENTABILIDADE Promover a Governança da RedeAPLmineral de modo a contribuir para a sua sustentabilidade Adequar a estrutura e o funcionamento dos GTs com vistas ao fortalecimento e efetivação do seu papel institucional na RedeAPLmineral. Implementar estratégias e instrumentos que promovam o aperfeiçoamento do Modelo de Gestão da RedeAPLmineral. GESTÃO DO CONHECIMENTO Ampliar e intensificar a divulgação do papel, da estrutura e das ações desenvolvidas pela RedeAPLmineral Aprimorar o portal da RedeAPLmineral para garantir a excelência na organização e disseminação da informação Garantir a excelência e permanente inovação das soluções tecnológicas adotadas para disseminação de informações na Rede. Atuar em conformidade com os ditames da legislação sobre propriedade intelectual da informação. Qualificar e Desenvolver os integrantes da Coordenação, da Secretaria Executiva e dos GTs da RedeAPLmineral DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL DOS APLS DE BASE MINERAL Incentivar, sistematizar e disseminar melhores práticas e propostas para o desenvolvimento sustentável dos APLs de base mineral. Subsidiar a elaboração de Políticas Públicas que promovam o desenvolvimento dos APLs. Disponibilizar e disseminar informações relativas a fontes, programas e outros mecanismos de fomento em P,D&I, crédito e financiamento da produção. Promover a adesão efetiva dos APLs de base mineral na rede e a articulação entre APLs com os agentes públicos e privados. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Diretrizes e Objetivos Estratégicos

12 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Promover a Governança da RedeAPLmineral de modo a contribuir para a sua sustentabilidade. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$) Situação 1. Definir a atuação efetiva da rede (serviço, informação, etc.) Ter a estrutura, a organização e o modelo de atuação definidos até 12/ Articulação e acompanhamento do posicionamento do GTP APL (criação do Subgrupo APL de Base Mineral), bem como da parceria com a SECIS e a ABEMIN CG e CE/ MME- SGM, MCT- SETEC e SECIS, IBICT, CETEM, e MIDIC-GTP APL/Enir Mendes 01/2010 a 12/2010 Sem custo adicional Em execução 1.2 Criar Grupo de Trabalho na CG para tratar da atuação efetiva da Rede CG e SE/MME- SGM, MCT- SETEC e SECIS, IBICT, CETEM, e MIDIC-GTP APL/Elzivir Guerra 02/2010 a 12/2010 Sem custo adicional Em execução 2. Implementar propostas de modelo de organização e gestão da Rede que possibilite sua sustentabilidade Definição do modelo de gestão, governança e sustentabilidade da RedeAPLmineral 2.1 Criar e ofertar produtos e serviços de interesse dos APLs com vistas a gerar receitas para a Rede (exemplo: anúncios, consultoria, dentre outros) CG, SE e CE / MME-SGM, MCT-SETEC- CGTS e SECIS- DEARE, Ibict, CETEM, ABEMIN / CG 10/2009 a 12/2012 A definirEm Execução

13 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Promover a Governança da RedeAPLmineral de modo a contribuir para a sua sustentabilidade. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr. AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$) Situação 2. Implementar propostas de modelo de organização e gestão da Rede que possibilite sua sustentabilidade Definição do modelo de gestão, governança e sustentabilidade da RedeAPLmineral 2.2 Insumos para detalhamento das ações relacionadas à gestão e a governança no que se refere à natureza jurídica e financiamento da rede: identificar as fontes de captação dos recursos financeiros CG e SE/ MME- SGM, MCT- SETEC-CGTS e SECIS-DEARE, IBICT, CETEM, ABEMIN / CG 10/2009 a 12/2012 Sem custo adicional Em Execução 2.3 Definir a natureza jurídica da Rede. Nesta ação há duas vertentes a ser consideradas, quais sejam a rede com ou sem caráter jurídico. Para cada caso, as ações apresentadas são, de modo geral, complementares (Vide letra 2.3.a e 2.3.b). CG, CE e SE/ MME-SGM, MCT-SETEC- CGTS e SECIS- DEARE, IBICT CETEM, ABEMIN / CG 02/2010 a 12/2011 Sem custo adicional Em Execução

14 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Promover a Governança da RedeAPLmineral de modo a contribuir para a sua sustentabilidade. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr. AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$) Situação 2. Implementar propostas de modelo de organização e gestão da Rede que possibilite sua sustentabilidade Definição do modelo de gestão, governança e sustentabilidade da RedeAPLmineral 2.3.a RedeAPLmineral sem caráter jurídico. 2.3.a1 Negociar o apoio técnico-financeiro do CT- Mineral/FINEP/CNPq para a continuidade do Projeto da RedeAPLmineral para o quadriênio CG / MME- SGM, MCT- SETEC-CGTS e SECIS-DEARE, IBICT CETEM, ABEMIN / CG 10/2009 a 04/2010 Sem custo adicional Concluído 08/04/ a RedeAPLmineral sem caráter jurídico. 2.3.a2 Obter apoio financeiro e institucional junto às entidades parceiras já envolvidas na RedeAPLmineral,em âmbito federal ou estadual, para desempenhar as responsabilidades e competências fixadas no PDR CG / MME- SGM, MCT- SETEC-CGTS e SECIS-DEARE, IBICT CETEM, ABEMIN / CG 10/2009 a 12/2012 Sem custo adicional Em Execução

15 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Promover a Governança da RedeAPLmineral de modo a contribuir para a sua sustentabilidade. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr. AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$) Situação 2.Implementar propostas de modelo de organização e gestão da Rede que possibilite sua sustentabilidade Definição do modelo de gestão, governança e sustentabilidade da RedeAPLmineral 2.3.a RedeAPLmineral sem caráter jurídico. 2.3.a3 Constituir entendimentos entre novos parceiros potenciais para a consecução das atividades da RedeAPLmineral, em termos de custeio da manutenção e do desenvolvimento do seu sistema e Portal, com as despesas sendo rateadas entre os parceiros CG / MME- SGM, MCT- SETEC-CGTS e SECIS-DEARE, IBICT CETEM, ABEMIN / CG 10/2009 a 04/2010 Sem custo adicional Concluído 08/04/ a RedeAPLmineral sem caráter jurídico. 2.3.a4 Constituir Comitê Gestor constituído por instituições colaboradoras e mantenedoras. CG / MME- SGM, MCT- SETEC-CGTS e SECIS-DEARE, IBICT CETEM, ABEMIN / CG 10/2009 a 12/2011 Sem custo adicional Em Execução

16 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Promover a Governança da RedeAPLmineral de modo a contribuir para a sua sustentabilidade. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr. AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$) Situação 2.Implementar propostas de modelo de organização e gestão da Rede que possibilite sua sustentabilidade Definição do modelo de gestão, governança e sustentabilidade da RedeAPLmineral 2.3.a RedeAPLmineral sem caráter jurídico. 2.3.a5 Buscar apoio junto a órgãos e entidades internacionais de cooperação técnica- financeira o apoio para o desenvolvimento da Rede (JICA, UNIDO, CIDA, Brasil-Argélia, MERCOSUL, Espanha, etc.). CG e SE / MME-SGM, MCT-SETEC- CGTS e SECIS- DEARE, IBICT CETEM, ABEMIN / CG e SE 10/2009 a 12/2012 Sem custo adicional Paralisada 2.3.a RedeAPLmineral sem caráter jurídico. 2.3.a6 Acompanhar o lançamento e concorrer com propostas nos Editais afins com o setor mineral ou pertinentes às finalidades e objetivos da RedeAPLmineral CG e SE / MME-SGM, MCT-SETEC- CGTS e SECIS- DEARE, IBICT CETEM, ABEMIN / CG e SE 10/2009 a 12/2012 Sem custo adicional Em execução

17 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Promover a Governança da RedeAPLmineral de modo a contribuir para a sua sustentabilidade. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr. AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$) Situação 2. Implementar propostas de modelo de organização e gestão da Rede que possibilite sua sustentabilidade Definição do modelo de gestão, governança e sustentabilidade da RedeAPLmineral 2.3.b RedeAPLmineral com caráter jurídico. 2.3.b1 Constituir Comitê Gestor constituído por instituições colaboradoras e sustentação baseada em serviços on line. CG, SE e CE / MME-SGM, MCT-SETEC- CGTS e SECIS- DEARE, IBICT CETEM, ABEMIN / CG 10/2009 a 12/2010 Sem custo adicional Em fase de definição 2.3.b RedeAPLmineral com caráter jurídico. 2.3.b2 Adotar mecanismos para a ampliação do valor agregado às informações específicas demandadas pelos APLs de base mineral, fazendo uso de informações e serviços das entidades científico- tecnológicas afins, como forma de obtenção, para os atores envolvidos, de remuneração pelos serviços prestados de forma personalizada. CG e SE / MME-SGM, MCT-SETEC- CGTS e SECIS- DEARE, IBICT CETEM, ABEMIN / CG e SE 10/2009 a 12/2010 A ser definido Em fase de definição

18 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Promover a Governança da RedeAPLmineral de modo a contribuir para a sua sustentabilidade. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr. AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$) Situação 2. Implementar propostas de modelo de organização e gestão da Rede que possibilite sua sustentabilidade Definição do modelo de gestão, governança e sustentabilidade da RedeAPLmineral 2.3.b RedeAPLmineral com caráter jurídico. 2.3.b3 Tornar a RedeAPLmineral uma instituição de direito privado sem fins lucrativos (fundação, associação, consórcio – qualificada como OS ou OSCIP), com patrocinadores. CG, SE e CE / MME-SGM, MCT- SETEC-CGTS e SECIS-DEARE, IBICT CETEM, ABEMIN / CG 10/2009 a 12/2010 Sem custo adicional Em fase de definição 3. Buscar mecanismos de financiamento e captação de recursos para a Rede. Financiamento para funcionamento e operacionalização da Rede e do seu Plano de Divulgação e Comunicação até 10/ Articular apoio financeiro do CT Mineral, do MDIC, do MME/SGM e do MCT/SECIS. CG, CE e SE / MME, MCT-SETEC e SECIS, IBICT, CETEM, MDIC- GTP APL/ José Marcos, Enir Mendes, Margarete Gandini, Elzivir Guerra e Fernando Souto 02/2010 a 12/ ,00Em execução

19 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Promover a Governança da RedeAPLmineral de modo a contribuir para a sua sustentabilidade. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr. AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$) Situação 3. Buscar mecanismos de financiamento e captação de recursos para a Rede. Financiamento para funcionamento e operacionalização da Rede e do seu Plano de Divulgação e Comunicação até 10/ Elaboração do Projeto de Consolidação da Rede Idem da atividade 3.1 / Idem da atividade 3.1/ Carolina Lucena e Carlos Peiter 09/ ,00Em execução 3.3 Captação de recursos para Projetos de Capacitação no acesso äs TICs. Idem da atividade 3.1 / Idem da atividade 3.1/ Carolina Lucena 06/ ,00Em execução 4.Integrar a RedeAPLminer al e os Núcleos Estaduais do GTPAPL/MDIC T visando o alinhamento das ações e atividades pertinentes Constituir e implantar o Subgrupo APL Mineral e Sub- núcleos Estaduais Minerais 4.1 Propor ao GTP APL/MDIC a criação de projeto piloto de constituição de um SubGrupo Mineral integrado com o núcleo estadual do GTPAL/MDIC, que tenha como sistema de informação a RedeAPLmineral CG, CE e SE / MME – SGM, MCT-SETEC- CGTS/MDIC-GTP APL, MI, MMA, APEX, SEBRAE, BNB, BB, CAIXA, DNPM, CPRM, CETEM, CNI (SENAI, IEL), ETC./ CG 12/2009Sem custo adicional Finalizada

20 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Promover a Governança da RedeAPLmineral de modo a contribuir para a sua sustentabilidade. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr. AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 4. Integrar a RedeAPLmineral e os Núcleos Estaduais do GTPAPL/MDICT visando o alinhamento das ações e atividades pertinentes Constituir e implantar o Subgrupo APL Mineral e Sub- núcleos Estaduais Minerais 4.2 Articular e coordenar a constituição do Subgrupo Mineral junto ao GTP-APL idem da atividade 4.1/ idem da atividadde 4.1./ José Marcos e Enir Mendes e GTP APL- Mdic 02/2010 a 12/2010 Sem custo adicional Em execução 4.3 Lançar o Subgrupo APL Mineral no VII Seminário Nacional de APLs de Base Mineral idem da atividade 4.1/ idem da atividade 4.1/ CG, GTP APL e MME 08/ ,00Em execução 4.4 Promover a constituição Subgrupo APL mineral piloto CG, CE, SE e GTP APL-Mdic/ idem da atividade 4.1/ CG, GTP APL-MDIC e MME- SGM 12/ ,00Em execução 4.5 Consolidar o Subgrupo APL mineral piloto. CG, CE, SE e GTP APL-Mdic/ idem da atividade 4.1/ CG, GTP APL-MDIC e MME- SGM 12/ ,00A ser realizado

21 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Promover a Governança da RedeAPLmineral de modo a contribuir para a sua sustentabilidade. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr. AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 4.Integrar a RedeAPLmineral e os Núcleos Estaduais do GTPAPL/MDICT visando o alinhamento das ações e atividades pertinentes Constituir e implantar o Subgrupo APL Mineral e Sub- núcleos Estaduais Minerais 4.6 Pleitear bolsas de pesquisadores/estagiári os para implementar as atividades inerentes aos APLs de Base Mineral nos Núcleos Estaduais de APLs. (estimativa de 30 bolsitas) CG, CE, SE e GTP APL-Mdic/ idem da atividade 4.1/ CG), ETC./ CG 12/ ,00A ser realizado 5.Formalizar a cooperação entre a RedeAPLmineral e órgãos, instituições, entidades públicas (federal, estadual, municipal) e privadas que apóiam o desenvolvimento sustentável de APLs de Base Mineral Documento básico, Regimento Interno revisado, Termo de adesão e Colaboração elaborado e novos órgãos e instituições participantes da Rede 5.1 Modificar o regimento interno e documento básico da RedeAPLmineral. CG e SE / MME-SGM, MCT-SETEC- CGTS e SECIS- DEARE, IBICT CETEM,/ Tássia Arraes 12/2010Sem custo adicional Em Execução 5.2 Elaborar termo de adesão e cooperação de Instituição Idem atividade /2010Sem custo adicional Em Execução

22 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Promover a Governança da RedeAPLmineral de modo a contribuir para a sua sustentabilidade. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr. AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 5. Formalizar a cooperação entre a RedeAPLmineral e órgãos, instituições, entidades públicas (federal, estadual, municipal) e privadas que apóiam o desenvolvimento sustentável de APLs de Base Mineral Documento básico, Regimento Interno revisado, Termo de adesão e Colaboração elaborado e novos órgãos e instituições participantes da Rede 5.3 Avaliar a representatividade da RedeAPLmineral, identificando novos atores e oportunidades de expansão. Idem atividade 5.1/ Idem para atividade 5.1/ CG 02/2010 A 12/2010 Sem custo adicional Em Execução 5.4 Buscar novas parcerias e interação da Rede com programas e ações de apoio aos APLs de base mineral Idem atividade 5.1/ Idem para atividade 5.1/ CG, SE e Enir Mendes 12/ ,00Em Execução 5.5 Revisar o Modelo de Governança integrando as novas parcerias e a nova função da Rede Idem atividade 5.1/ Idem para atividade 5.1/ CG e SE 02/2010 a 12/2010 Sem custo adicional Em Execução

23 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Adequar a estrutura e o funcionamento dos GTs com vistas ao fortalecimento e efetivação do seu papel institucional na RedeAPLmineral.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 6. Elaborar as normas de criação e funcionamento dos GTs de acordo com a estrutura do Subgrupo Setorial Mineral e linhas temáticas transversais. Ter as normas de criação e funcionamento dos GTs aprovadas e em vigor. 6.1 Elaborar a minuta das normas de criação e funcionamento dos GTs com base na nova configuração dos GTsde expansão. SE/ IBICT, MME- SGM, MCT- SETEC-CGTS e SECIS-DEARE, ABIPTI, Coordenadores de GTs e CETEM/ José Marcos e Elzivir Guerra 02/2010 a 12/2010 Sem custo adicional Em execução 6.2 Rever as tecnologias disponíveis para as comunidades e definir a ferramenta apropriada para dar suporte aos GTs Idem atividade 6.1/ Idem para atividade 6.1/ Márcia Liz e Thiara Carina 02/2010 a 03/ ,00Em execução 6.3 Apresentação da nova estrutura (comunidade) no V Encontro da RedeAPLmineral Idem atividadec 6.1/ Idem para atividade 6.1/ Claudio Almeida e Márrcia Liz 09/2010 a 06/ ,00A ser realizada

24 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Adequar a estrutura e o funcionamento dos GTs com vistas ao fortalecimento e efetivação do seu papel institucional na RedeAPLmineral.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 7. Incentivar e apoiar as iniciativas de cada GT visando à organização e realização de encontros e reuniões de trabalho, presenciais e/ou virtuais. Efetivar a atuação e funciona mento dos GTs. 7.1 Promover Workshops entre os GTs para troca e integração de informações e resultados. SE/ IBICT, MME/SGM, MCT/SETEC-CGTS e SECIS/DEARE, ABIPTI, Coordenadores de GTs e CETEM/ GTs, CE e CG 03/2010 A 12/ ,00A ser realizada 7.2 Apoiar e incentivar a realização de reuniões internas dos GTs. Idem atividade 7.1/ Idem para atividade 7.1/ Coordenadores de GTs, CG e CE 02/2010 a 12/ ,00A ser realizada

25 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Adequar a estrutura e o funcionamento dos GTs com vistas ao fortalecimento e efetivação do seu papel institucional na RedeAPLmineral.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 8. Viabilizar condições para que os coordenadores dos GTs possam coletar, editar e divulgar, sob a supervisão do jornalista da Rede, a cada trimestre, matéria sobre as suas respectivas ações, no Informativo APLmineral bem como notícias, eventos e artigos no Portal da Rede (biblioteca, grupo de trabalho, fórum de discussão,etc) Estimular o envolvime nto dos coordenad ores dos GTs com relação à transferên cia de informaçõe s através do Portal da Rede 8.1 Pleitear bolsas de pesquisadores/estagiári os para implementar as atividades inerentes aos APLs de base mineral nos GTs da RedeAPLmineral IBICT/ IBICT, GT de Gestão, Estruturação e Desenvolviemnto da RedeAPLmienral e CETEM/ Claudio Almeida e Carlos Peiter 10/2009 a 10/ ,00Em execução 8.2 Identificar outras estratégias de sensibilização e captação de pessoas para o desempenho das atividades. Idem atividade 8.1/ Idem para atividade 8.1/ Claudio Almeida e Carlos Peiter 10/2009 a 10/2012 Sem custo adicional Em execução 8.3 Capacitar os colaboradores no uso das ferramentas do Portal Idem atividade 8.1/ Idem para atividade 8.1/ Claudio Almeida e Carlos Peiter 12/2012(Vide linha atividade 3.2 da ação 03, com relação a custo) A ser realizada

26 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Adequar a estrutura e o funcionamento dos GTs com vistas ao fortalecimento e efetivação do seu papel institucional na RedeAPLmineral.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 9. Divulgar o Portal como canal de comunicação existente e capacitar os colaboradores para sua utilização Aprimorar o uso do Portal da Rede como ferramenta de transferênci a de informação. 9.1 Intensificar a divulgação do Portal inclusive buscando novas formas de divulgação. IBICT/ MCT-SETEC- CGTS e SECIS-DEARE, MME-SGM, IBICT, GT de Gestão, Estruturação e Desenvolviemnto da RedeAPLmienral e CETEM/ Claudio Almeida 10/2009 a 10/2012 Sem custo adicinal Em execução 9.2 Agrupar os APLs por região e desenvolver oficinas de capacitação junto às governanças Idem da atividade 9.1/ Idem da atividade 9.1/ Claudio Almeida, Carlos Peiter, Enir Mendes e Tássia Arraes 02/2010 a 12/ ,00 (R$ ,00 por ano) A ser realizadao

27 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Implementar estratégias e instrumentos que promovam o aperfeiçoamento do modelo de gestão.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 10. Formalizar a participação das Instituições e dos membros da Coordenação Geral, Comitê Executivo, Secretaria Executiva e Grupos de trabalho da RedeAPLmineral Portaria de Interministerial Publicada ou Termo de Adesão assinado da RedeAPLmineral Elaborar minuta de Portaria Interministerial para institucionalização da participação de membros nas unidades de estrutura da RedeAPLmineral. CG e SE/ MCT- SETEC-CGTS e SECIS-DESRE, MME-SGM, MDIC-GTP APL, IBICT e CETEM/ Enir Mendes e Tássia Arraes 03/2010 a 12/2010 Sem custo adicional Em execução 10.2 Articular junto às instituições integrantes da RedeAPLmineral a indicação e nomeação de representantes para publicação da portaria interministerial ou para assinatura do termo de adesão à RedeAPLmineral Idem da atividade 10.1/ Idem da atividade 10.1/ José Marcos, Elzivir Guerra e Fernando Souto. 10/2010 a 12/2010 Sem custo adicional A ser realizada

28 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Implementar estratégias e instrumentos que promovam o aperfeiçoamento do modelo de gestão.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 11. Planejar, organizar, promover e realizar eventos próprios. Eventos de divulgação e capacitação da RedeAPLmineral realizados 11.1 Elaborar calendário anual das atividades da RedeAPLmineral. CG, SE, CE e GTs/ MCT- SETEC-CGTS e SECIS- DESRE, MME-SGM, MDIC-GTP APL, IBICT e CETEM, ABEMIN/ Tássia Arraes 03/2010 a 12/2012 Sem custo adicional Em execução 11.2 Realizar reuniões mensais da Coordenação Geral da RedeAPLmineral na primeira terça-feira de cada mês Idem da atividade 11.1/ Idem da atividade 11.1/ Elzivir Guerra. 03/2010 a 12/2012 Sem custo adicional Em execução 11.3 Realizar reuniões semestrais do Comitê Executivo da RedeAPLmineral (vide atividade 3.2 ) Idem da atividade 11.1/ Idem da atividade 11.1/ Enir Mendes 03/2010 a 12/ ,00 (R$ ,00 por reunião) Em execução

29 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Implementar estratégias e instrumentos que promovam o aperfeiçoamento do modelo de gestão.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 11. Planejar, organizar, promover e realizar eventos próprios. Eventos de divulgação e capacitação da RedeAPL- mineral 11.4 Realizar o IV Encontro da RedeAPLmineral, no segundo semestre de 2010, em Goiânia – GO. Idem da atividade 11.1/ Idem da atividade 11.1/ CG, SE e CE. 03/2010 a 09/ ,00Em execução 11.5 Realizar o VII Seminário Nacional de APLs de Base Mineral, no segundo semestre de 2010, em Goiânia – GO Idem da atividade 11.1/ Idem da atividade 11.1/ CG, SE e CE. 03/2010 a 09/ ,00Em execução 11.6 Antecipar as propostas para os Seminários Nacionais de APLs de Base Mineral e Encontros da RedeAPLmineral a potenciais patrocinadores, até quatro meses antes de cada evento. Idem da atividade 11.1/ Idem da atividade 11.1/ CG, SE e CE. 12/2012Sem custo adicional Em execução 11.7 Planejar eventos próprios para os anos de 2010 e 2012 Idem da atividade 11.1 e GTs. 12/ ,00 (150mil/ano) A ser realizada 11.8 Promover ações antes e durante os eventos visando incrementar a participação do setor empresarial na RedeAPLmineral (nos próprios eventos e na Rede em si). Idem da atividade 11.1 e GTs. 12/ ,00 por evento A ser realizada

30 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Implementar estratégias e instrumentos que promovam o aperfeiçoamento do modelo de gestão.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Sustentabilidade Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 12. Implementar uma estrutura mínima de gestão da Rede (pessoal, local e infraestrutura) Garantir a continuidad e da atuação da Rede 12.1 Contratação de Gestor e Bolsista para desenvolver a gestão da rede e implementação de infraestrutura mínima de trabalho (telefone, computador, internet, material de escritório, diárias/passagens, serviços de correio e manutenção). CG e SE/ MCT-SETEC- CGTS e SECIS-DESRE, MME-SGM, MDIC-GTP APL, IBICT e CETEM, ABEMIN// Claudio Almeida e Carlos Peiter. 03/2010 a 10/ ,00 (vide atividade 3.2 da ação) Em execução 13. Definir indicadores para a avaliação do desempenho da Rede. Definir um indicador efetivo para avaliar o desempenh o da Rede Elaborar proposta de indicadores para avaliar o desempenho da RedeAPLmineral IBICT/ IBICT, GT de Gestão, Estruturação e Desenvolviemnto da RedeAPLmienral e CETEM/ Claudio Almeida 03/2010 a 10/2010 Sem custo adicional Em Execução

31 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Ampliar e intensificar a divulgação do papel, da estrutura e das ações desenvolvidas pela RedeAPLmineral. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 14. Elaborar o Plano de Comunicação e Divulgação da RedeAPLmineral /2012 Ter plano de Comunicação aprovado pela Coordenação Geral (CG) Comitê Executivo (CE) da Rede APL mineral até Abril/ Elaborar Plano de Informação e Comunicação da RedeAPLmineral IBICT/ IBICT e CG/ Claudio Almeida. 07/2010Sem custo adicional Concluído 14.2 Elaborar proposta de indicadores para avaliar o desempenho da RedeAPLmineral IBICT/ IBICT e CG/ Claudio Almeida 08/2010Sem custo adicional Em Execução 14.3 Elaborar proposta de capacitação para execução de ações do Plano de Comunicação IBICT/ IBICT e CG/ Claudio Almeida 12/2010Sem custo adicional (vide atividade 3.2 da ação 3) A ser realizada

32 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Ampliar e intensificar a divulgação do papel, da estrutura e das ações desenvolvidas pela RedeAPLmineral. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 15. Desenvolver as ações e atividades previstas no Plano de Comunicação Implementar o Plano de Comunicação até 31/12/ Alimentar novos Canais de comunicação (Implementação de conteúdos nos canais de Web 2.0 (Orkut, Youtube, Twitter, Blogspot) Bolsista e Editor RedeAPLmineral - Claudio Almeida/ IBICT e C, CETEG/ Thiara Carina. 04/2010 a 12/2011 Sem custo adicional Concluído 15.2 Definir Layout de documentos didáticos de divulgação Idem da atividade 15.1/ Muryel Fernandes 12/2012Sem custo adicional Ação por demanda 15.3 Criar Banners para divulgação da Rede nos sites de parceiros. Idem da atividade 15.1/ Muryel Fernandes 04/2010Sem custo adicional Concluída 15.4 Criar um Mailing para divulgação da Rede APL em outros portais Idem da atividade 15.1/ Muryel Fernandes 05/2010Sem custo adicional concluída 15.5 Elaborar SEO e lista de termos Idem da atividade 15.1/ Claudio Almeida 10/2010Sem custo adicional Em execução 15.6 Implantação do ambiente virtual para capacitação e acompanhamento Idem da atividade 15.1/ Claudio Almeida 12/ ,00A ser realizada

33 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Ampliar e intensificar a divulgação do papel, da estrutura e das ações desenvolvidas pela RedeAPLmineral. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 15. Desenvolver as ações e atividades previstas no Plano de Comunicação Implementar o Plano de Comunicação até 31/12/ Elaborar relatório dos resultados da Capacitação de Telecentros e APLs minerais e publicar no Portal Idem da atividade 15.1/ Claudio Almeida 07/2012Sem custo adicional A ser realizada 15.8 Elaborar e publicar 'Cartilha': Passo a passo para implementação de um APL de base mineral Idem da atividade 15.1/ Claudio Almeida 08/ ,00Concluída 15.9 Elaborar e publicar manual de postagens para orientação de colaboradores Idem da atividade 15.1/ Márcia Liz 04/ ,00Concluída Elaborar e publicar manual de acesso a comunidade da Rede. Idem da atividade 15.1/ Márcia Liz 08/ ,00Em execução Escrever roteiros, produzir e editar vídeos referentes aos APLs Idem da atividade 15.1/ Claudio Almeida 12/ ,00Em execução Coordenar levantamento de emissoras/estações de rádio em nas áreas de atuação dos APLs Minerais Idem da atividade 15.1/ Claudio Almeida 12/2010Sem custo adicional Em execução

34 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Ampliar e intensificar a divulgação do papel, da estrutura e das ações desenvolvidas pela RedeAPLmineral. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 16. Desenvolver as ações e atividades previstas no PDR Número de ações iniciadas até 12/2010 = 14 2.Total de ações desenvolvidas até 12/2012 = 29 3.Número de projetos aprovados até 12/2012 = Fechar a priorização das ações do PDR CG e SE/ MCT- SETEC e SECIS, MME- SGM, IBICT, Cetem/ CG 07/2010Sem custo adicional Concluída 16.2 Definir orçamento e financeiro de cada ação Idem da atividade /2010Sem custo adicional Concluída 16.3 Desenvolver projetos para realização de ações específicas Idem da atividade 16.1/Instituição 07/2012Sem custo adicional Em execução 16.4 Realizar reuniões de acompanhamento Idem da atividade /2012Sem custo adicional Em execução 16.5 Manuter equipe de apoio permanente da Rede Idem da atividade 15.1/ CG, CETEM e IBICT 12/ ,00Em execução 16.6 Coordenar levantamento de emissoras/estações de rádio em nas áreas de atuação dos APLs Minerais Idem da atividade 15.1/ Claudio Almeida 10/2009 a 12/2012 Custo previsto na atividade 3.2 da ação 3. Em execução

35 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Aprimorar o Portal da RedeAPLmineral para garantir a excelência na organização e disseminação da informação.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 17. Desenvolver as ações e atividades previstas no PDR Número de relatórios anuais gerados = 02 2.Número de soluções implementadas = Identificar erros no Portal. IBICT/ IBICT, CETEM/ IBICT 12/2012Sem custo adicional Em execução 17.2 Definir orçamento e financeiro de cada ação IBICT/ IBICT, CETEM/ Márcia Liz 12/2012Sem custo adicional Em execução 17.3 Solicitar serviços de desenvolvimento IBICT/ IBICT, CETEM/ Claudio Almeida 12/2012Sem custo adicional Em execução 17.4 Contratar serviço de desenvolvimento em TIC Portal da RedeAPLmineral. (vide atividades 3.2 e 3.3 da ação 3) IBICT/ IBICT, CETEM/ IBICT 12/ ,00A ser realizada 17.5 Identificar novas funcionalidades IBICT/ IBICT, CETEM/ IBICT 12/2012Sem custo adicional Em execução

36 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Aprimorar o Portal da RedeAPLmineral para garantir a excelência na organização e disseminação da informação.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 18. Processos contínuos de atualização, manutenção e desenvolvimento tecnológico do Portal da RedeAPLmineral Planejar, desenvolver e implementar novas funcionalidades no Portal anualmente 18.1 Desenvolver estudos com base nos levantamentos realizados na fase de acompanhamento para aplicação de melhorias IBICT/ IBICT e CETEM/ IBICT- Márcia Liz 12/2012Sem custo adicional A ser realizada 18.2 Utilizar o Google Analitycs como ferramenta de estatística IIBICT/ IBICT e CETEM/ IBICT- Márcia Liz 12/2012Sem custo adicional A ser realizada 18.3 Melhorias na estrutura e organização (mensal, bimensal) do item Eventos; IBICT/ IBICT, CETEM/ Thiara Carina 08/2012Sem custo adicional Em execução 18.4 Implementar uma comunidade virtual para otimização da comunicação entre colaboradores IBICT/ IBICT, CETEM / IBICT, - Márcia Liz 12/ ,00 A ser realizada 18.5 Identificar novas funcionalidades IBICT/ IBICT, CETEM/ IBICT 12/2012Sem custo adicional A ser realizada

37 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Aprimorar o Portal da RedeAPLmineral para garantir a excelência na organização e disseminação da informação.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 18. Processos contínuos de atualização, manutenção e desenvolvimento tecnológico do Portal da RedeAPLmineral Planejar, desenvolver e implementar novas funcionalidades no Portal anualmente 18.6 Potencializar o cadastro de dados e informações sobre os APLs de base mineral. IBICT/ IBICT e CETEM/ CG 12/2012Sem custo adicional A ser realizada 19. Atualizar continuamente a versão do Portal e de seus instrumentos, ferramentas e banco de dados Portal atualizado 19.1 Desenvolver instrumento para orientar o cadastramento de conteúdo (novos membros, Projetos, Melhores Práticas, banco de APLs, etc.). IIBICT e CETEM/ CG, SE e CE/ IBICT- e CETEM 12/2010Sem custo adicional A ser realizada 19.2 Potencializar o cadastro de dados e informações sobre os APLs de base mineral. IIBICT e CETEM/ CG, SE e CE/ IBICT- e CETEM 12/2012Sem custo adicional Em execução

38 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Aprimorar o Portal da RedeAPLmineral para garantir a excelência na organização e disseminação da informação.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 19. Atualizar continuamente a versão do Portal e de seus instrumentos, ferramentas e banco de dados Portal atualizado 19.3 Coletar e disponibilizar documentos técnicos dispersos na literatura cientifica e em relatórios sobre APLs de Base Mineral, resolvidas questões de direito autoral. IBICT/ IBICT, CETEM / IBICT e CETEM 12/2012Sem custo adicional Em execução 20. Elaborar e publicar Manual de Uso do Portal da RedeAPLmineral levando em consideração o feedback dos usuários. Publicar Manual de uso da RedeAPLmineral publicado Rever a estrutura de conteúdos disponibilizados no Portal em função dos diferentes públicos. IBICT/ IBICT, CETEM e CG / Claudio Almeida 12/2010Sem custo adicional A ser realizada 20.2 Definir normas de inserção e validação de conteúdos e sua atualização IBICT/ IBICT, CETEM e CG / Claudio Almeida 10/2010Sem custo adicional A ser realizada

39 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Aprimorar o Portal da RedeAPLmineral para garantir a excelência na organização e disseminação da informação.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 20. Elaborar e publicar Manual de Uso do Portal da RedeAPLmineral levando em consideração o feedback dos usuários. Publicar Manual de uso da RedeAPLmineral 20.3 Editorar material impresso e eletrônico IBICT/ IBICT, CETEM e CG / Claudio Almeida 12/2012Sem custo adicional Em execução 20.4 Elaborar etiquetas, questionários e observar as demandas do Fale Conosco para produção de manuais IBICT/ IBICT, CETEM e CG / Claudio Almeida 12/2012Sem custo adicional Em execução

40 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Garantir a excelência e permanente inovação das soluções tecnológicas adotadas para disseminação da informação na RedeAPLmineral.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 21. Articular a disseminação da informação da Rede nos telecentros. 1.Número de projetos criados em parceria com telecentros até 10/2010 = 1 2.Número de capacitações executadas no âmbito dos telecentros até 10/2010 = 1 3.Aplicação até Dez./2012 de questionário para coleta dedados referentes aos serviços da rede = Disseminar informações em telecentros (Fase I), por meio das seguintes etapas: Identificar os telecentros apoiados pelos parceiros da rede (MCT e MME); - Identificar os telecentros localizados em APLs; - Gerar uma mala direta envolvendo os operadores de telecentro para divulgação dos Informativos e Tome Nota IBICT e CETEM/ CG, ATN/ Eni r, Fernando Souto 01/2010 a 12/ ,00Em execução

41 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Garantir a excelência e permanente inovação das soluções tecnológicas adotadas para disseminação da informação na RedeAPLmineral.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrado r/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 21. Articular a disseminação da informação da Rede nos telecentros. 1.Número de projetos criados em parceria com telecentros até 10/2010 = 1 2.Número de capacitações executadas no âmbito dos telecentros até 10/2010 = 1 3.Aplicação até 10/2012 de questionário para coleta dedados referentes aos serviços da rede = Disseminar informações em telecentros (Fase II), por meio das seguintes etapas: Identificar os - Participar de eventos de inclusão digital para divulgação da Rede; Disponibilizar conteúdo digital e impresso nos ambientes dos telecentros (sites, bibliotecas, comunidades virtuais etc.) Envolver os elecentros nas ações de capacitação in loco e virtuais IBICT e CETEM/ CG, ATN/ Eni r, Fernando Souto 03/2010 a 12/ ,00Em execução

42 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Garantir a excelência e permanente inovação das soluções tecnológicas adotadas para disseminação da informação na RedeAPLmineral.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 22. Buscar estratégias que propiciem a disseminação da informação especializada em APLs em locais onde não há infra- estrutura tecnológica 22.1 Enviar materiais de divulgação e didáticos via serviço postal. IBICT e CETEM/ CG, ATN/ Claudio Almeida 01/2010 a 12/2012 Sem custo adicional Em execução 22.2 Estimular o credenciamento de APLs em editais voltados à implantação de telecentros. IBICT e CETEM/ CG, ATN/ Claudio Almeida 01/2010 a 12/2012 Sem custo adicional Em execução 22.3 Gerar versão mensal do em suporte impresso IBICT e CETEM/ CG, ATN/ Claudio Almeida 10/2010 a 12/ ,00A ser realizada 22.4 Produzir e disponibilizar materiais jornalísticos para serem divulgados em rádios IBICT e CETEM/ CG, ATN/ Claudio Almeida 10/2010 a 12/ ,00A ser realizada

43 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Garantir a excelência e permanente inovação das soluções tecnológicas adotadas para disseminação da informação na RedeAPLmineral.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 23. Estabelecer programa de capacitação para viabilizar o cumprimento da missão da Rede 1.Número de oficinas de trabalho realizadas em parceria com telecentros e APLs até 10/2012 = 10 2.Número de capacitações executadas no âmbito dos telecentros e APLs até 10/2012 = Realizar visitas técnicas aos APLs e Oficinas de trabalho regionais para diagnosticar alternativas de atuação e divulgação da RedeAPLmineral. IBICT e CETEM/ CG, ATN/ Claudio Almeida 01/2010 a 12/ ,00A se realizada 23.2 Desenvolver metodologia e cronograma anual de capacitação no âmbito dos Telecentros Minerais; Sindicatos e Associais ligadas ao setor mineral IBICT e CETEM/ CG, ATN/ Claudio Almeida 01/2010 a 12/2012 Sem custo adicional A ser realizada 23.3 Identificar APLs e articular com as lideranças locais para as ações de capacitação IBICT e CETEM/ CG, ATN/ Claudio Almeida 10/2010 a 12/2012 Sem custo adicional A ser realizada 23.4 Realizar treinamento de pessoal no âmbito dos Telecentros Minerais e APLs IBICT e CETEM/ CG, ATN/ Claudio Almeida 10/2010 a 12/ ,00A ser realizada

44 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Atuar em conformidade com os ditames da legislação sobre propriedade intelectual da informação.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 24. Aplicar e monitorar a Política de direitos autorais. Aplicar Política de Direito Autoral no Portal 24.1 Aplicar a política de direito autoral no Portal e nos documentos gerados pela Rede, sejam impressos ou eletrônicos CG/MME-SGM, MCT-SETEC e SECIS, IBICT, CETEM / CG IBICT e CETEM. 12/2012Sem custo adicional Em Execução

45 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Qualificar e desenvolver os integrantes da Coordenação, Secretaria Executiva e dos GTs da RedeAPLmineral. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Gestão do Conhecimento Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 25. Promover eventos de qualificação, integração e capacitação junto dos componentes da RedeAPLmineral Realizar qualificação anual dos integrantes da Rede durante os Eventos: (Seminário Nacional e Encontro da RedeAPLmineral) Capacitação e qualificação dos integrantes da Coordenação, Secretaria Executiva e dos GTs da RedeAPLsgm, MCT- Setecmineral CG/MME-SGM, MCT-SETEC e SECIS, IBICT, CETEM / IBICT e CETEM. 12/2012Sem custo adicional Em Execução

46 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Incentivar, sistematizar e disseminar melhores práticas e propostas para o desenvolvimento sustentável dos APLs de base mineral.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Desenvolvimento sustentável dos APLs de base mineral Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 26. Instituir o Prêmio Melhores Práticas Implementar o Prêmio Melhores Práticas até os eventos da Rede de Identificar categorias, elaborar projeto de divulgação e premiação a ser submetido ao Comitê Executivo CG/MME-SGM, MCT-SETEC e SECIS, IBICT, CETEM / IBICT e CETEM José Marcos, Muryel Fernandes. 08/ ,00Concluída 26.2 Identificar potenciais patrocinadores para o apoio à premiação Idem da atividade 26.1/ José Marcos e CETEM 04/2011Sem custo adicionais Em exeucão 26.3 Identificar o público- alvo potencial e táticas para o incentivo à participação Idem da atividade 26.1/ CG,IBICT, José Marcos e CETEM 04/2011Sem custo adicionais Em execução

47 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Incentivar, sistematizar e disseminar melhores práticas e propostas para o desenvolvimento sustentável dos APLs de base mineral.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Desenvolvimento sustentável dos APLs de base mineral Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 27. Promover a participação de empresas e instituições inovadoras (ONGs, Universidades, Unidades de pesquisas). Aumentar a participação de empresas e instituições inovadoras (ONGs, Universidades, Unidades de pesquisas)- estimativa 100% 27.1 Identificar os Promover a participação de empresas e instituições inovadoras (ONGs, Universidades, Unidades de pesquisas) de todos os setores da comunidade mineral que possam cooperar com a RedeAPLmineral. CG/MME-SGM, MCT-SETEC e SECIS, IBICT, CETEM / CG 12/2012Sem Custo adicional Concluída 27.2 Contactar e sensibilizar empresas e instituições inovadoras (ONGs, Universidades, Unidades de pesquisas) para averiguar interesse em participar da Comunidade: RedeAPLmineral Idem da atividade 27.1/ SE 12/2011Sem custo adicionais Em execucão

48 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Incentivar, sistematizar e disseminar melhores práticas e propostas para o desenvolvimento sustentável dos APLs de base mineral.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Desenvolvimento sustentável dos APLs de base mineral Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 28. Mapear as competências e as ações de apoio/incentivo aos APLs de base mineral Criar base de dados das ações\atividad es de apoio/incentivo aos APLs de base mineral 28.1 Realizar o levantamento das ações de apoio/incentivo dos APLs de base mineral CG/MME-SGM, MCT-SETEC e SECIS, IBICT, CETEM / CG 12/2012Sem Custo adicional Concluída 28.2 Criar mecanismo para rastreamento e divulgação de apoio/incentivo aos APLs de base mineral para posterior publicação no Portal da RedeAPLmineral e outros meios. Idem da atividade 28.1/ Bolsista e SE 12/2012Sem custo adicionais Em execucão 28.3 Divulgar as ações de apoio/incentivo aos APLs e manter atualizada a base de dados Idem da atividade 28.1/ Bolsista e SE (Instituição divulgaoe 12/2012Sem custo adicional A ser realizada

49 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Incentivar, sistematizar e disseminar melhores práticas e propostas para o desenvolvimento sustentável dos APLs de base mineral.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Desenvolvimento sustentável dos APLs de base mineral Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 29. Promover atividades específicas para a formação de uma cultura de: inovação, formalização da produção mineral, acesso a credito, extensionismo mineral, associativismo e cooperativismo, formação e capacitação, gestão e governança nos APLs. Alcançar todos os APLs cadastrado s no Portal da Rede 29.1 Divulgar no portal da Rede os instrumentos de apoio/incentivo aos APLs. CG/MME-SGM, MCT-SETEC e SECIS, IBICT, CETEM / IBICT 12/2012Sem Custo adicional Em execução

50 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Objetivos Estratégicos: Incentivar, sistematizar e disseminar melhores práticas e propostas para o desenvolvimento sustentável dos APLs de base mineral.. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Plano de Trabalho Diretrizes e Objetivos Estratégicos Diretriz: Desenvolvimento sustentável dos APLs de base mineral Nr.AçãoMetaAtividadesAdministrador/ Instituições/ Responsável PrazoCusto (R$)Situação 30. Elaborar documento anual que consolide propostas e demandas formuladas pela RedeAPLmineral que subsidie a formulação de políticas públicas para o desenvolvimento sustentável dos APLs de base mineral Relatório anual publicado 30.1 Divulgar no portal da Rede os instrumentos de apoio/incentivo aos APLs. SE/MME-SGM, MCT-SETEC e SECIS, IBICT, CETEM / CG, SE e IBICT 12/2012Sem Custo adicional Em execução

51 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Diretrizes: 3 Objetivos Estratégicos: 12 Ações: 30 Metas: 30 Atividades: 102 Orçamento previsto: R$ ,00 Recursos Captados: R$ ,00. Diretrizes e Objetivos estratégicos PDR 2009 – 2012 – Resumo do Plano de Trabalho

52 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Ações futuras da RedeAPLmineral Realização do evento conjunto VII Seminário Nacional de APLs de Base Mineral e 4° Encontro Anual da RedeAPLmineral, de 30 de agosto a 02 de Setembro de 2010, Goiânia/GO. Realização de Reuniões mensais da Coordenação Geral e quadrimestrais do Comitê Executivo da RedeAPLmineral. Implementação do Plano de Desenvolvimento da RedeAPLmineral 2009 – 2012 – Matriz de responsabilidade Manutenção, aperfeiçoamento e atualização da estrutura e informações do portal eletrônico – nova versão Funcionamento e operacionalização da RedeAPLmineral. Desenvolvimento de ferramentas e mecanismos para a autossustentabilidade da Rede.

53 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Ações futuras da RedeAPLmineral Implementação do Plano de Desenvolvimento da RedeAPLmineral 2009 – 2012 – Matriz de responsabilidade (Continuação) Definir a atuação efetiva da Rede (serviço, informação etc.) Definir a natureza jurídica da Rede. Buscar mecanismos de financiamento e captação de recursos para a Rede. Propor ao GTPAPL/MDIC a criação de Projeto Piloto de constituição de um Subgrupo TP APL de Base Mineral, integrado com o núcleo estadual do GTPAPL/MDIC, que tenha como sistema de informação a RedeAPLmineral. Implementar Plano de Comunicação e Divulgação da Rede. Ampliar a divulgação da RedeAPLmineral visando à captação de novos membros e colaboradores Realizar prêmios de melhores práticas dos APLs de Base Mineral, por categorias temáticas

54 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Cadastre-se!!!!

55 Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 NOMEINSTITUIÇÃO TELEFONE Elzivir Azevedo Tássia de Melo José Marcos F Danilo Melo G Enir Sebastião Carolina Márcia Claudio Elton Vieira Muryel Fernandes Carlos Cesar Francisco W. de Hollanda Vidal Coordenação Geral da RedeAPLmineral Grato pela atenção!!


Carregar ppt "Rede Brasileira de Informação de Arranjos Produtivos Locais de Base Mineral IX Reunião do Comitê Executivo da RedeAPLmineral Goiânia/GO – 30/08/2010 Plano."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google