A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SEMINÁRIO BRASIL SEM MISÉRIA INCLUSÃO PRODUTIVA URBANA MICROCRÉDITO E MICROFINANÇAS NA INCLUSÃO PRODUTIVA Franco de Matos Maio 2013.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SEMINÁRIO BRASIL SEM MISÉRIA INCLUSÃO PRODUTIVA URBANA MICROCRÉDITO E MICROFINANÇAS NA INCLUSÃO PRODUTIVA Franco de Matos Maio 2013."— Transcrição da apresentação:

1 SEMINÁRIO BRASIL SEM MISÉRIA INCLUSÃO PRODUTIVA URBANA MICROCRÉDITO E MICROFINANÇAS NA INCLUSÃO PRODUTIVA Franco de Matos Maio 2013

2 PROLAM/USP Tese: Políticas de Crédito para Pequenos Empreendimentos 1. DIMENSÕES DA POLÍTICA DE CRÉDITO DIMENSÃO INSTITUCIONAL o Marco Legal o Regulação Prudencial e Funcional o Coordenação Institucional DIMENSÃO DOS INSTRUMENTOS DE EXECUÇÃO o Concessão Direta e Indireta de Crédito o Constituição de Fundos Públicos o Subsídio de Taxas de Juros o Estabelecimento de Sistemas e Fundos de Garantia

3 PROLAM/USP Tese: Políticas de Crédito para Pequenos Empreendimentos 1. DIMENSÕES DA POLÍTICA DE CRÉDITO DIMENSÃO INSTITUCIONAL o Marco Legal Lei de 2005 – PNMPO – funding/subsídios/garantia o Regulação Prudencial e Funcional Flexibilização somente no âmbito do PNMPO/ausência de sistemas de informação de crédito para informalidade o Coordenação Institucional Deficiência de coordenação institucional/Comitê Interministerial

4 PROLAM/USP Tese: Políticas de Crédito para Pequenos Empreendimentos 1.1. Concessão Direta e Indireta de Crédito

5 PROLAM/USP Tese: Políticas de Crédito para Pequenos Empreendimentos 1.2. Fundos Públicos 1.3. Subsídio de Taxas de Juros PNMPO: Autorizadas subvenções de até R$500 milhões de reais, por ano Sistemas de Garantia FUNPROGER: Menos de beneficiados.

6 PNUD - MDS Microcrédito para Beneficiários do Programa Bolsa Família 2. PRINCIPAIS RESULTADOS Desempenho Institucional o Metodologia do BNB consolidada (cerca de 1 milhão de operações) – nova metodologia Banco Comunidade (piloto) o Adaptação da metodologia para área rural – Agroamigo (mais de 700 mil operações) o OSCIP e Banco Comunitário – fragilidades dos modelos institucionais

7 PNUD - MDS Microcrédito para Beneficiários do Programa Bolsa Família 2. PRINCIPAIS RESULTADOS Desempenho Institucional o Banco Privado (Santander) – mais de 100 mil clientes – área de atuação e metodologia do BNB o Modelo híbrido – Bancos do Povo– Desintegração com o Sistema Público de Emprego

8 PNUD - MDS Microcrédito para Beneficiários do Programa Bolsa Família 2. PRINCIPAIS RESULTADOS Capacidade de Expansão o Agente de Crédito - Oferta, Capacitação e Área Rural o Metodologia de Grupos Solidários – Regionalização o Formação de Carteiras o Crédito Orientado – Tamanho de Carteiras o Funding – Repasse, Garantias de Repasse o Informação - Planejamento

9 PNUD - MDS Microcrédito para Beneficiários do Programa Bolsa Família 2. PRINCIPAIS RESULTADOS Capacidade de Expansão – Foco PBF e Grupos Vulneráveis o Agente de Crédito - Metas por Foco o Políticas de Incentivo - Aperfeiçoamentos o Articulação de Políticas – Divulgação e Informação aos Beneficiários o Área Rural – Agente de Crédito e Assistência Técnica

10 PNUD - MDS Microcrédito para Beneficiários do Programa Bolsa Família 2. PRINCIPAIS RESULTADOS Público PBF – Grupos Focais o Ausência de Alternativa de Renda x Mercado com Boas Perspectivas - Comércio o Valorização do Agente de Crédito o Restrição Cadastral - Obstáculo o Orçamento Integrado – PBF e Crédito o Falta de Acesso a Políticas de Inclusão Produtiva o Expansão (crédito cruzado) e Novas Atividades

11 PNUD - MDS Microcrédito para Beneficiários do Programa Bolsa Família 2. PRINCIPAIS RESULTADOS Quando a gente não consegue capital, mas só crédito pra girar o negócio, a gente continua vendendo só para dentro da comunidade, então não consegue crescer. A gente precisava era vender pra fora da comunidade também pra crescer, mas daí ninguém nos dá apoio (Beneficiário PBF e Cliente de Programa de Microcrédito de Campina Grande)

12 PNUD - MDS Microcrédito para Beneficiários do Programa Bolsa Família 3. RECOMENDAÇÕES o Difusão de Esclarecimentos e Informações – Beneficiários, Estruturas Institucionais (CRAS, CREAS, SPE) e Gestores Públicos o Apoio a Experiências que Trabalham Segmentação de Público – Avaliação, Boas Práticas e Integração de Políticas o Agentes de Crédito –Oferta, Capacitação e Regulamentação

13 PNUD - MDS Microcrédito para Beneficiários do Programa Bolsa Família 3. RECOMENDAÇÕES o Expansão – Regionalização; Funding subutilizado x Fundo de Garantia para Instituições; Metodologia x Formação de Carteiras; Produtos para Públicos Específicos (PBF e MEI) o Geração de Informações – PNMPO, BC, Cruzamentos CadÚnico – Agenda de Pesquisa - Indução, Pesquisa Qualitativa o Articulação de Políticas – Inclusão Produtiva x SPE (conta-próprias, pequenos empreendedores e Economia Solidária); Capacitação Empreendedora e Financeira; Informação (observatórios de inclusão produtiva)

14 PNUD - MDS Microcrédito para Beneficiários do Programa Bolsa Família 3. RECOMENDAÇÕES o Expansão –Funding subutilizado x Fundo de Garantia para Instituições; Metodologia x Formação de Carteiras; Produtos para Públicos Específicos (PBF e MEI) o Geração de Informações – PNMPO, BC, Cruzamentos CadÚnico – Agenda de Pesquisa - Indução, Pesquisa Qualitativa o Articulação de Políticas – Inclusão Produtiva x SPE (conta-próprias, pequenos empreendedores e Economia Solidária); Capacitação Empreendedora e Financeira; Informação (observatórios de inclusão produtiva)

15 Franco de Matos Pesquisador e Consultor de Políticas Públicas


Carregar ppt "SEMINÁRIO BRASIL SEM MISÉRIA INCLUSÃO PRODUTIVA URBANA MICROCRÉDITO E MICROFINANÇAS NA INCLUSÃO PRODUTIVA Franco de Matos Maio 2013."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google