A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Coríntios – 11: 23, 24 “Porque eu recebi do Senhor o que também vos entreguei: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou o pão; e, tendo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Coríntios – 11: 23, 24 “Porque eu recebi do Senhor o que também vos entreguei: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou o pão; e, tendo."— Transcrição da apresentação:

1

2 1 Coríntios – 11: 23, 24 “Porque eu recebi do Senhor o que também vos entreguei: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou o pão; e, tendo dado graças, o partiu e disse: Isto é o meu corpo, que é dado por vós; fazei isto em memória de mim.

3 Por semelhante modo, depois de haver ceado, tomou também o cálice, dizendo: este cálice é a nova aliança no meu sangue; fazei isto, todas as vezes que o beberdes, em memória de mim. Porque, todas as vezes que comerdes este pão e beberdes o cálice anunciais a morte do senhor até que ele venha.

4 A Ceia do Senhor nos dá a oportunidade de recebermos bênçãos e crescimento espiritual, se nós nos aproximarmos dela com atitude correta.

5 “Porque eu recebi do Senhor o que também vos entreguei: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou o pão; e, tendo dado graças, o partiu e disse: Isto é o meu corpo, que é dado por vós; fazei isto em memória de mim.

6  O partir do pão nos lembra o Corpo de Cristo, dado por nós; e o cálice nos lembra do seu sangue derramado em nosso favor. Isto é uma coisa notável, pois Jesus quer que os seus seguidores lembrem-se da Sua Morte.  A maioria de nós tentamos esquecer como, aqueles que nós amamos, morreram, mas Jesus quer que nos lembremos como Ele morreu. Por quê? tudo o que temos como cristãos, está centralizado naquela morte de Cruz.

7 A)Devemos lembrar QUE Ele morreu, porque isso é uma parte da mensagem do Evangelho: “Antes de tudo, vos entreguei o que também recebi: Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escrituras, e que foi sepultado e ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras.”( I Cor. 15.3-4). Não é um ensino, é um fato.

8 B) Devemos, também, lembrar PORQUE Ele morreu: Cristo morreu pelos nossos pecados. (Isaías 53.6: “Todos nós andávamos desgarrados como ovelhas; cada um se desviava pelo caminho, mas o SENHOR fez cair sobre ele a iniquidade de todos nós.)” (I Pedro 2.24: “Carregando ele mesmo em seu corpo, sobre o madeiro, os nossos pecados, para que nós, mortos para os pecados, vivamos para a justiça; por suas chagas, fostes sarados.”). Pagando o débito que não poderíamos pagar.

9 C) Devemos também lembrar COMO Ele morreu. Desejando mostrar o seu amor por nós (Rm 5.8: “Mas Deus prova o seu próprio amor para conosco pelo fato de Ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores.”) Ao nos assentarmos ao redor da mesa do Senhor:

10 Devemos voltar os nossos olhos para o Calvário. Devemos relembrar o quanto o nosso Salvador sofreu. Como ele foi humilhado. Como ele foi cuspido. Como ele foi surrado. Como eles lhe arrancaram a barba. Como eles arrancaram sua carne com açoites. Como Ele foi afrontado e escarnecido com uma coroa de espinhos. Como ele foi condenado depois de ter sido considerado inocente pelo próprio governador. Como ele carregou o peso da cruz pelas ruas. Como ele sofreu a zombaria da multidão e açoites dos soldados.

11 Como suas mãos foram rasgadas. Como seus pés foram cravados na cruz. Como ele passou a vergonha da cruz. A tortura da sede. As câimbras dolorosas a atormentar- lhe.  Ao assentar-nos ao redor da mesa do Senhor devemos relembrar-nos quão grande foi o amor de Jesus por nós. Ele deixou a glória, esvaziou-se, fez-se servo e se humilhou até à morte e morte de cruz.

12  Ao assentar-nos ao redor da mesa do Senhor devemos relembrar-nos quão abominável é o nosso pecado aos olhos de Deus, a ponto de ele fazer o maior de todos os sacrifícios para nos livrar do pecado.  Ao assentar-nos ao redor da mesa do Senhor devemos relembrar-nos quão preciosos somos para Deus a ponto dele nos amar e dar o seu próprio Filho para nos salvar.

13 || DEVEMOS OLHAR PARA FRENTE (26b) “Anunciais a morte do Senhor, até que ele venha”. Nós observamos a Ceia “até que Ele venha”.  Jesus não só morreu por nós, mas Ele ressuscitou subiu aos céus e um dia ele voltará.  Cada cristão tem lutas pessoais, mas quando contemplamos o futuro anunciado por Deus nas profecias, nosso coração é tomado por esperança, porque sabemos que um futuro glorioso nos aguarda.

14 Jesus vai voltar, a Sua vinda é certa. Sua vinda será em breve. Sua vinda será física, visível, audível, poderosa, gloriosa, e vitoriosa. Ele virá para nos levar para a Casa do Pai. Ele virá para nos fazer assentar em tronos. Ele virá para nos dar um corpo de glória e para estarmos com ele eternamente e reinarmos com ele para sempre. O melhor está pela frente. O que Deus preparou para nós é uma herança gloriosa e eterna.

15 ||| DEVEMOS OLHAR PARA DENTRO DE NÓS (v. 27,28) “ vs 27 Por isso, aquele que comer o pão ou beber o cálice do Senhor, indignamente, será réu do corpo e do sangue do Senhor. vs28 - Examine-se, pois, o homem a si mesmo, e, assim, coma do pão, e beba do cálice; Porque, se nos julgássemos a nós mesmos, não seríamos julgados. Mas, quando julgados, somos disciplinados pelo Senhor, para não sermos condenados com o mundo. ”

16  “ Examine-se, pois o homem a si mesmo…”, é um convite para que nós olhemos para o mundo interior de nossas vidas. Ao fazermos isso concluiremos que somos vasos frágeis.  Não podemos assentar à mesa do Senhor sem critério, sem autoanálise do nosso coração. Devemos examinar a nós mesmos e não os outros. Devemos ser juízes de nós mesmos e não juízes dos outros.  Sl: 139.23.24

17 Reflexão Ao olhar para dentro de nós descobrimos que somos tão pecadores como qualquer outro irmão que julgamos ser indigno do sacrifício de Cristo. Ao olhar para dentro de nós percebemos que carecemos profundamente do amor e da misericórdia de Deus a cada segundo da nossa existência. Ao olhar para dentro de nós percebemos que precisamos ter mais misericórdia dos nossos irmãos, pois também fomos alvos da misericórdia de Deus.

18 Ao olhar para dentro de nós entendemos que temos o dever de perdoar, pois fomos alcançados pelo perdão de Deus. Ao olhar para dentro de nós contemplamos o quanto Deus é grande e glorioso e o quanto somos pequenos, pois fomos criados pelas suas mãos.

19 |V Devemos olhar ao redor  A igreja é uma grande família aqui em Santarém com muitos filhos. Diante de Deus todos são iguais em Cristo. Na igreja, todos devem estar juntos. Todos devem ter comunhão uns com os outros. Deve existir perdão, aceitação, comunhão.  Ao olhar ao redor percebemos que, aquilo que quebra a comunhão é o pecado. O que enfraquece a igreja é o pecado. O que traz doença para a igreja é o pecado.

20 Olhando ao nosso redor percebemos que precisamos esperar uns pelos outros, compreender mais as fraquezas do próximo e amar os nossos irmãos. I Coríntios 11:33: “Portanto, meus irmãos, quando vos ajuntais para comer, esperai uns pelos outros.”

21 V Devemos olhar para cima (11.24) Ao olhar para cima, entendemos que a ceia do Senhor representa um tempo de dar graças. Dar graças por Jesus. Dar graças pela salvação. Dar graças pela igreja. Dar graças pela comunhão. Dar graças pela vida eterna. Dar graças pela vitória sobre o pecado.

22 Conclusão Se eu fosse resumir tudo o que disse nesta reflexão eu diria:  Ao olhar para trás nos lembramos do alto preço pago por Jesus na Cruz.  Ao olhar para frente, nossos corações ficam cheios de esperança.  Ao olhar para dentro de nós compreendemos o quanto somos dependentes de Deus e pecadores.

23  Ao olhar ao nosso redor, veremos os nossos irmãos e percebemos que temos que exercer amor.  Ao olharmos para cima ficamos tomados por gratidão por sabermos que Deus é a nossa eterna fonte de bênção.


Carregar ppt "1 Coríntios – 11: 23, 24 “Porque eu recebi do Senhor o que também vos entreguei: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou o pão; e, tendo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google