A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM ENUM Ponto da situação -Em instituições internacionais -Em alguns países Aspectos a considerar.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM ENUM Ponto da situação -Em instituições internacionais -Em alguns países Aspectos a considerar."— Transcrição da apresentação:

1 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM ENUM Ponto da situação -Em instituições internacionais -Em alguns países Aspectos a considerar

2 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM ENUM - Telephone Number Mapping Com o ENUM pretende-se possibilitar o acesso a aplicações Internet a partir de terminais que dispõem apenas de um número de telefone tradicional. PSTN, GSM.. ENUM Internet Networks 1,2 mil milhões de telefones em todo o mundo 350 milhões de utilizadores Internet Fonte: Neustar

3 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Relatório do Conselho da UIT 2001 O ENUM renova a questão do esquema adequado de trabalho para a gestão de nomes e endereços em ambiente de convergência das telecomunicações, cada vez mais acentuado, quer ao nível interno dos países, quer ao nível internacional.

4 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM ENUM - Telephone Number Mapping Resulta dos trabalhos do Grupo de Trabalho ENUM no âmbito do Internet Engineering Task Force (IETF) IETF: Comunidade internacional de projectistas, operadores, fabricantes, e investigadores preocupados com a evolução da arquitectura da Internet e a sua normal operação.

5 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM ENUM - Telephone Number Mapping Baseado na arquitectura do Domain Name System (DNS) DNS: Serviço de procura hierárquica distribuída utilizado na Internet para conversão entre Nomes de Domínio e endereços IP (Internet Protocol). Nomes de Domínio são sequências de designações de um nó para a raíz, separadas por pontos e lidas da esquerda para a direita.

6 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM ENUM - Telephone Number Mapping Definido e publicado no documento E.164 number and DNS (IETF RFC Set. 2000) Definição: Protocolo que permite mapear números de telefone conformes com a Rec. E.164 da UIT-T em Uniform Resource Identifiers (URIs).

7 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM URIs - Uniform Resource Identifiers Cadeias de caracteres que identificam fontes tais como documentos, imagens, ficheiros, bases de dados, endereços de ou outros recursos ou serviços com um formato estruturado comum. Os Uniform Resource Locators (URLs), são o tipo mais conhecido de URI usados para localizar recursos na World Wide Web. Ex: é o URL do sítio da ITU relativo às actividades ENUM.

8 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Recomendação E.164 Recomendação da União Internacional das Telecomunicações (UIT-T). Define o plano de numeração para as telecomunicações públicas internacionais. Define a estrutura e funcionalidade para três principais categorias de números: Áreas Geográficas, incluindo Códigos de País (CC) Serviços Globais – UIFN, UPT Redes

9 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Recomendação E.164 Número internacional de telecomunicações públicas Estrutura dos Números Geográficos: CC 351 NDC 21 SN a 3 dígitos Máx. (15-n) dígitos Número Nacional Máx. 15 dígitos Número internacional de telecomunicações públicas para áreas geográficas

10 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Recomendação E.164 Número internacional de telecomunicações públicas Estrutura para Serviços Globais: CC (878) GSN 3 dígitos Máx. 12 dígitos Máx. 15 dígitos Número internacional de telecomunicações públicas para serviços globais

11 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Recomendação E.164 A UIT-T faz a atribuição dos Country Codes (CC) a cada área geográfica (país ou grupo de países). A ANACOM, como regulador das Telecomunicações em Portugal, faz a atribuição e a gestão dos recursos de numeração que resultam da aplicação da Recomendação E.164.

12 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Modelo Funcional do ENUM Tier 0 Registry ITU Tier 1 Registry Tier 2 Registry (Name Server Provider) Registrant (ENUM End User) Aplications National Policy Framework Policy, Accreditation Potential Transactions Validation Function delegation ENUM Registrar Fonte: Draft ETSI TS , ENUM Administration in Europe

13 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Modelo Funcional do ENUM Registry A Base de Dados do espaço dos nomes. A entidade que tem o controlo de edição dessa Base de Dados. A entidade que usa os servidores de nome para esse espaço de nomes. Registrar O agente que submete pedidos de alteração ao Registry em nome do Registrant. Registrant A entidade que faz uso do nome de domínio.

14 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Modelo Funcional do ENUM Baseado na separação em 3 níveis distintos, cujas funções são: Tier 0 – Administração e gestão técnica do domínio ENUM (Tier 0 Registry, registo internacional que aponta para registos Tier 1) Tier 1 – Gestão e operação do ENUM no país ou área identificada por um determinado CC (Tier 1 Registry, registo nacional que aponta para registos Tier 2) Tier 2 – Prestação comercial dos serviços ENUM (Tier 2 Registry e Tier 2 Registrar, cujas funções podem ser desempenhadas pela mesma ou por diferentes entidades).

15 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Níveis de gestão no ENUM Ex.: e164.TLD Tier 0 Tier 1 Tier 2

16 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Domínio de Nível de Topo (TLD) Questão que implica o controlo operacional do ENUM..arpa é o TLD proposto pelo IETF Não há ainda consenso sobre a designação. Em discussão na UIT-T.

17 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM UIT - União Internacional das Telecomunicações Instituição das Nações Unidas, cuja missão é o desenvolvimento das redes e serviços de telecomunicações. Organizada em três sectores: UIT-D, UIT-R, UIT-T. UIT-T: 15 Grupos de Estudos (Study Groups). SG2 – Operational aspects of service provision, networks and performance. Grupo responsável pelos estudos sobre os requisitos de numeração, nomes e endereçamento.

18 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM ENUM – Ponto da situação na UIT-T Discussão com o IETF sobre papéis e responsabilidades. Cooperação com IAB/IETF para uma escolha do TLD e requisitos para as operações de registo. Fevereiro de 2002: Aprovado o documento Global Implementation of ENUM: A Tutorial Paper, que faz uma Introdução ao ENUM, às suas tecnologias e prevê potenciais implementações do ENUM. Maio de 2002: Aprovado o Suplemento Operational and administrative issues associated with national implementations of the ENUM functions.

19 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM ENUM – Ponto da situação na UIT-T Suplemento Operational and administrative issues associated with national implementations of the ENUM functions : Proporciona o enquadramento, os conceitos fundamentais e a informação de orientação numa vasta gama de questões relacionadas com a inclusão dos números E.164 no DNS. Contém considerações e potenciais consequências surgidas dessas questões. Não tenta proporcionar soluções para as mesmas questões. Descreve as várias questões e aponta orientações, considerando as várias formas de dirigir cada uma.

20 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM ENUM – Ponto da situação na UIT-T Em preparação pelo Grupo de Estudos 2: Definição e implementação dos procedimentos administrativos que coordenam as delegações dos recursos de numeração E.164 para os servidores de nome DNS, contemplados no draft da Recomendação E.A-ENUM - Princípios e procedimentos para a administração dos códigos geográficos E.164 a serem registados no Sistema de Nomes de Domínio.

21 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Procedimentos Interinos SG 2 obteve em cooperação com a IAB e o IETF um acordo relativo aos procedimentos interinos para o ENUM. Este acordo estabelece: A sua efectividade até à futura aprovação da Recomendação, correntemente Draft Recommendation E.A-ENUM, a qual revogará estes procedimentos interinos. A possibilidade de sofrerem alterações em qualquer momento. A sua revisão o mais tardar na reunião do SG 2 agendada para Maio de 2003.

22 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Procedimentos Interinos Documento que vai permitir iniciar os ensaios ENUM em alguns Estados Membros; Apenas abrange os Country Codes geográficos atribuídos; Estabelece regras interinas que serão usadas pelo TSB, da UIT-T, caso este receba pedidos para delegação de nomes de domínio correspondentes aos CC E.164, por parte do RIPE-NCC antes da aprovação da futura Recomendação.

23 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Ponto da situação em outros organismos internacionais ETSI - European Telecommunications Standards Institute Organização de carácter não lucrativo, cuja missão é estabelecer padrões (standards) em telecomunicações, para uso na Europa. Em processo de aprovação oficial um telecommunication standard (ENUM Administration in Europe), que pretende dar apoio aos países Europeus no desenvolvimento da implementação do ENUM. Este documento introduz uma quantidade de princípios básicos a serem seguidos para maximizar os benefícios potenciais das diversas implementações possíveis do ENUM, na Europa.

24 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Ponto da situação em outros organismos internacionais PT3 - Project Team on Numbering Equipa de Projecto criada no âmbito do Electronic Communications Committee (ECC) para tratar aspectos de numeração. ECC: Estabelecido em Outubro de 2001 para substituir o European Committee for Telecommunications Regulatory Affairs (ECTRA) e o European Radiocommunications Committee (ERC). Algumas atribuições do ECC: Estudo e desenvolvimento de políticas de comunicações electrónicas no contexto europeu, tendo em conta a legislação e regulação europeia e internacional. Harmonização ao nível europeu do uso eficiente dos recursos de numeração.

25 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Ponto da situação em outros organismos internacionais PT3 - Project Team on Numbering Aprovada em Julho de 2001 uma Recomendação aos Estados Membros na qual as Autoridades Reguladoras Nacionais (NRAs) são convidadas a: Efectuarem consultas com as partes interessadas para assegurar que quaisquer desenvolvimentos do ENUM (...) tenham em conta os interesses dos utilizadores e previnam abusos relacionados com nomes ou numeração. Desenvolverem e expressarem uma posição comum nas discussões a estabelecer no âmbito da ITU-T.

26 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Ponto da situação em outros organismos internacionais ONP - Open Network Provision Committee, da Comissão Europeia. Criado o Expert Group on Numbering, naming and addressing in a Convergence environment (ENUM Group). Destinado ao estudo de: Questões relacionadas com a convergência das redes telefónicas e a Internet e redes IP, em particular na área de numeração, nomes e endereçamento.

27 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM ENUM na Europa (I) França Fez uma Consulta Pública, cujos resultados ainda não são conhecidos. Em breve serão iniciados os ensaios. Suíça Há uma Consulta Pública a decorrer. Holanda Previstos ensaios. Reino Unido Foi criado um grupo de trabalho. Serão feitos ensaios, em preparação.

28 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM ENUM na Europa (II) Áustria A decorrer uma Consulta Pública. Vão fazer ensaios. Suécia Elaborado um documento pela PTS, analisando o ponto da situação, que foi apresentado ao governo Sueco. Decorreu um workshop em 2 de Abril. Ensaios em preparação. Finlândia Criado um grupo de trabalho. Bélgica Tomou posição, alegando a facilidade e o carácter não dispendioso da implementação do ENUM.

29 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Alguns aspectos a considerar Competição entre fornecedores de serviços; Direito à livre escolha por parte do utilizador; Controlo sobre os registos pessoais; Implicações comerciais e regulatórias dos tipos de serviços a disponibilizar; Papel adequado aos prestadores de serviços de voz; Privacidade e Segurança das redes de telecomunicações; Impacto sobre os planos nacionais de numeração; Portabilidade;

30 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Websites com informação de interesse sobre o ENUM

31 Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM Obrigado


Carregar ppt "Lisboa, 24 de Junho de 2002ANACOM Seminário ENUM ENUM Ponto da situação -Em instituições internacionais -Em alguns países Aspectos a considerar."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google