A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TEMÁRIO COMISSÕES INTERNAS DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES DE SUCESSO NAS EMPRESAS TÍTULO UMA AÇÃO SINGULAR APLICADA E VIVENCIADA: ÁREAS DE INSPEÇÃO DA CIPA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TEMÁRIO COMISSÕES INTERNAS DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES DE SUCESSO NAS EMPRESAS TÍTULO UMA AÇÃO SINGULAR APLICADA E VIVENCIADA: ÁREAS DE INSPEÇÃO DA CIPA."— Transcrição da apresentação:

1 TEMÁRIO COMISSÕES INTERNAS DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES DE SUCESSO NAS EMPRESAS TÍTULO UMA AÇÃO SINGULAR APLICADA E VIVENCIADA: ÁREAS DE INSPEÇÃO DA CIPA UNIDADE DE PRODUÇÃO ILHA SOLTEIRA/TRÊS IRMÃOS

2 Centro de Conservação da Fauna Silvestre Almoxarifado Supridor Divisão de Licitação UHE Três Irmãos UHE – Ilha Solteira

3 Abrangência Introdução Áreas de Inspeção Resultados Conclusão

4 Número de empregados Em torno de ,8 homens / horas em exposição ao risco por ano USINAS Gradação de Risco – Grau 3 ABRANGÊNCIA Diversificação de atividades ECLUSAS

5 CENTRO DE CONSERVAÇÃO DA FAUNA SILVESTRECENTRO DE CONSERVAÇÃO DA FAUNA SILVESTRE ABRANGÊNCIA

6 ALMOXARIFADO SUPRIDOR ABRANGÊNCIA

7 EQUIPE DE MERGULHO / INSPEÇÃO SUBAQUÁTICA ABRANGÊNCIA

8 INSPEÇÃO DE BORDAS E RESERVATÓRIOS ABRANGÊNCIA

9 INTRODUÇÃO Para atingir a meta do Acidente Zero, a CIPA sempre desenvolveu ações para reduzir a ocorrência de acidente nas Instalações. A partir de 2003, o cenário exigia a melhoria e o aprimoramento desses processos. Para atingir a meta do Acidente Zero, a CIPA sempre desenvolveu ações para reduzir a ocorrência de acidente nas Instalações. A partir de 2003, o cenário exigia a melhoria e o aprimoramento desses processos. Demonstraremos, a seguir, o cenário na época:

10 ACIDENTES DE TRABALHO OCORRÊNCIAS Com afastamento Sem afastamento INTRODUÇÃO

11 /7/199930/9/ /11/ /1/200030/3/200030/5/200030/7/200030/9/ /11/ /1/200130/3/200130/5/200130/7/200130/9/ /11/ /1/200230/3/200230/5/200230/7/200230/9/ /11/ /1/2003 INTRODUÇÃO Dias Sem Acidente do Trabalho com Afastamento

12 ÁREAS DE INSPEÇÃO Segmentação Unidade de Produção em Áreas de Inspeção Inspeções Regulares Áreas Designadas também denominadas Áreas de Inspeção 17 (dezessete) Áreas de Inspeção Permite cobertura de todas as Áreas Possibilita Membro da CIPA conhecer demais atividades da Unidade. Cipeiro sempre presente e atento às atividades e riscos existentes Atribuição cada Membro da CIPA uma Área sob sua responsabilidade

13

14

15

16

17 1 Barragem de Terra (MD/ME) Pista de Rolagem Barragem de Concreto; Vertedouro de Superfície E.T.A. Garcia Membro CIPA Responsável pela Área: Garcia

18 1 Barragem de Terra ME (Rotatória SP à Barragem Concreto) Eclusa (Estrutura Básica) Garcia Membro CIPA Responsável pela Área: Garcia

19 1 Pista de Rolagem Vertedouro de Superfície Garcia Membro CIPA Responsável pela Área: Garcia

20 1

21 6 SE 440 KV CCL Orlando Membro CIPA Responsável pela Área:Orlando

22 10 UG 09 a 12 (Galeria de Filtros, Piso Operadores, Galerias de Inspeção, Poço de Drenagens, Stop-log etc.) Antônio Doimo Membro CIPA Responsável pela Área: Antônio Doimo

23 14 Usina Três Irmãos (Aproveitamento Múltiplo) Celso, Ângelo e Marsal Membros CIPA Responsáveis pela Área:Celso, Ângelo e Marsal

24 14 Eclusas Três Irmãos Canal Pereira Barreto Celso, Ângelo e Marsal Membros CIPA Responsáveis pela Área: Celso, Ângelo e Marsal

25 15 Centro Conservação Fauna Silvestre Rodrigo Membro CIPA Responsável pela Área: Rodrigo

26 ÁREAS DE INSPEÇÃO Inspeções Regulares: Relatórios de Inspeção Plano de Ação Aproveitamento : Revisão dos Mapas de Riscos Ambientais Divulgação: Murais, Reuniões Ordinárias da CIPA Exemplo de Resultado do Plano de Ação

27 SUGESTÕES DE SEGURANÇA AUTORES: EQUIPE DE MANUTENÇÃO MECÂNICA / IM Situação Proposta: Instalação de tomadas no Pórtico de 160 T. LOCAL: UHE ILHA SOLTEIRA Situação: Alimentação de equipamentos para manutenção das comportas de emergência, proveniente de Tomada 440V, muito distante e gerando condição insegura.

28

29 Cabo de Alimentação

30

31

32 REVISÃO DE MAPAS DE RISCOS AMBIENTAIS Área de Inspeção 3 Responsável: Orlando Sala de Desenho/Arquivo Técnico: Existia risco químico por manuseio de amoníaco na Copiadora Heliográfica existente no local. Com introdução de novos equipamentos (Plotters) risco sanado Área de Inspeção 4 Responsável: Ana Cúpula do Centralizado: Existia iluminação deficiente e arranjo físico inadequado. Com a atuação das Seções Elétrica e Civil risco sanado

33

34 RESULTADOS Atuação Efetiva dos Cipeiros Redução do Número de Acidente Em 23/09/2008: 2063 dias Sem Acidente do Trabalho Com Afastamento Buscando Acidente Zero Conquista de Marcas Âmbito da Empresa e no Cenário Nacional

35 RESULTADOS ACIDENTES DE TRABALHO OCORRÊNCIAS Com afastamento Sem afastamento

36 RESULTADOS Conquista da Marca de Cinco Anos Sem Acidentes de Trabalho com Afastamento Janeiro de 2008 Conquista da Marca de 943 Dias Sem Acidente de Trabalho com Afastamento Agosto/2005 – Recorde Inicial Conquista da Marca dos 1000 Dias Sem Acidentes de Trabalho com Afastamento Outubro/2005 Conquista da Marca de Três Anos Sem Acidentes de Trabalho com Afastamento Janeiro de 2006 Conquista da Marca de Quatro Anos Sem Acidentes de Trabalho com Afastamento Janeiro de 2007 Conquista do Prêmio Medalha Eloy Chaves Comitê Intercipas

37 03 ANOS SEM ACIDENTE DO TRABALHO COM AFASTAMENTO RESULTADOS

38 04 ANOS SEM ACIDENTE DO TRABALHO COM AFASTAMENTO 05 ANOS SEM ACIDENTE DO TRABALHO COM AFASTAMENTO RESULTADOS

39 A CESP recebeu, dia 10 de maio, o prêmio Medalha Eloy Chaves relativo ao ano 2006, da Associação Brasileira de Concessionárias de Energia Elétrica (ABCE). O prêmio é entregue às Empresas que tiveram menores índices de acidentes envolvendo seus colaboradores e a comunidade. CESP recebe Medalha Eloy Chaves

40 CONCLUSÕES A definição do papel do cipeiro é fundamental para efetivação da ação prevista. Contudo, será a prática e a interação adequadas desse papel, que determinará o alcance dos objetivos propostos. Comprometimento de todos os envolvidos na execução e retroalimentação das ações voltadas à Saúde e Segurança do Trabalho contribui na prevenção de acidente, preconizada na Política de Segurança e Saúde da empresa. O envolvimento direto do cipeiro com empregados reduz distanciamento existente nas atividades de prevenção de acidente. É importante a interação de Membros da CIPA e Empregados para o desenvolvimento de novos hábitos de prevenção de acidente, os quais deverão ser mantidos e melhorados com avaliações e ajustes periódicos.

41 Segurança nasce com palavras, evolui com exemplos e permanece com realizações. MENSAGEM Autor : Romauro Dutra da Silva (in Memoriam)


Carregar ppt "TEMÁRIO COMISSÕES INTERNAS DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES DE SUCESSO NAS EMPRESAS TÍTULO UMA AÇÃO SINGULAR APLICADA E VIVENCIADA: ÁREAS DE INSPEÇÃO DA CIPA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google