A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Profª Vivian Zaboetzki Dutra. Vias aéreas superiores - acima da laringe ex: resfriado,sinusite, otite média, amigdalite Vias aéreas inferiores - abaixo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Profª Vivian Zaboetzki Dutra. Vias aéreas superiores - acima da laringe ex: resfriado,sinusite, otite média, amigdalite Vias aéreas inferiores - abaixo."— Transcrição da apresentação:

1 Profª Vivian Zaboetzki Dutra

2 Vias aéreas superiores - acima da laringe ex: resfriado,sinusite, otite média, amigdalite Vias aéreas inferiores - abaixo da laringe ex: laringite, pneumonias, asma

3 Gripe Inflamação da mucosa rinofaringe, por processo viral Manifestações: - febre variável; coriza; obstrução nasal tosse; anorexia; vômitos; diarreia e dores musculares. Cuidados: - manter VAS desobstruídas; - realizar higiene nasal; - aspirar VAS se necessário; - gotas nasais se necessário, antes das refeições; - decúbito elevado; - líquidos frequentemente.

4 Amigdalite Inflamação nas tonsilas palatinas por processo bacterianao ou viral. Sinais e Sintomas: Dor de garganta, febre, cansaço, falta de apetite, dispneia, cefaleia, sialorréia, lábios ressequidos. Cuidados : Manter higiene oral, Observar SV, Estimular ingesta hídrica, Atentar para a ingestão de dieta, Instruir para descansar a voz, Evitar o uso de chupeta.

5 Otites Inflamação do ouvido médio desencadeadas por outras infecções de origem respiratória. Sinais e sintomas: Quadro febril, tímpanos difusamente rosados, violáceos com flictenas, constipação nasal, otalgia. Cuidados de enfermagem: Administrar medicações prescritas, Controlar SV, Manter a cabeça da criança elevada, Fazer o uso de compressas quentes para aliviar o desconforto.

6 Renite Irritação e inflamação que acomete a mucosa nasal, por processo viral, bacteriano ou alérgicos. Sinais e sintomas: Rinorréia, coriza, congestão nasal, prurido, ardor nos olhos e nariz, espirros constantes e até vômito. Cuidados de enfermagem: Instruir o paciente para: Limpar a casa diariamente com pano úmido, não varrer, não espanar. Abrir as janelas durante o dia para ventilar os cômodos. Evitar o mofo. Evitar produtos com cheiro ativo. Evitar tapetes e carpetes. As cortinas devem ser lavadas mensalmente. Ventiladores e filtros de ar condicionado devem ser limpos regularmente. Evitar animais no quarto de dormir. Forrar colchões e travesseiros com material impermeável. Evitar travesseiros velhos, trocando-os anualmente. Lavar cobertores e agasalhos guardados, antes de usar. Trocar a roupa de cama semanalmente.

7 Sinosite Inflamação que acomete uma ou mais cavidades paranasais, por processo viral ou bacteriano. Sinais e Sintomas: Edema do ângulo interno do olho com dor à pressão na base do nariz, obstrução nasal, rinorréia, febre, dor facial, cefaleia, tosse diurna (crianças), edema periobitário. Cuidados de enfermagem: As medidas de enfermagem são direcionadas para a facilitação da drenagem. A umidade adequada, a inalação de vapor, a ingesta hídrica aumentada e a aplicação de calor local (compressas úmidas e quentes) que auxiliarão na promoção da drenagem.

8 Laringite Inflamação da laringe por processo viral, bacteriana ou alérgica. Alta incidência no inverno Manifestações: tosse ladrante (cachorro) febre variável e rouquidão Casos graves: - dispnéia, estridor, tiragem, cianose. - pode levar a obstrução grave

9 Asma Inflamação crônica das vias aéreas por processo viral; anti-inflamatórios e outros fármacos; Estresse psicológico; A exposição ao ar frio; Fumo; Animais com pelo; Exercício. Ocorre: A redução e obstrução no fluxo respiratório. Devido ao edema da mucosa brônquica e ao aumento das secreções mucosas e contração da musculatura lisa das vias aéreas, acontece o broncoespasmo, gerando a falta de ar. Sintomas: Tosse com ou sem eliminação de escarro espesso, claro ou amarelado, predomínio entre manhã e noite; Dificuldade respiratória; Chiado (sibilância); Aperto torácico; Rangido, sensação de aperto na garganta; Cefaleia.

10 Bronquite Inflamação dos brônquios, por processo viral, bacteriano, crônico ou alérgico. Sinais e sintomas: Tosse, falta de ar e chiado. Cuidados: Evitar contato com pessoas resfriadas, gripadas ou com outras doenças transmissíveis por via respiratória; Não inibir a tosse produtiva; Evitar permanecer muito tempo em ambientes com ar condicionado ou em locais com ar seco demais; Beber bastante água, pois ela ajuda a diluir as secreções brônquicas e facilita a expectoração; Lavar as mãos com frequência;

11 Bronquiolite Processo inflamatório quecompromete bronquíolos, com quadro obstrutivo, sua principal causa é viral (VSR). Bebês com até 2 anos (2meses até 6 meses); Manifestações: Secreção do nariz, tosse, irritabilidade, chiado no peito, dificuldade para mamar, febre respiratória rápida, gemência, falta de ar, cianose e tiragens. Cuidados : mesmo de doenças respiratória. (oxigenioterapia, repouso, higiene, banhos mornos, aleitamento materno, hidratação SN).

12 Pneumonia Processos inflamatórios alvéolos, bronquíolos, espaço intersticial. Manifestações: - variam de acordo com a idade da criança, etiologia e estado nutricional - febre alta, tosse (seca ou produtiva) - recusa alimentar, mal estar - crianças maiores podem ter dor torácica ou abdominal. - com a gravidade: dispnéia, sinais de sofrimento respiratório, (taquipnéia, tiragem, BAN, gemência, cianose )

13

14


Carregar ppt "Profª Vivian Zaboetzki Dutra. Vias aéreas superiores - acima da laringe ex: resfriado,sinusite, otite média, amigdalite Vias aéreas inferiores - abaixo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google