A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Parte 1 1 CAP.5 Hipermedia: 2ª geração Sumário: Desvantagens da hipermédia de 1ª geração Vantagens da hipermédia de 2ª geração Meta-informação Colecções.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Parte 1 1 CAP.5 Hipermedia: 2ª geração Sumário: Desvantagens da hipermédia de 1ª geração Vantagens da hipermédia de 2ª geração Meta-informação Colecções."— Transcrição da apresentação:

1 Parte 1 1 CAP.5 Hipermedia: 2ª geração Sumário: Desvantagens da hipermédia de 1ª geração Vantagens da hipermédia de 2ª geração Meta-informação Colecções Visualizador de colecções Sequências Vantagens das colecções Costumização na hiperteia Hiper-ligações

2 Parte 1 2 Desvantagens da hipermédia de 1ª geração: modelo Nó-Ligação Manutenção das ligações é tediosa e difícil As ligações, em virtude de serem fisicamente embutidas, quebram a integridade do conteúdo dos documentos As ligações não são dependntes do contexto, o que conduz a: desorientação do utilizador (síndrome de perdido no hiperespaço); limitada re-utilização dos recursos hipermédia

3 Parte 1 3 Vantagens da hipermédia de 2ª geração: modelo Hyperwave Definição e navegação de compósitos hipermédia (colecções de nós e ligações) Separação das ligações relativamente aos conteúdos (i.e., preservação da integridade documental) Suporte para ligações com atributos Manutenção da integridade referencial das ligações (i.e., manutenção automática da hiperteia)

4 Parte 1 4 Meta-informação Meta-informação: informação sobre informação. Para fazer uma pesquisa séria na Web, para além de simples surfing, temos de ter atributos pesquisáveis associados a cada documento; por exemplo: título, autor, palavras-chave, etc. Exemplos de pesquisa: Qual é o documento que contém a palavra PC, cujo autor é H. Nadail, e que foi inserido no servidor após Eliminar todos os anúncios web que expiraram ontem a validade.

5 Parte 1 5 Colecções Modelo Hyperwave = Modelo Nó- Ligação + colecções Colecção = documentos + colecções Servidor Hyperwave é uma hierarquia de colecções Hierarquia de colecções é descrita por um grafo acíclico dirigido Objectivos duma colecção: Meio de navegação pela informação disponível Meio de contextualizar a informação corrente A contextualização é possível devido ao facto de um documento/colecção poder ter vários ancestrais hierárquicos. Fig.5.1: Colecção Hyperwave

6 Parte 1 6 Colecções (cont.) Visualizador de hierarquia de colecções Cabeçalho duma colecção Manutenção de colecções Minimizar do síndrome de perdido no hiper-espaço Clarificar a relevância dos documentos duma colecção Manter a integridade referencial Objectivos/problemas:Necessidades:

7 Parte 1 7 Visualizador de hierarquias de colecções: exemplo Semelhante ao Windows Explorer GUI (Graphical User Interface) em termos visuais e interactivos. Objectivo e problema: minimizar os efeitos do síndrome perdido no hiper-espaço. Esta minimização é feita através da marcação do caminho percorrido na hierarquia de colecções. Isto é particularmente importante quando um documento ou uma colecção é usado/a em contextos diferentes. Fig.5.2: Visualização duma hierarquia de colecções

8 Parte 1 8 Cabeçalho de colecção Fig.5.3: Visualização duma hierarquia de colecções um documento em cabeçalho Problema. Aquando da navegação no hiperespaço é muitas vezes difícil aferir a relevância dum documento, a não ser que seja aberto e visualizado. Assim, uma colecção deve ter um documento como cabeçalho, no qual é feita a sinopse do conteúdo da colecção. O documento à cabeça pode ter ligações para outros documentos, o que constitui um mecanismo alternativo de navegação. Hierarchy display Document display

9 Parte 1 9 Manutenção de colecções A integridade referencial não é mantida automaticamente no modelo nó-ligação porque: A inserção dum novo documento requer a actualização manual dos documentos que apontam para ele. A eliminação dum documento implica a sua eliminação física. Tendo em conta que as ligações de 1ª geração são unidireccionais, não é possível saber em tempo útil quais são os documentos apontadores, ficando assim impossibilitada a actualização destes. A integridade referencial é mantida automaticamente no modelo Hiperwave (2ª geração) porque: A inserção dum documento numa colecção não requer a criação duma ou mais ligações a partir doutros documentos. A eliminação dum documento duma colecção não implica a sua eliminação física, a não ser que o documento não pertença a mais nenhuma colecção. home page colecção

10 Parte 1 10 Sequências Fig.5.4: Visualização de sequência É um tipo particular duma colecção: colecção + ordem A ordem é uma propriedade associada aos elementos da colecção, sendo a ordenação baseada em atributos como: data de criação, ordem alfabética do título, etc. Uma sequência impõe uma restrição sobre a visualização dos elementos. A visualização começa com o 1º elemento, e depois a navegação dentro da sequência está limitada às operações Next, Previous, First, e Last. A operação Exit pode ser desencadeada em qualquer altura.

11 Parte 1 11 Vantagens da hierarquia de colecções Mais importante: a edição de ligações (links) desparece. Possibilidade de restringir o escopo de pesquisa a uma colecção e suas sub- colecções. Torna mais fácil a produção dum CD-ROM relativamente a uma parte da base de dados (colecção + sub-colecções). Facilita a navegação já que ter uma hierarquia de documentos é como ter uma perspectiva herárquica de mapas geográficos a diferentes escalas (mundo, continentes, países, cidades, etc.) conjuntamente com um mapa local. Torna mais fácil a gestão de dados já que as colecções comportam-se como directorias num sistema de ficheiros. Permite a costumização na hiperteia. Fig.5.5: Delimitação do escopo de pesquisa de documentos.

12 Parte 1 12 Costumização na hiperteia: exemplo Três utilizadores com perfis de aprendizagem diferentes. Seis módulos educacionais: A, B, C, D, E e F. Modelo nó-ligação (web ordinária): módulos comuns têm de ser copiados e depois ligados entre si manualmente. Modelo hyperwave: usa-se três colecções separadas e faz-se uma cópia virtual dos documentos para cada colecção. Numa cópia virtual não há duplicação de documentos. O que existe é um apontador para cada documento. Fig.5.6: Costumização.

13 Parte 1 13 Hiper-ligações: modelo 1ª geração As ligações web de 1ª geração são: unidireccionais, pois só permite ir duma âncora fonte para uma âncora destino, mas não vice-versa embutidas, no sentido de que uma ligação armazenada directamente num documento HTML diz respeito a uma localização física (URL) do documento destino. Acaso este seja removido, a ligação deixa de ser válida. livres de atributos ou tipos pelo que nenhuma meta-informação está associada (p.ex., autor, direitos de acesso, palavras- chave, tipo, data, etc) Fig.5.7: Ligação WWW.

14 Parte 1 14 Hiper-ligações: modelo 2ª geração Ao contrário da WWW, na Hyperwave existe uma separação entre os documentos e as ligações. As ligações estão armazenadas numa base de dados à parte. Fig.5.8: Base de dados de ligações.

15 Parte 1 15 Hiper-ligações: modelo 2ª geração Fig.5.9: Mapa de ligações em torno do documento 1. Fig.5.10: Remoção de ligações dum documento eliminado. As ligações são bidireccionais, o que permite gerar mapas de ligações à volta dum dado documento, i.e. ligações de e para o documento. As ligações bidireccionais garantem a consistência das ligações. Se um documento é removido as ligações que para ele apontam também são removidas.

16 Parte 1 16 Hiper-ligações: modelo 2ª geração (cont.) Fig.5.11: Atributos de ligações. Metainformação nas ligações. As ligações são objectos que contêm atributos: posição de âncora, tipo, palavras-chave (que são pesquisáveis!), etc. Sincronização de documentos. Em consequência da separação entre documentos e ligações, todos os documentos podem ser feitos para se ligarem uns aos outros. Por exemplo, podemos ter um stream de video MPEG com ligações sem ter que modificar a norma MPEG. Portanto, quando se mostra o filme (movie), o movie player (p.ex. QuickTime) recebe o stream MPEG e os objectos âncora associados, mostrando-os simultaneamente. Isto permite a sincronização entre documentos.

17 Parte 1 17 Hiper-ligações: modelo 2ª geração (cont.) Fig.5.12: Controlo dos direitos de acesso. Acesso. As ligações podem ter permissões de acesso. Isto significa que certas ligações num documento podem só ser visíveis ou acessíveis a certos utilizadores ou grupos de utilizadores.

18 Parte 1 18 Hiper-ligações: modelo 2ª geração (cont.) Fig.5.13: Ligação de documentos read-only Edição de ligações. Em consequência da separação entre documentos e ligações, a criação e manipulação de ligações não implica a alteração de documentos. Portanto, a edição interactiva de ligações é mais fácil. Isto também significa que a criação duma ligação para um documento não requer permissão de escrita no documento. Isto é útil para definir ligações para documentos que são read-only. FIM


Carregar ppt "Parte 1 1 CAP.5 Hipermedia: 2ª geração Sumário: Desvantagens da hipermédia de 1ª geração Vantagens da hipermédia de 2ª geração Meta-informação Colecções."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google