A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 PROGRAMA DE ASSESSORIA E TREINAMENTO AMOSTRAS BIOLÓGICAS & IATA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 PROGRAMA DE ASSESSORIA E TREINAMENTO AMOSTRAS BIOLÓGICAS & IATA."— Transcrição da apresentação:

1 1 PROGRAMA DE ASSESSORIA E TREINAMENTO AMOSTRAS BIOLÓGICAS & IATA

2 2 Regulamentos ONU ICAO (Norma Padrão – Instruções Técnicas) International Civil Aviation Organization IATA (Manual que transforma as normas da ICAO em um guideline mais simples) International Air Transport Association ANAC Legislação Brasileira

3 3 DEFINIÇÕES AMOSTRA BIOLÓGICA : qualquer amostra de material biológico (por exemplo células do sangue, da pele e dos ossos ou plasma sanguíneo) em que estejam presentes ácidos nucleicos e que contenha a constituição genética característica de um indivíduo (ou animal). Ref.: Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura Divisão de Ética das Ciências e Tecnologias - UNESCO IATA – International Air Tranport Association (Associação Internacional de Transportes Aéreos)

4 4 CLASSIFICAÇÃO GERAL DE AMOSTRAS BIOLÓGICAS PARA TRANSPORTE Substâncias Infecciosas que afetam Seres-Humanos ou Animais (Categoria A – UN2814 ou UN2900) Substâncias Biológicas de Categoria B (UN3373) – também substância infecciosas Substâncias Isentas (sub. não infecciosa para testar algum diagnóstico como glicemia por exemplo) Substâncias que não se enquadram neste regulamento (material totalmente sadio, como órgão para transplante por exemplo) As substâncias infecciosas são divididas em duas categorias: CATEGORIA A podem trazer risco de morte a pessoas ou animais, doença fatal ou incapacidade permanente. São classificadas como UN2814 (humano) ou UN2900 (animal). CATEGORIA B substâncias biológicas que não se enquadram na caterogia A, são classificadas como UN3373.

5 5 CATEGORIA A - UN 2814 Substâncias Infecciosas que Afetam Humanos Virus da encefalite equina oriental (apenas culturas) Escherichia coli, verotoxigenica (apenas culturas) Vírus Ebola Vírus Flexal Francisella tularensis (apenas culturas) Vírus Guanarito Vírus Hantaan Hantavirus causando febre hemorrágica com síndrome renal Vírus Hendra Vírus da Hepatite B (apenas culturas) Vírus da Herpes B (apenas culturas) Vírus da Imunodeficiência Humana Vírus da Imunodeficiência Humana (apenas culturas) Bacillus anthracis (apenas culturas) Brucella abortus (apenas culturas) Brucella melitensis (apenas culturas) Brucella suis (apenas culturas) Burkholderia mallei - Pseudomonas mallei – Glanders (apenas culturas) Burkholderia pseudomallei – Pseudomonas pseudomallei (apenas culturas) Chlamydia psittaci - linhagens aviárias (apenas culturas) Clostridium botulinum (apenas culturas) Coccidioides immitis (apenas culturas) Coxiella burnetii (apenas culturas) Vírus crimeano – angolês da febre hemorrágica Virus da Dengue (apenas culturas)

6 6 CATEGORIA A - UN 2814 Substâncias Infecciosas que Afetam Humanos Rickettsia rickettsii (apenas culturas) Rickettsia prowazekii (apenas culturas) Vírus da febre de Rift Valley (apenas culturas) Vírus da encefalite Russa Primavera - Verão (apenas culturas) Vírus Sabia Shigella dysenteriae tipo 1 (apenas culturas) Vírus da Encefalite equina venezuelana (apenas culturas) Vírus da Variola Vírus da Encefalite transmitida por carrapato (apenas culturas) Vírus do Oeste do Nilo (apenas culturas) Vírus da Febre Amarela (apenas culturas) Yersinia pestis (apenas culturas) Vírus Influenza Aviário Altamente Patogênico (apenas culturas) Vírus da Encefalite Japonesa (apenas culturas) Vírus Junin Vírus da doença da Floresta de Kyasanur Vírus Lassa Vírus Machupo Vírus Marburg Vírus de varíola dos macacos Mycobacterium tuberculosis (apenas culturas) Vírus Nipah Vírus da febre hemorrágica de Omsk Poliovirus (apenas culturas) Vírus da Raiva (apenas culturas)

7 7 CLASSES DE PRODUTOS PERIGOSOS - Classe 1 - EXPLOSIVOS Classe 2 - GASES, com as seguintes subclasses: Subclasse Gases inflamáveis; Subclasse Gases não-inflamáveis, não-tóxicos (Nitrogênio líquido) Subclasse Gases tóxicos. Classe 3 - LÍQUIDOS INFLAMÁVEIS (etanol) Classe 4 - Esta classe se subdivide em: Subclasse Sólidos inflamáveis; Subclasse Substâncias sujeitas a combustão espontânea; Subclasse Substâncias que, em contato com a água, emitem gases inflamáveis. Classe 5 - Esta classe se subdivide em: Subclasse Substâncias oxidantes; Subclasse Peróxidos orgânicos. Classe 6 - Esta classe se subdivide em: Subclasse Substâncias tóxicas (venenosas); Subclasse Substâncias infectantes. Classe 7 - MATERIAIS RADIOATIVOS Classe 8 - CORROSIVOS Classe 9 - SUBSTÂNCIAS PERIGOSAS DIVERSAS. Gelo Seco

8 8 DIVISÃO 6.2 (classe de risco ou perigo) SUBSTÂNCIAS INFECCIOSAS Na divisão 6.2 encontramos os seguintes materiais: Substâncias infecciosas, que afetam seres humanos; Substâncias infecciosas, que afetam os animais; Substâncias biológicas de categoria B (também infecciosas) Produtos Biológicos; Microorganismos e organismos geneticamente modificados; Lixo Hospitalar.

9 9 RESPONSABILIDADES DO REMETENTE Classificar o embarque, determinando se o mesmo é perigoso ou não; Identificar a classe correta, o nome próprio para embarque, número UN, etc.; Embalar a carga de maneira correta (seguir as Instruções de embalagem e utilizar embalagem apropriada); Etiquetar e marcar de acordo com o regulamento; Providenciar a documentação original pertinente ao embarque; Assegurar que todas as pessoas envolvidas no preparo ou manuseio do embarque de carga perigosa tenham sido treinadas de maneira apropriada. Os treinamento devem ser repetidos a cada dois anos (Portaria 1603A, de 21/12/2001 do DAC atual ANAC)

10 10 EMBALAGENS & DOCUMENTAÇÃO O USO DA EMBALAGEM APROPRIADA É O PRINCÍPIO BÁSICO DA SEGURANÇA S ubstâncias Infecciosas – Categoria A – UN2814 2)Substâncias Biológicas Categoria B – UN3373 3)Gelo Seco – Produto Perigoso – UN1845

11 11 SUBSTÂNCIAS INFECCIOSAS – UN2814 Estas embalagens devem incluir: Embalagens internas

12 12 SUBSTÂNCIAS INFECCIOSAS – UN2814 Lista de conteúdo item por item CUSTOMS INVOICE AWB (conhecimento aéreo) Shippers declaration

13 13 SUBSTÂNCIAS INFECCIOSAS – UN2814 Embalagem Externa Rígida

14 14 SUBSTÂNCIAS INFECCIOSAS – UN2814 Etiquetas de identificação (colocar também uma etiqueta com nome e telefone de um responsável)

15 15 SUBSTÂNCIAS INFECCIOSAS – UN2814 SHIPPER NAME AND ADDRESS CONSIGNEE NAME AND ADDRESS INFECTIOUS SUBSTANCE, AFFECTING HUMANS UN 2814 quantity G/Class 6.2/04 USA/O.Berck Int.

16 16 SUBSTÂNCIAS INFECCIOSAS – UN2814

17 17 SUBSTÂNCIAS INFECCIOSAS – UN2814 OBSERVAÇÕES: O Formulário da ANVISA deve ser assinado sempre pelo INVESTIGADOR PRINCIPAL ou ele deve fazer uma procuração com firma reconhecida autorizando os membros do estudo (detalhando os nomes e funções) a assinarem este documento - ANEXAR cópia da CE; Shippers declaration só pode ser assinado pela pessoa com certificação da IATA A embalagem deve conter de maneira legível o NOME e NÚMERO DO TELEFONE DE UMA PESSOA RESPONSÁVEL (sugere-se número de destino)

18 18 SUBSTÂNCIAS BIOLÓGICAS – UN3373 Estas embalagens devem incluir: Embalagens internas

19 19 SUBSTÂNCIAS BIOLÓGICAS – UN3373 Lista de conteúdo item por item CUSTOMS INVOICE AWB (conhecimento aéreo) To whon it may concern

20 20 SUBSTÂNCIAS BIOLÓGICAS – UN3373

21 21 SUBSTÂNCIAS BIOLÓGICAS – UN3373 SHIPPER NAME AND ADDRESS CONSIGNEE NAME AND ADDRESS BIOLOGICAL SUBSTANCE CATEGORY B. Etiquetas de identificação

22 22 GELO SECO – UN1845 CATEGORIA A + GELO SECO Mesmos procedimentos que para a Categoria A, porém a embalagem deve conter um isopor interno; Adição das etiquetas que se referem ao gelo seco; DRY ICE UN 1845 NET WEIGHT_____

23 23 GELO SECO – UN1845 CATEGORIA A + GELO SECO Preenchimento do Shippers Declaration deve conter as informações da substância de Categoria A e do Gelo Seco

24 24 GELO SECO – UN1845 CATEGORIA B + GELO SECO Mesmos procedimentos que para a Categoria B, porém a embalagem deve conter um isopor interno; Adição das etiquetas que se referem ao gelo seco; DRY ICE UN 1845 NET WEIGHT_____

25 25 GELO SECO – UN1845 CATEGORIA B + GELO SECO NÃO É NECESSÁRIO o preenchimento doShippers Declaration somente por causa do Gelo Seco!!

26 26 SHIPPERS DECLARATION

27 27 INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO 1 – Shipper: nome e endereço completo do CENTRO + telefone de uma pessoa responsável no caso de emergência (INVESTIGADOR) 2 – Consignee: nome e endereço completo do destinatário 3 – Air Waybill Number: inserir o número correto da AWB 4 – Page Y of X: colocar o número da página correspondente e o total de páginas na Declaração do Embarcador Logotipo (Opcional)

28 28 5 – Aircraft limitation: anular a limitação que não é aplicada 6 – Airport of departure: nome completo do aeroporto ou cidade de origem 7 – Airport of destination: nome completo do aeroporto ou cidade de destino 8 – Shipment type: anular o tipo de embarque que não é aplicável INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO

29 29 9 – Nature and quantity of dangerous goods: preencher esta seção de forma completa seguindo o seguinte: A) UN or ID number: inserir o número UN ou ID correspondente ao nome próprio para embarque (EX. UN1845) B) Proper shipping name: inserir o nome próprio para embarque, acrescido do nome técnico se houver um asterisco no mesmo C) Class or division: inserir a classe ou divisão e, no caso de risco secundário colocar o mesmo entre parênteses INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO

30 30 D) Packing group: inserir, se aplicável, o grupo de embalagem referente ao embarque E) Quantity and type of packaging: inserir a quantidade líquida de carga perigosa e o tipo de embalagem externa apresentada (EX. Fibreboard box) ou usando a especificação UN (EX: 4g) F) Packing instruction: inserir o número da instrução de embalagem apropriada G) Authorization: nos casos em que for usada mencionar a Special provision A 81 INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO

31 31 10 – Additional handling information: é usado para qualquer informação relevante ao embarque. No caso de envio para USA deve-se colocar o telefone de emergência 24 horas – TEL LAB CENTRAL 11 – Name and title of signatory: nome e título da pessoa que está assinando a declaração – CERTIFICADO PELA IATA 12 – Place and date: cidade e data em que foi preenchida a declaração 13 – Signature: a declaração só pode ser assinada pelo embarcador INSTRUÇÕES DE PREENCHIMENTO

32 32 QUESTIONS?


Carregar ppt "1 PROGRAMA DE ASSESSORIA E TREINAMENTO AMOSTRAS BIOLÓGICAS & IATA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google