A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Virtual Local Area Network Prof. Danilo Pinheiro.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Virtual Local Area Network Prof. Danilo Pinheiro."— Transcrição da apresentação:

1 Virtual Local Area Network Prof. Danilo Pinheiro

2 O que é uma VLAN? É uma (podem ser várias) rede local lógica dentro de uma rede local física.

3 Razões para se criar VLANs Redução do Tamanho do Domínio de Broadcast; Melhor Gerenciabilidade Agrupamento lógico de usuários; Independência da localização física do usuário; Aumento de Segurança da LAN; Flexibilidade e escabilidade;

4 Virtual Local Area Network VLANs podem ser baseadas em: Portas (camada 1): cada porta do switch pode ser designada para uma certa VLAN. Endereço MAC (camada 2): um determinado endereço MAC está associado a uma VLAN. Existem outras soluções, mas apenas para protocolos proprietários.

5 Tipos de VLAN Por porta: Não exige pesquisas para verificar qual VLAN pertence o MAC; Facilmente configurado; Portas estaticamente pertencem a uma VLAN.

6 Tipos de VLAN Por MAC: Aumenta a flexibilidade Aumenta o consumo de recursos Designação de VLAN baseada no endereço MAC

7 Virtual Local Area Network VLANs permitem o agrupamento de dispositivos independentemente de sua localização física.

8 VLAN VLANs são criadas por software no switch; Comunicação entre VLANs é feita através de um roteador.

9 Comunicação entre VLANs Um roteador suporta uma VLAN por interface.

10 Comunicação entre VLANs Dentro de uma interface física pode-se criar várias sub-interfaces (interfaces lógicas). Cada sub-interface também suporta apenas uma VLAN.

11 Interface Tronco (Trunk) Uma interface pode estar em um dos dois modos: Acesso: interface onde passa dados de apenas um VLAN. Tronco: interface que passa dados de várias VLANs.

12 VLAN As portas de um switch estão por padrão na VLAN 1. VLAN 1 é a VLAN de Gerência, ela não pode ser excluída. Ao menos uma porta do switch deve estar nesta VLAN.

13 Métodos de Identificação de VLANs ISL (Inter-Switch Link): o frame é colocado dentro de um cabeçalho ISL. Isto serve para os dispositivos saberem qual VLAN dado frame pertence. Este encapsulamento só ocorre quando o frame irá passar por uma porta trunk (porta de transporte). Este método é proprietário Cisco e quase não é mais usado. IEEE 802.1q: é o método padrão, funciona em qualquer dispositivo, independentemente do fabricante. O 802.1q acrescenta um campo dentro do frame para identificar a VLAN. Os switchs Cisco recentes vêm apenas com este método. Ou seja, já era pro ISL.


Carregar ppt "Virtual Local Area Network Prof. Danilo Pinheiro."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google