A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Gregg Braden é cientista, investigador e autor dos Best Sellers Além do Ponto Zero e Andando entre os Mundos. Durante 20 anos, rebuscou remotas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Gregg Braden é cientista, investigador e autor dos Best Sellers Além do Ponto Zero e Andando entre os Mundos. Durante 20 anos, rebuscou remotas."— Transcrição da apresentação:

1

2

3

4

5

6

7 Gregg Braden é cientista, investigador e autor dos Best Sellers Além do Ponto Zero e Andando entre os Mundos. Durante 20 anos, rebuscou remotas aldeias e montanhas, mosteiros e templos, à procura de textos esquecidos e segredos atemporais. A sua busca conduziu-o a descobertas fascinantes. Aventurado-se além das fronteiras tradicionais da ciência e da espiritualidade, Braden vem oferecendo soluções relevantes para os desafios do nosso tempo.

8 Um dos mais controversos pergaminhos da biblioteca dos Essênios, da biblioteca dos Essênios, foi descoberto escondido numa caverna de Qumran, uma região montanhosa junto às margens do Mar Morto, entre Israel e Jordânia.

9 No acervo de quase mil pergaminhos que ficaram conhecidos como os Manuscritos do Mar Morto, apenas este foi encontrado completamente intacto – O Grande Pergaminho de Isaías! Com 54 colunas contendo os 66 livros escritos pelo Profeta, esse pergaminho de 2.60 metros de comprimento, ainda estava enrolado e selado em seu vaso de cerâmica original, quando foi descoberto em 1946.

10 Na Primavera de 1948, especialistas da Escola Americana de Pesquisa Oriental, Americana de Pesquisa Oriental, determinaram pelo método de carbono-14, que o Pergaminho de Isaías, foi escrito entre A.C., centenas de anos antes de quaisquer outros textos hebraicos descobertos na Terra Santa.

11 A idade, integralidade e linguagem do pergaminho de Isaías, fizeram com que fosse considerado uma nova Pedra de Roseta", (pedra do Egito Antigo, cujo texto foi crucial para a decodificação dos hieróglifos egípcios), pois esse pergaminho tem servido de modelo para a compreensão de documentos para a compreensão de documentos semelhantes, preservados de forma menos completa.

12 Esta passagem da Escritura é tão valiosa, que medidas extraordinárias foram tomadas para protegê-la contra qualquer desastre natural ou provocado pelo homem: Está guardada em Jerusalém, no Santuário do Museu do Livro.

13 Considerado insubstituível, este documento está destinado a ser preservado para as gerações futuras. Ele é exibido desenrolado dentro de um cilindro vertical de vidro blindado, isolado numa cripta com portas de aço, no subsolo do museu.

14 Mas, por que esse manuscrito, perdido durante mais de anos, hoje se tornou tão importante para os estudiosos modernos? para os estudiosos modernos? Além de ter fornecido provas incontestáveis sobre a credibilidade das escrituras bíblicas, existe uma outra razão...

15 Segundo Gregg Braden, o pergaminho oferece em sua íntegra, um antigo e poderoso mistério: sua íntegra, um antigo e poderoso mistério: -Uma oração perdida nas brumas do tempo, -Uma oração perdida nas brumas do tempo, que só agora, a ciência moderna está sendo capaz de entender.

16 Em seu livro O Efeito Isaías, Braden faz uma ruptura radical com as interpretações tradicionais do texto do Profeta. Unindo as descobertas da Física Quântica ao seu extenso conhecimento dos antigos Essênios, o autor chegou a conclusões surpreendentes.

17 Sugerindo que grande parte dos escritos antigos foram removidos e/ou alterados por nossa civilização ocidental moderna, Gregg explica que os estudiosos têm interpretado o Pergaminho de Isaías, apenas como uma visão apocalíptica da destruição maciça de nossa civilização, seguida por um tempo de paz, visão também compartilhada pelas profecias dos Maias, Nostradamus e Edgar Allan Cayce.

18 De fato, Braden afirma que as profecias de Isaías podem nos ajudar a entender as recentes podem nos ajudar a entender as recentes mudanças no clima e na temperatura do planeta, mudanças que tem deixado perplexos os cientistas ocidentais que conhecem as antigas cientistas ocidentais que conhecem as antigas profecias. O autor sugere que podemos estar vivendo a época que precede a destruição prevista pelo Profeta...

19 Mas não estamos destinados a cumprir essas profecias! – explica Braden. Temos o poder de redefinir antigas visões de devastação e catástrofes para a humanidade. Diferentes religiões e culturas descrevem profecias de apocalipse, lado a lado com as de um novo mundo de paz e cooperação. Ambas as possibilidades, ainda que contraditórias, parecem coexistir ao mesmo tempo... parecem coexistir ao mesmo tempo... Um futuro alternativo!

20 Provavelmente essas profecias ajudam a nos mostrar que podemos participar ativamente na escolha do futuro que quisermos. Para isso, o profeta do Antigo Testamento deixou instruções precisas aos povos do futuro, desvendando o nosso papel na criação e legando-nos uma ferramenta capaz de alterar o destino da civilização humana – o destino da civilização humana – uma oração científica! uma oração científica!

21 Usando princípios reconhecidos apenas recentemente pela Física Quântica, Braden demonstra que a oração ensinada por Isaías, não é em nada semelhante às categorias comuns de oração que conhecemos- coloquial, petitória, ritualista e meditativa. Totalmente baseada na ciência moderna, essa oração parece ter transcendido o tempo e a distância, para possibilitar iniciarmos uma era sem precedentes, de paz e cooperação entre as nações e trazer a cura duradoura aos nossos corpos!

22 Grande parte das tradições ocidentais religiosas nos condicionou a orar "pedindo" que determinadas circunstâncias mudem através da intervenção divina... Precisamos suplicar, para que nossas orações sejam respondidas e como suplicantes, aumentamos a sensação de impotência, em nada compatível com a nossa condição de Filhos de Deus, feitos à Sua imagem e semelhança. imagem e semelhança.

23 Quando dizemos: "Querido Deus, por favor, que haja paz no mundo", na verdade estamos afirmando que a paz não na verdade estamos afirmando que a paz não existe no presente... Quando pedimos algo, nós reconhecemos que não temos aquilo, e quanto mais pedimos, mais reforçamos a idéia de falta!

24 Neste novo modelo, não precisamos pedir nada, apenas reconhecer que nossa oração já foi atendida, permitindo que cada um de nós, escolha o futuro que deseja viver... A ciência quântica sugere a existência de muitos futuros possíveis para cada momento de nossas vidas. Cada resultado já existe como uma vidas. Cada resultado já existe como uma possibilidade em estado de repouso, até que seja despertada pelas escolhas feitas no presente. despertada pelas escolhas feitas no presente.

25 A física Quântica ficou conhecida como a Física das Possibilidades, por nos dizer que tudo Física das Possibilidades, por nos dizer que tudo o que imaginamos encontra-se disponível como o que imaginamos encontra-se disponível como possibilidade, que podemos atrair para nossas vidas. O resultado desejado, já existe no mundo das infinitas possibilidades. Nada será impossível quando entendermos que nossa oração já foi atendida, no nível vibracional ! Este resultado só precisa ser acessado, sintonizado.

26 Braden sugere que o Pergaminho de Isaías descreve precisamente a existência de múltiplas possibilidades alternativas para nosso futuro, numa linguagem quântica que somente agora estamos começando a entender. estamos começando a entender. Além de compartilhar suas visões para o nosso tempo, Isaías descreveu a ciência de como escolher o futuro que queremos viver... Cada vez que fazemos essa escolha, nós experimentamos o Efeito Isaías.

27 Todo resultado de uma prece que pudermos imaginar e cada desejo que pudermos conceber, já foi criado pelo Universo e se encontra disponível como possibilidade. A partir desta perspectiva, a oração torna-se menos a criação de algo a ser obtido e muito mais um resultado a ser atraído, acessado.

28 Antigas tradições espirituais e pesquisas científicas modernas, parecem estar de acordo quanto à existência de múltiplas possibilidades. A questão é, como podemos ativar um resultado específico e torná-lo real em nossas vidas?! Como podemos acessar, por exemplo, a paz em nosso mundo, ou a cura de nossos corpos? Se essas possibilidades já existem, porque os acontecimentos de nosso mundo parecem nos acontecimentos de nosso mundo parecem nos mostrar o contrário, apenas a manifestação de violência, guerras e doenças? violência, guerras e doenças?

29 A resposta a esta pergunta, é a chave para o Efeito Isaías - o poder dos sentimentos Isaías - o poder dos sentimentos e da emoção na oração! É através dos sentimentos, que acessamos as possibilidades já criadas de cura, paz e cooperação entre as nações e podemos trazê-las para a realidade de nossas vidas!

30 Essencialmente, todas as nossas orações já foram respondidas. Mas ativaremos apenas aquela à qual estivermos conectados pelos nossos SENTIMENTOS. Só precisamos encontrar o tipo de pensamento ou de imagem que produza o sentimento adequado.

31 Quando oramos, há um resultado final desejável e muito atraente, que ao ser imaginado, desperta alegria e gratidão. A chave para se obter um resultado entre os muitos possíveis - acessar uma das infinitas possibilidades - reside, portanto, na habilidade para sentirmos que nossa oração já foi atendida!

32 Os Essênios antigos sabiam da forte relação entre o que acontece em nosso mundo interior e as condições do mundo que nos rodeia. Ou seja, tudo o que ocorre em nossa sociedade, é o espelho de nossa vida interior. Pesquisas recentes da Física Quântica, vem confirmando essa visão.

33 Se nosso mundo externo das ações reflete o nosso mundo interior dos sentimentos, quando sentimos mundo interior dos sentimentos, quando sentimos alegria e gratidão por nossas orações terem sido respondidas, o poder desses sentimentos dará vida à nossa oração. Segundo a Teoria dos Campos, são os sentimentos que produzem as condições necessárias para a manifestação do que desejamos. a manifestação do que desejamos.

34 Final da 1ª parte.

35 Tradução: Liane B. de Mesquita, a partir da tradução em espanhol de Abjini Arraíz Música: Blade Runner.wav Formatação e adaptação do texto : Olga Mendonça – Psicóloga e Psicoterapeuta Contato: Visite nosso site: Recife, Fevereiro de 2011


Carregar ppt "Gregg Braden é cientista, investigador e autor dos Best Sellers Além do Ponto Zero e Andando entre os Mundos. Durante 20 anos, rebuscou remotas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google