A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A juventude gaúcha na JMJ Rio 2013 Serviço de Evangelização da Juventude - Capa.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A juventude gaúcha na JMJ Rio 2013 Serviço de Evangelização da Juventude - Capa."— Transcrição da apresentação:

1 A juventude gaúcha na JMJ Rio 2013 Serviço de Evangelização da Juventude - Capa

2 Serviço de Evangelização da Juventude P - Capa Projeto Formação Cruz Peregrina Semana Missionária (Pré-JMJ) JMJ Rio 2013 Pós-JMJ Portal Voltar Cartilha Bote Fé Tópicos da apresentação Equipe EaiTchê

3 Serviço de Evangelização da Juventude Projeto Objetivo Geral – Proporcionar um caminho de animação, mobilização e evangelização das juventudes, para que tenham vida. (EVANGELIZAR a Juventude no caminho de preparação das dioceses para a JMJ, em processo permanente de missão.) Específicos: – Proporcionar aos jovens e a toda Igreja um encontro pessoal com Jesus Cristo tornando-os verdadeiros discípulos e missionários; – Divulgar e a Jornada Mundial da Juventude RIO 2013 e preparar os jovens para vivê-la intensamente; – Conduzir os jovens a experiências de espiritualidade, solidariedade missionária e cultura; – Favorecer o intercambio entre os jovens peregrinos e a diocese acolhedora. ObjetivosJustificativaMística P

4 Serviço de Evangelização da Juventude Projeto Propor a mística do Jesus da alteridade e gratuidade: – Favorecer a intercâmbio religioso e cultural entre jovens e comunidade – Vivenciar experiências de solidariedade – projetos alternativos – Promover um processo de formação e organização das juventudes ObjetivosJustificativaMística P

5 Serviço de Evangelização da Juventude Projeto Justificativa: Diante da mudança epocal com suas transformações sócio-culturais e religiosas que atingem a juventude, diante da violência e extermínio de jovens, diante da drogadição.... a Igreja do RS quer percorrer, com as forças da sociedade, um caminho de valorização dos valores ético-cristãos, com projetos e programas, favorecendo um estilo de vida com fé e dignidade, em vista do bem comum. ObjetivosJustificativaMística P

6 Serviço de Evangelização da Juventude Formação Parte importante da preparação do jovem para todo o processo que envolve a vivência da Jornada Mundial da Juventude. DGAECruz PeregrinaDoc. 85 P

7 Serviço de Evangelização da Juventude Formação Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil: – O quê? Aprofundamento das DGAE – Como? Estudo, debate – Onde? Nas bases – Quem? Todos os grupos de Igreja – homilias, cursos.... DGAECruz PeregrinaDoc. 85 P

8 Serviço de Evangelização da Juventude Formação Documento 85: Evangelização da Juventude – O quê? Estudar o documento – Como? Estudo, debate – Onde? Nas dioceses – Quem? Bispos, padres e lideranças DGAECruz PeregrinaDoc. 85 P

9 Serviço de Evangelização da Juventude Formação Subsídio Cruz Peregrina – O quê? Mística da Cruz – Como? Encontros celebrativos, construção bandeira – Onde? Paróquias/comunidades – Quem? Grupos de jovens DGAECruz PeregrinaDoc. 85 Cartilha - EaiTchê P

10 Serviço de Evangelização da Juventude Formação Cartilha – Distribuir o material complementar e promover momentos de formação (Missão). – Construção da BANDEIRA: ler as orientações. – Partilhar a experiência, enviar registro para portal – Programar palestras, seminários, passeatas, campanhas, cartazes, concurso de músicas, poesias, teatros nos grupos, nas escolas, encontros/vivências. DGAECruz PeregrinaDoc. 85 P Cartilha - EaiTchê

11 Serviço de Evangelização da Juventude Cruz Peregrina & Ícone Mariano Itinerário Transporte Preparação O que fazer Detalhes A Cruz dos Jovens foi entregue pelo então Papa João Paulo II por ocasião do Ano Santo da Redenção ( ), e desde o início foi símbolo das JMJ. O Ícone de Maria foi entregue no ano de P

12 Serviço de Evangelização da Juventude Cruz Peregrina & Ícone Mariano Cruz Peregrina Peso: 31 kg Altura: 3m 80 cm Largura: 1m 75 cm Peso total Cruz + caixa = 53 kg Ícone de Maria Peso: 15 kg Altura: 1m 18 cm Largura: 79 cm Caixa de transporte: 1m 36 cm Peso total Ícone + caixa = 38 kg Itinerário Transporte Preparação O que fazer Detalhes P

13 Serviço de Evangelização da Juventude Cruz Peregrina & Ícone Mariano DiocesesDiasHora de ChegadaHora de Saída Aeroporto01/11/201214h16h Novo Hamburgo01,02,0301/11 – 18h03/11 -14h Porto Alegre03,04,0503/11 – 16h05/11 -1h Pelotas05,0605/11 - 5h06/11 – 12h Rio Grande06,0706/11 -13h3007/ h Bagé08,09,1008/11 -5h10/11 -9h Santa Maria10,11,1210/11 – 14h11/11 – 14h Cruz Alta11,12,1311/11 – 17h13/11 - 5h Cachoeira13,1413/11 – 8h14/11 – 15h Santa Cruz do Sul14,1514/11- 17h15/11 – 15h Uruguaiana15,16,1715/11-21h18/11 – 5h Santo Ângelo17,1817/11 – 18h18/ h Passo Fundo18, 19,2018/11 – 21h20/11 - 8h Vacaria20,2120/ h21/11 – 16h Caxias21,22,2321/11 – 19h23/11 – 15h Osório23,2423/11 – 18h24/11 – 17h Montenegro24,25,2624/11 – 19h26/11 – 9h Frederico26,27,2826/11 – 15h28/ h Erexim28,29,3029/11 – 19h30/11–00h- Paraguay30/ /11 – 0h Devemos ir Buscar? Onde? Sim. Quem recebe busca na diocese vizinha. Itinerário Transporte Preparação O que fazer Detalhes P

14 Serviço de Evangelização da Juventude Cruz Peregrina & Ícone Mariano Como transportar a Cruz? – Nunca sobre o caminhão sem estar desmontada e encaixotada. Não pegar chuva. Sempre de uma cidade para outra ou por longos trechos, desmontar. – Alguém da CNBB acompanha nas dioceses. Sempre terá alguém do regional acompanhando o evento, em alguns momentos terá alguém do Nacional. – Preparar acomodação para 5 pessoas. Será confirmado com mais exatidão próximo ao evento. Jovens conectados ou alguém da Comissão Episcopal para a Juventude. Itinerário Transporte Preparação O que fazer Detalhes P

15 Serviço de Evangelização da Juventude Cruz Peregrina & Ícone Mariano Como se preparar para acolher a Cruz na diocese? – Dar acesso ao material Cruz Peregrina. – Buscar no site Eai?Tchê o material complementar, cartilha. – Conhecer o vídeo explicativo do material no Site Eai?Tchê. – Distribuir os materiais. – Fixar períodos para cada tema e firmar um cronograma junto ao assessor diocesano. – Animar a construção da BANDEIRA. Itinerário Transporte Preparação O que fazer Detalhes P

16 Serviço de Evangelização da Juventude Cruz Peregrina & Ícone Mariano O que fazer com a Cruz na Diocese? Pistas de Programação. – Organizar e recepção, elaborando um programa de missas, caminhada, vias-sacras, shows, vigílias... A passagem da cruz e o ícone na Diocese é o Bote Fé diocesano! – Privilegiar que a Cruz passe nos lugares de dor e sofrimento da juventude: presídios, fase.... – Divulgar, falar, criar cartazes, decorar ambientes... Fazer notar. – Fazer réplica da Cruz em cada diocese com o brasão da diocese. – Cuidar para não perder as vivências mais significativas que nem sempre são as de grande massa. – Garantir o protagonismo juvenil: trabalhar em sintonia com o assessor diocesano de juventude e o coordenador/bispo. Itinerário Transporte Preparação O que fazer Detalhes P

17 Serviço de Evangelização da Juventude Bote Fé O que é? É evento, show musical/cultural que acontecem em todas as dioceses por ocasião da passagem dos sinais da JMJ (Cruz e Ícone). 3 eixosRegionalDiocesano P

18 Serviço de Evangelização da Juventude Bote Fé Compreende três eixos: A CELEBRAÇÃO FESTIVA – Show musical cultural – Texto Base: Cruz Peregrina – Rumo ao Rio CD: No peito eu levo uma Cruz A FORMAÇÃO – Propõe às Dioceses um projeto diferenciado e atraente para tratar de grandes e urgentes assuntos na vida dos jovens, como: as drogas; as novas tecnologias as questões éticas e morais; A AÇÃO SOCIAL – Promover um conjunto de ações culturais e sociais para sensibilizar a sociedade à causa dos dependentes químicos e suas inter-relações, bem como os pais e jovens com respeito à utilização adequada das redes sociais e da internet. 3 eixosRegionalDiocesano P

19 Serviço de Evangelização da Juventude Bote Fé O evento Bote Fé deve acontecer em todas as dioceses por ocasião da passagem dos sinais da JMJ (Cruz e Ícone). Organizar acolhida e envio da cruz. Elaborar programação (eventos, show, via- sacra, caminhadas, jornadas, coletivas de imprensa, missas, vigílias, missões... usar a criatividade) 3 eixosRegionalDiocesano P

20 Serviço de Evangelização da Juventude Bote Fé Onde e quando será o Bote Fé (regional)? Santa Maria, dia 10 de novembro de Quem está organizando? Regional Sul 3 e Diocese de Santa Maria. Por quê não em Porto Alegre? Santa Maria é uma cidade localizada no centro do estado. Facilita a participação a participação das dioceses mais distantes da capital. 3 eixosRegionalDiocesano P

21 Serviço de Evangelização da Juventude Bote Fé Quando será o Show Regional e qual o horário? A chegada em Santa Maria poderá ser no início da tarde, tendo como horário de referência – 16h. A volta poderá ser programada para o final do show, depois da meia noite, ou com participação na Romaria da Medianeira, domingo, no dia 11/11/12. Programação com opção de acampamento? O grupo pode fazer a experiência de jornada e acampar. Deve levar saco de dormir e sua capa de chuva. Neste caso, a diocese precisa definir com antecedência se ficará e quantos jovens permanecerão para o outro dia. 3 eixosRegionalDiocesano P

22 Serviço de Evangelização da Juventude Bote Fé Quem deve ir? É para todos os jovens e aberto ao público em geral. Como ir? Organizar por paróquias ao menos um ônibus, de acordo com a realidade de cada diocese. Sugestão dos assessores é que cada paróquia leve ao menos um ônibus. Tem Algum Custo? O custo da viagem e da alimentação. 3 eixosRegionalDiocesano P

23 Serviço de Evangelização da Juventude Bote Fé Não esqueça da preparação com os encontros celebrativos (ver cartilha) e a construção da bandeira do grupo. Leve sua bandeira para colorir o Bote Fé Eai?Tchê 3 eixosRegionalDiocesano P

24 Serviço de Evangelização da Juventude Semana Missionária (Pré-JMJ) 1. O que é? São os dias que antecede a Jornada Mundial no Rio, as dioceses de todo o Brasil fazem a experiência missionária, com ou sem estrangeiro. 2. Que diocese acolherá Peregrinos/Estrangeiros? Todas que quiserem e se inscrever. A semana missionária é uma proposta da Igreja do Brasil para todas as dioceses, independente se terão ou não peregrinos estrangeiros. 3. Um jovem brasileiro pode se inscrever para fazer semana missionária em outras dioceses? Não. Cada um é convidado a fazer a experiência na sua própria diocese. 4. Quando? Onde? Nos dias 14 e 20 de julho de 2013 em todas as dioceses. InfraestruturaProgramaçãoComunicaçãoDetalhes P

25 Serviço de Evangelização da Juventude Semana Missionária (Pré-JMJ) 5. Por que não será mais chamado Pré-Jornada? As Pré-Jornadas começaram em 1997, por ocasião da JMJ de Paris, a Igreja na França promoveu estes encontros, como um modo de facilitar a pastoral juvenil das dioceses francesas e conseguir que a França inteira acolhesse os peregrinos vindos de outros países e motivasse os jovens franceses a participarem na JMJ. Também chamado Dia Nas Dioceses –DND. A experiência foi tão boa que foi adotada também nas seguintes JMJ de Itália, Canadá, Alemanha, Austrália e Espanha. Nesses países, as pré-jornadas incluíram atividades muito diversas: encontros com os jovens e com as famílias, concertos, vigílias de oração, trabalhos sociais para a comunidade ou para os mais desfavorecidos, etc. Assim o Brasil também quer oferecer esta oportunidade, mas com o enfoque próprio de nossa realidade. Estamos vivendo este alvorecer missionário, que a América Latina e Caribe foram chamados a partir de Aparecida, assim a Igreja do Brasil está disposta a também oferecer a todos um pouco desta sua dimensão continental, que traz as mais ricas culturas e que os jovens poderão partilhar nesta semana. InfraestruturaProgramaçãoComunicaçãoDetalhes P

26 Serviço de Evangelização da Juventude Semana Missionária (Pré-JMJ) 6. É Obrigatório para todas as dioceses? Não é obrigatório. As dioceses do Rio Grande do Sul todas podem acolher peregrinos. 7. Quantos jovens virão para nossa diocese? Dependerá de duas posições: (1) Quantas vagas forem disponibilizadas pela diocese; (2) Quantos peregrinos se inscreverem para fazer semana missionária na sua diocese. 8. Onde Eles irão ficar? Nas casas de famílias, escolas, salões paroquiais. 9. Quem vai organizar a hospedagem deles? A equipe diocesana para JMJ juntamente com o setor diocesano de juventude. InfraestruturaProgramaçãoComunicaçãoDetalhes P

27 Serviço de Evangelização da Juventude Semana Missionária (Pré-JMJ) 10. Como fazer com a questão da Língua estrangeira? Ver parcerias com as escolas de idiomas. Promover curso com grupos na diocese. 11. Transporte dos peregrinos do Aeroporto até as dioceses será por conta de quem? E, para o Rio? Da agência que fez o pacote para o peregrino. Para o Rio também está incluso no pacote de cada peregrino. 12. Nós vamos juntos para o Rio? Cada diocese se programa para ir para o Rio de ônibus ou via aérea, de forma que nem sempre será compatível o mesmo meio de transporte. InfraestruturaProgramaçãoComunicaçãoDetalhes P

28 Serviço de Evangelização da Juventude Semana Missionária (Pré-JMJ) 13. Quando vamos para o Rio? A Jornada Inicia no dia 23 de julho e termina dia 28. Cada diocese se organiza de forma que chegue a tempo. 14. Recomendações para a compra de passagens: Via aérea é recomendada a compra o quanto antes, a fim de pressionar as empresas aéreas a disponibilizarem mais voos para o período direto da JMJ. 15. O que fazer na Semana Missionária? Terá um subsídio proposto pela CNBB destinado aos jovens e outro às lideranças adultas. InfraestruturaProgramaçãoComunicaçãoDetalhes P

29 Serviço de Evangelização da Juventude Semana Missionária (Pré-JMJ) Divulgar aos meios de comunicação que jovens do mundo inteiro estarão no RS (na diocese) para a Pré-jornada Através de uma comunicação ampla, evidenciando questões culturais, religiosas e históricas do estado, elaborando e apresentando roteiros, mapas aos peregrinos. Através de Site, entrevistas.. (rota de ônibus, preços, restaurantes,...). Divulgar as atividades da pré-jornada das/nas Dioceses. InfraestruturaProgramaçãoComunicaçãoDetalhes P

30 Serviço de Evangelização da Juventude Semana Missionária (Pré-JMJ) Tripé: Fé, Cultura e Solidariedade Elaborar uma proposta de trabalho para os dias da pré-jornada diocesana enfocando fé, cultura e solidariedade. Fazer ver como se vive a fé na Diocese, e como a juventude se organiza na Igreja. Apresentar a realidade juvenil. Mostrar os traços culturais mais importantes da região. Levar a conhecer realidades limites e/ou projetos sociais: asilos, creches, casas de recuperação, projetos de geração de trabalho e renda, Economia Solidária, cooperativas, presídios, periferias... Locais a serem definidos nas dioceses, paróquias... Equipe diocesana da JMJ + Setor Juventude diocesano InfraestruturaProgramaçãoComunicaçãoDetalhes P

31 Serviço de Evangelização da Juventude Semana Missionária (Pré-JMJ) Infraestrutura: Alimentação, hospedagem, Deslocamentos Elaborar uma infraestrutura para acolher os peregrinos. Decidir com o clero o número de peregrinos que a diocese deseja acolher. Providenciar alojamento em casas particulares, casas de religiosos/as, casas paroquiais, escolas particulares e públicas. Providenciar alimentação para os peregrinos Prever possíveis deslocamentos internos InfraestruturaProgramaçãoComunicaçãoDetalhes P

32 Serviço de Evangelização da Juventude JMJ Rio 2013 Quando Será? Dos dias 23 a dia 28 de julho de 2013 Qual a expectativa de participantes? Não falamos em número. É uma solicitação do Comitê Organizador da JMJ/RIO. Quando começam as inscrições? Em julho serão abertas as inscrições para teste LogísticaMobilizaçãoPreparaçãoDetalhes P

33 Serviço de Evangelização da Juventude JMJ Rio 2013 E os menores de 18 anos precisam de autorização pelos pais? Quanto a essa questão é bom sempre pegar uma agência, a fim de se precaver com paróquia/diocese de possíveis transtornos jurídicos. Se os pais quiserem ir juntos, eles podem? Sim. É uma opção da paróquia ou do grupo organizador. LogísticaMobilizaçãoPreparaçãoDetalhes P

34 Serviço de Evangelização da Juventude JMJ Rio 2013 Onde nossos jovens vão ficar? Na medida em que faz às inscrições as equipes de hospedagem do Rio distribuem o local de hospedagem. E as agências que já estão fazendo grupos de peregrinos? O quanto antes se organizar, melhor. LogísticaMobilizaçãoPreparaçãoDetalhes P

35 Serviço de Evangelização da Juventude JMJ Rio 2013 Preparação da juventude Integrar a JMJ no Planejamento orgânico das Dioceses. Envolver todas as expressões de juventude na preparação da temática e participação da JMJ Articular o Setor Diocesano da Juventude. Usar de forma criativa os subsídios da Cruz Peregrina com todas as manifestações juvenis de forma processual (ação-reflexão,,, práxis) LogísticaMobilizaçãoPreparaçãoDetalhes P

36 Serviço de Evangelização da Juventude JMJ Rio 2013 Mobilização para participar Fazer uma mobilização para que todos os jovens participem da JMJ (processo de preparação, indo para o Rio ou mesmo acompanhando à distância) Promover a Jornada Diocesana da Juventude. Organizar grupos, buscar recursos financeiros para ajudar os jovens, contratar ônibus LogísticaMobilizaçãoPreparaçãoDetalhes P

37 Serviço de Evangelização da Juventude JMJ Rio 2013 Observação: é da Diocese que os jovens peregrinos de fora e os da própria diocese são enviados para o Rio. LogísticaMobilizaçãoPreparaçãoDetalhes P

38 Serviço de Evangelização da Juventude Pós JMJ Pensar a Evangelização da Juventude em âmbito diocesano a partir da experiência da Jornada Mundial da Juventude. A partir do Doc.85, das diretrizes da Ação Evangelizadora, das prioridades do regional, do plano diocesano. Equipe Diocesana da JMJ + Setor Juventude Diocesano P

39 Serviço de Evangelização da Juventude Equipe EaiTchê ArticulaçãoComunicaçãoFormação Coordenação [Ir. Zenilde] DIOCESES Pe. Assessor da Juventude Jovens Articuladores Jovens Comunicadores Equipe Diocesana da JMJ Grupos de Jovens => Nossa META! P

40 Serviço de Evangelização da Juventude Portal EaiTchê Material de todas as dioceses. Todos devem participar acessando e enviando material P

41 Serviço de Evangelização da Juventude Portal EaiTchê

42 Serviço de Evangelização da Juventude Cartilha Aproximar o jovem do subsídio Cruz Peregrina Objetivo Modelo Estrutura Bandeira Motivação P

43 Serviço de Evangelização da Juventude Cartilha Animar a realização dos encontros celebrativos. Objetivo Modelo Estrutura Bandeira Motivação P

44 Serviço de Evangelização da Juventude Cartilha Pelo significado Pela proximidade Pela linguagem Objetivo Modelo Estrutura Bandeira Motivação P

45 Serviço de Evangelização da Juventude Cartilha Apresentação breve Conteúdo Cruz Peregrina * [subsídio] Leitura orante – explicar passos Encontros Celebrativos + Bandeira Objetivo Modelo Estrutura Bandeira Motivação P

46 Serviço de Evangelização da Juventude Cartilha FAÇAM SUAS BANDEIRAS! Todos os grupos devem realizar os encontros celebrativos e fazer suas bandeiras / levá-las no Bote Fé EaiTchê! Importante! Bandeira dos Grupos: Livre (material resistente à agua) Bandeira do setor diocesano: A3, tecido oxford. Objetivo Modelo Estrutura Bandeira Motivação P

47 Serviço de Evangelização da Juventude The End Material organizado pela Equipe de Articulação EaiTchê Jéferson Machado Vanessa Justen Ir. Alecssandra Ir. Zenilde Frei Doto <- Capa


Carregar ppt "A juventude gaúcha na JMJ Rio 2013 Serviço de Evangelização da Juventude - Capa."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google