A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Preparo do Pastor O pastor deve conhecer o assunto através de livros e outros materiais. Deve se convencer que os pequenos grupos são importantes.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Preparo do Pastor O pastor deve conhecer o assunto através de livros e outros materiais. Deve se convencer que os pequenos grupos são importantes."— Transcrição da apresentação:

1

2

3

4 Preparo do Pastor O pastor deve conhecer o assunto através de livros e outros materiais. Deve se convencer que os pequenos grupos são importantes para o crescimento espiritual e o evangelismo da igreja. Apresentar o plano aos anciãos e obter o seu apoio. Escolher o coordenador geral que poderá ser o diretor missionário, um ancião ou outro membro com habilidades de liderança. Escolher os futuros líderes. Eles serão o pequeno grupo do pastor ou do coordenador geral. Deve seguir os passos sem medo de fracassar: Nem uma vez devemos pensar em fracasso. Devemos cooperar com Aquele que não conhece fracasso. SC, 261. O pastor deve conhecer o assunto através de livros e outros materiais. Deve se convencer que os pequenos grupos são importantes para o crescimento espiritual e o evangelismo da igreja. Apresentar o plano aos anciãos e obter o seu apoio. Escolher o coordenador geral que poderá ser o diretor missionário, um ancião ou outro membro com habilidades de liderança. Escolher os futuros líderes. Eles serão o pequeno grupo do pastor ou do coordenador geral. Deve seguir os passos sem medo de fracassar: Nem uma vez devemos pensar em fracasso. Devemos cooperar com Aquele que não conhece fracasso. SC, 261.

5 O preparo dos líderes Pode ser num encontro semanal por oito a dez semanas ou como o pastor achar melhor. Dar orientações sobre o compromisso que cada participante do peq. grupo deve assumir. Combinar com os lideres o dia e horário para uma reunião semanal de treinamento e avaliação depois que os grupos estiverem funcionando. Pode ser num encontro semanal por oito a dez semanas ou como o pastor achar melhor. Dar orientações sobre o compromisso que cada participante do peq. grupo deve assumir. Combinar com os lideres o dia e horário para uma reunião semanal de treinamento e avaliação depois que os grupos estiverem funcionando.

6 Orientações sugestivas para os líderes: 1. Princípios bíblicos e históricos dos pequenos grupos. 2. Pequenos grupos: O plano de Deus para a Sua igreja. 3. A revolução na igreja através dos pequenos grupos. 4. Implantação e funcionamento dos pequenos grupos. 5. Os líderes e suas responsabilidades. 6. Princípios de liderança. 7. Evangelismo através dos pequenos grupos. 8. Treinamento para o evangelismo público e pessoal. Orientações sugestivas para os líderes: 1. Princípios bíblicos e históricos dos pequenos grupos. 2. Pequenos grupos: O plano de Deus para a Sua igreja. 3. A revolução na igreja através dos pequenos grupos. 4. Implantação e funcionamento dos pequenos grupos. 5. Os líderes e suas responsabilidades. 6. Princípios de liderança. 7. Evangelismo através dos pequenos grupos. 8. Treinamento para o evangelismo público e pessoal.

7 O Preparo da Igreja Estudar com a comissão da igreja todos os detalhes do plano e aprová-lo. Aprovar o nome do coordenador geral e dos líderes de cada pequeno grupo. A comissão missionária irá coordenar e executar o plano. Apresentar a igreja temas de reavivamento durante uma semana ou alguns finais de semana e temas relacionados com pequenos grupos. e. Depois do treinamento dos líderes e do preparo espiritual da igreja, num sábado pela manhã, apresentar à igreja o plano dos pequenos grupos. Convidar as pessoas que desejam participar para se inscreverem. No sábado à tarde ter uma reunião com os líderes para entregar material e dar as últimas orientações e tirar dúvidas. Estudar com a comissão da igreja todos os detalhes do plano e aprová-lo. Aprovar o nome do coordenador geral e dos líderes de cada pequeno grupo. A comissão missionária irá coordenar e executar o plano. Apresentar a igreja temas de reavivamento durante uma semana ou alguns finais de semana e temas relacionados com pequenos grupos. e. Depois do treinamento dos líderes e do preparo espiritual da igreja, num sábado pela manhã, apresentar à igreja o plano dos pequenos grupos. Convidar as pessoas que desejam participar para se inscreverem. No sábado à tarde ter uma reunião com os líderes para entregar material e dar as últimas orientações e tirar dúvidas.

8 Sugestão de temas para o reavivamento: 1. A necessidade de um reavivamento. 2. A certeza da salvação. 3. O poder do Espírito Santo. 4. A terminação da obra. 5. O poder do amor e amizade. 6. Moisés e a formação dos peq. grupos. 7. Jesus escolheu o seu pequeno grupo. 8. A igreja primitiva e os peq. grupos. Sugestão de temas para o reavivamento: 1. A necessidade de um reavivamento. 2. A certeza da salvação. 3. O poder do Espírito Santo. 4. A terminação da obra. 5. O poder do amor e amizade. 6. Moisés e a formação dos peq. grupos. 7. Jesus escolheu o seu pequeno grupo. 8. A igreja primitiva e os peq. grupos.

9

10 01. Preparar uma lista com o nome dos que se inscreveram para que os líderes convidem estes membros para o seu grupo. 02. Moisés escolheu seus líderes, Jesus escolheu os discípulos para formar o Seu pequeno grupo. O pastor escolheu os líderes. Agora os líderes devem escolher os membros do seu pequeno grupo. 03. Os grupos devem ser organizados de preferência por afinidade, mas também podem ser por região geográfica. 01. Preparar uma lista com o nome dos que se inscreveram para que os líderes convidem estes membros para o seu grupo. 02. Moisés escolheu seus líderes, Jesus escolheu os discípulos para formar o Seu pequeno grupo. O pastor escolheu os líderes. Agora os líderes devem escolher os membros do seu pequeno grupo. 03. Os grupos devem ser organizados de preferência por afinidade, mas também podem ser por região geográfica.

11 04. Não forçar ninguém, cada um deve ter liberdade de escolher em que grupo quer participar. 05. A família deve estar num mesmo grupo, a menos que os jovens queiram montar um grupo especial só para eles. 06. A secretária da igreja deve fornecer a lista dos membros para que os líderes façam um trabalho pessoal para convidá-los a participarem dos pequenos grupos. 04. Não forçar ninguém, cada um deve ter liberdade de escolher em que grupo quer participar. 05. A família deve estar num mesmo grupo, a menos que os jovens queiram montar um grupo especial só para eles. 06. A secretária da igreja deve fornecer a lista dos membros para que os líderes façam um trabalho pessoal para convidá-los a participarem dos pequenos grupos.

12 07. Deve ser feita uma lista dos afastados para que os pequenos grupos façam um trabalho especial de resgate. 08. Junto com o coordenador geral o líder deve escolher o anfitrião que cederá sua casa para as reuniões. 09. Cada líder combina com os membros do seu grupo o dia e horário da primeira reunião. 07. Deve ser feita uma lista dos afastados para que os pequenos grupos façam um trabalho especial de resgate. 08. Junto com o coordenador geral o líder deve escolher o anfitrião que cederá sua casa para as reuniões. 09. Cada líder combina com os membros do seu grupo o dia e horário da primeira reunião.

13

14 01. Iniciar as reuniões. 02. Cada membro deve assinar um compromisso de participação. 03. O compromisso pode ser por escrito e assinado ou um acordo verbal. O que o grupo achar melhor. 04. Cada grupo pode escolher um nome, um hino, um verso bíblico e uma bandeira. 05. Deve haver um período de treinamento e entrosamento dos membros de quatro a oito semanas (sugestivo). 06. Só depois deste período convidar interessados e evangelizar. 01. Iniciar as reuniões. 02. Cada membro deve assinar um compromisso de participação. 03. O compromisso pode ser por escrito e assinado ou um acordo verbal. O que o grupo achar melhor. 04. Cada grupo pode escolher um nome, um hino, um verso bíblico e uma bandeira. 05. Deve haver um período de treinamento e entrosamento dos membros de quatro a oito semanas (sugestivo). 06. Só depois deste período convidar interessados e evangelizar.

15 07. Quem deve ser convidado para o pequeno grupo: 1. Parentes. 2. Vizinhos. 3. Amigos. 4. Interessados da igreja. 5. Dos programas rádio e tv. 6. Da colportagem. 7. Das instituições de saúde. 8. E da escola adventista. 07. Quem deve ser convidado para o pequeno grupo: 1. Parentes. 2. Vizinhos. 3. Amigos. 4. Interessados da igreja. 5. Dos programas rádio e tv. 6. Da colportagem. 7. Das instituições de saúde. 8. E da escola adventista.

16 08. Uma motivação importante para conseguir novos membros para o grupo é manter sempre uma cadeira vazia e orar a cada reunião desafiar os membros para trazerem uma visita. 09. Também deve haver uma agenda de oração intercessória para serem anotados nomes de interessados e pedidos de oração. 10. O grupo deve colocar como sua meta fundamental crescer e no futuro se dividir em dois pequenos grupos. 08. Uma motivação importante para conseguir novos membros para o grupo é manter sempre uma cadeira vazia e orar a cada reunião desafiar os membros para trazerem uma visita. 09. Também deve haver uma agenda de oração intercessória para serem anotados nomes de interessados e pedidos de oração. 10. O grupo deve colocar como sua meta fundamental crescer e no futuro se dividir em dois pequenos grupos.

17 11. Cada grupo deve possuir alvos missionários de: Número de interessados. Estudos bíblicos. Visitação aos membros, interessados e afastados. Batismos. 11. Cada grupo deve possuir alvos missionários de: Número de interessados. Estudos bíblicos. Visitação aos membros, interessados e afastados. Batismos.

18 12. Sugestão de compromisso: Meu Compromisso 1. Chegarei a tempo para as reuniões. 2. Se faltar, avisarei. 3. Ajudarei o grupo a ter uma experiência positiva. 4. Participarei do evangelismo. 5. Ajudarei o grupo a crescer e formar um novo grupo. 6. Nossa reunião será ________________ (dia). 7. Horário: das ___ às ____. 8. O período de reuniões do grupo será de _____ meses. Nome __________________________________

19 Atividades para a primeira reunião do Pequeno Grupo: 01. Recepção. 02. Momentos de louvor. 03. Confraternização e apresentação dos participantes. 04. Definir dia, hora, e local das reuniões. 05. Dar todas as orientações necessárias. 06. Assinar o cartão de compromisso. 07. Distribuir endereços de membros da igreja para serem visitados e convidados. 08. Estudo da Bíblia 09. Oração. 01. Recepção. 02. Momentos de louvor. 03. Confraternização e apresentação dos participantes. 04. Definir dia, hora, e local das reuniões. 05. Dar todas as orientações necessárias. 06. Assinar o cartão de compromisso. 07. Distribuir endereços de membros da igreja para serem visitados e convidados. 08. Estudo da Bíblia 09. Oração.

20

21 01. Reunião Semanal dos Líderes. A vida de um pequeno grupo depende da inspiração e instrução dadas aos líderes na reunião semanal ou quinzenal dirigida pelo pastor ou pelo coordenador geral. Estas reuniões são de orientação, treinamento, avaliação e inspiração. No sábado missionário a cada mês alguns pequenos grupos podem apresentar um breve relatório de suas atividades ou algum testemunho significativo do seu grupo. A cada sábado motivar a igreja e convidar os que ainda não participam para fazerem parte dos pequenos grupos. A vida de um pequeno grupo depende da inspiração e instrução dadas aos líderes na reunião semanal ou quinzenal dirigida pelo pastor ou pelo coordenador geral. Estas reuniões são de orientação, treinamento, avaliação e inspiração. No sábado missionário a cada mês alguns pequenos grupos podem apresentar um breve relatório de suas atividades ou algum testemunho significativo do seu grupo. A cada sábado motivar a igreja e convidar os que ainda não participam para fazerem parte dos pequenos grupos.

22 02. Reuniões Gerais ou Festivais dos Pequenos Grupos. O que são? São reuniões de inspiração, motivação, louvor, testemunho e batismo. Quando ocorrem? Trimestralmente num sábado ou quando a igreja achar melhor. Quem participa? Toda a igreja. Os pequenos grupos podem fazer um desfile e cada grupo pode testemunhar como o trabalho está sendo desenvolvido. Quem Dirige? O pastor e o coordenador geral com apoio da comissão dos pequenos grupos da igreja. O que são? São reuniões de inspiração, motivação, louvor, testemunho e batismo. Quando ocorrem? Trimestralmente num sábado ou quando a igreja achar melhor. Quem participa? Toda a igreja. Os pequenos grupos podem fazer um desfile e cada grupo pode testemunhar como o trabalho está sendo desenvolvido. Quem Dirige? O pastor e o coordenador geral com apoio da comissão dos pequenos grupos da igreja.


Carregar ppt "Preparo do Pastor O pastor deve conhecer o assunto através de livros e outros materiais. Deve se convencer que os pequenos grupos são importantes."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google