A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

PRUDENTE DE MORAIS – 1894 a 1898 Foi um governo cauteloso e de apoio à oligarquia cafeeira. Era do Partido Republicano Federal. Incentivou a industrialização.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "PRUDENTE DE MORAIS – 1894 a 1898 Foi um governo cauteloso e de apoio à oligarquia cafeeira. Era do Partido Republicano Federal. Incentivou a industrialização."— Transcrição da apresentação:

1 PRUDENTE DE MORAIS – 1894 a 1898 Foi um governo cauteloso e de apoio à oligarquia cafeeira. Era do Partido Republicano Federal. Incentivou a industrialização através de concessão de financiamentos e dificultando a importação (taxa alfandegária alta). Por isso teve a oposição dos cafeicultores. Em seu governo ocorreu a guerra de Canudos.

2 A GUERRA DE CANUDOS – Bahia 1896 a 1897 Líder: Antonio Vicente Mendes Maciel – o Antonio Conselheiro, nascido em Quixeramobim – CE, em Foi negociante, professor, balconista e advogado provisionado – advogado dos pobres. No coração da Bahia havia um velho povoado à beira do Rio Vaza-Barris. Canudos era devido a uma planta chamada canudos-de-pito. O conselheiro rebatizou o lugar de Bello Monte. Com a Proclamação da República, houve separação entre Estado e Igreja, casamento civil e cobrança de impostos. Antonio Conselheiro passa a combater a República dizendo que queria acabar com a religião e só a família real tinha poder para isso. Arrebata todos os sertanejos que passavam necessidades. Em , ocorre o 1º confronto armado entre a força militar de 30 soldados e 1 tenente contra João Abade e os conselheiristas, sendo estes vencedores. Em , ocorre o 2º confronto, agora com 609 soldados e 10 oficiais, canhões e metralhadoras. Foram vencidos nas emboscadas e tiveram que recuar. Em , ocorre o 3º confronto e o cel. Moreira Cesar diz que tomaremos Canudos sem disparar um só tiro... à baioneta. No final daquele dia são obrigados a se retirar. Em é formada a 4ª e maior expedição contra Canudos, formada por soldados de 17 estados, equipamentos com os mais modernos armamentos da época e mais 05 navios aportados em Salvador. Em termina a resistência sertaneja. Canudos estava destruída. Num cenário de fim de mundo, por entre becos e ruelas uma legião de corpos carbonizados se misturavam às ruínas e às cinzas das casas. Estima-se que morreram mais de 25 mil conselheiristas, que mobilizou mais de 12 mil soldados, na maior guerra de guerrilhas que o Brasil já viveu.

3 Manoel Ferraz de CAMPOS SALES 1898 a 1902 Suspendeu o auxílio a indústria e voltou ao modelo agroexportador. Dizia que a industrialização era culpada pelo caos e miséria da população. O Brasil estava em crise econômica. Para melhorar cortaram crédito da indústria, criaram novos impostos e aumentaram os já existentes, reduziram despesas públicas e congelaram salários. Em seu governo foi implantada a POLÍTICA DOS GOVERNADORES.

4 RODRIGUES ALVES (Francisco de Paula) – 1902 a 1906 Urbanizou o Rio de Janeiro (capital), e tirou do centro milhares de famílias. O desalojamento das famílias fez aparecer muitos entulhos pela cidade. O prefeito ficou conhecido como BOTA FORA. Osvaldo Cruz (médico sanitarista), procurava combater a varíola e a febre amarela e instituiu a vacinação obrigatória. Houve a REVOLTA DA VACINA – reação popular contra a vacinação obrigatória. O CONVÊNIO DE TAUBATÉ – de 1906 – foi uma política de valorização do café. Em uma reunião na cidade de Taubaté – SP, cafeicultores de SP, MG e RJ firmaram um convênio onde o governo deveria restringir a oferta de café (novos plantios) e comprar o café produzido, estocando e vendendo oportunamente. Foi em seu governo que o Acre foi incorporado ao Brasil.

5 AFONSO Augusto Moreira PENA a 1909 Implantou o Plano Nacional de Valorização do Café, comprando a produção e estocando, para vender a preços altos no fim da crise. Para isso contraiu empréstimos externos. Em 1907 o Brasil participou da 2ª Conferência de Paz de Haia, na Holanda, com Rui Barbosa, que defendeu os interesses das nações exploradas. Isso lhe deu o título de ÁGUIA DE HAIA. NILO PEÇANHA – 1909 a 1910 Afonso Pena foi morto em 1909 e Nilo Peçanha o substituiu. Criou o Serviço de Proteção ao Índio – SPI, que foi transformado em FUNAI, até hoje. HERMES DA FONSECA – 1910 a 1914 Criou a Política de Salvações: intervenção nos Estados, submeteu e diminuiu o poder das oligarquias. Revolta da Chibata: levante de Marinheiros contra os castigos e maus tratos (líder João Cândido) Guerra do Contestado – 1912 a 1916, divisa com PR e SC.


Carregar ppt "PRUDENTE DE MORAIS – 1894 a 1898 Foi um governo cauteloso e de apoio à oligarquia cafeeira. Era do Partido Republicano Federal. Incentivou a industrialização."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google