A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

RENASCIMENTO PARTE 2. REGIÃOAUTOROBRA Países BaixosRoger Van Der Weyden Pintura Jan Van EyckPintura Hieronimus BoschPintura Erasmo de RotterdamLiteratura/

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "RENASCIMENTO PARTE 2. REGIÃOAUTOROBRA Países BaixosRoger Van Der Weyden Pintura Jan Van EyckPintura Hieronimus BoschPintura Erasmo de RotterdamLiteratura/"— Transcrição da apresentação:

1 RENASCIMENTO PARTE 2

2 REGIÃOAUTOROBRA Países BaixosRoger Van Der Weyden Pintura Jan Van EyckPintura Hieronimus BoschPintura Erasmo de RotterdamLiteratura/ Filosofia AlemanhaPeter BrueghelPintura Albrecht DurenPintura Hans HolbeinPintura PortugalLuís de CamõesLiteratura Gil VicenteTeatro EspanhaEl GrecoPintura CervantesLiteratura FrançaRabelaisLiteratura Jean FouquetPintura DescartesFilosofia InglaterraShakespeareTeatro Thomas MorusFilosofia Thomas HobbesFilosofia Francis BaconFilosofia John LockeFilosofia ItáliaMaquiavelFilosofia

3 O homem é a medida de todas as coisas. Pitágoras OBS: Não é o espiritual, o divino que explica a dinâmica, a política, o social, o cultural e o econômico. O homem é a expressão máxima do renascimento. O mundo renascentista, a pintura, a filosofia é o reflexo do que o homem pensa de si.

4 MODERNO X MEDIEVAL Conhecimento racional X Teologia Catolicismo forte problemas] Exceções Pisa, Pádova, Florença e Inglaterra Protestantes fortes avanços científicos

5 FILOSOFIA Empirismo método experimental Racionalismo verdade sem experiência OBS: Os 2 são a base da ciência moderna.

6 REVOLUCÃO CIENTÍFICA Contato cultural Séc. XVII d.C. Método científico Empirismo e Filosofia Avanços científicos

7 RENÉ DESCARTES 1596-1650 d.C. - França Método científico aumentar o conhecimento busca da verdade Dúvida mostra o fato da existência Penso, logo existo Pela dúvida vem a verdade Alma humana x alma animal Razão único que pensa que existe

8 FRANCIS BACON 1561-1626 d.C. - Inglaterra Empirismo experimentação observação Saber é poder ciência para o uso do homem mais conhecimento, mais poder entender a natureza OBS: homem + ciência = felicidade. E hoje?

9 NOVAS CIÊNCIAS Geografia Cartografia Botânica Zoologia OBS: Contexto das grandes navegações

10 NICOLAU COPÉRNICO Polônia e Alemanha 1473-1543 d.C. Teoria heliocêntrica X Geocentrismo (Igreja-Ptolomeu) Livro proibido Index até 1835

11 GALILEU GALILEI Pisa e Florença 1564-1642 d.C. Movimento acelerado Movimento do pêndulo Inércia Telescópio refrator astronomia heliocentrismo Inquisição em 1635 "Os números são as letras com que Deus escreveu o Universo." G. Galilei

12 KEPLER Áustria 1571-1630 d.C. Leis de Kepler Órbitas elípticas

13 NEWTON Inglaterra 1643-1727 O homem pode sim, entender o universo razão Gravitação Universal Leis de Newton Refração da luz

14 CORPO HUMANO Mundo medieval sagrado Dissecação animais humanos Fisiologia Anatomia

15 UNICAMP - 2012 De uma forma inteiramente inédita, os humanistas, entre os séculos XV XVI, criaram uma nova forma de entender a realidade. Magia e ciência, poesia e filosofia misturavam-se e auxiliavam-se, numa sociedade atravessada por inquietações religiosas e por exigências práticas de todo gênero. (Adaptado de Eugenio Garin, Ciência e vida civil no Renascimento italiano. São Paulo: Ed. Unesp, 1994, p. 11.) Sobre o tema, é correto afirmar que: a) O pensamento humanista implicava a total recusa da existência de Deus nas artes e na ciência, o que libertava o homem para conhecer a natureza e a sociedade. b) A mistura de conhecimentos das mais diferentes origens - como a magia e a ciência - levou a uma instabilidade imprevisível, que lançou a Europa numa onda de obscurantismo que apenas o Iluminismo pôde reverter. c) As transformações artísticas e políticas do Renascimento incluíram a inspiração nos ideais da Antiguidade Clássica na pintura, na arquitetura e na escultura. d) As inquietações religiosas vividas principalmente ao longo do século XVI culminaram nas Reformas Calvinista, Luterana, Anglicana e finalmente no movimento da Contrarreforma, que defendeu a fé protestante contra seus inimigos.


Carregar ppt "RENASCIMENTO PARTE 2. REGIÃOAUTOROBRA Países BaixosRoger Van Der Weyden Pintura Jan Van EyckPintura Hieronimus BoschPintura Erasmo de RotterdamLiteratura/"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google