A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

RESSUSCITAÇÃO CARDIO-PULMONAR (RCP). Fatores de Risco Cardiovascular Hipertensão Obesidade Diabetes Mellitus SedentarismoTabagismoEstresse.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "RESSUSCITAÇÃO CARDIO-PULMONAR (RCP). Fatores de Risco Cardiovascular Hipertensão Obesidade Diabetes Mellitus SedentarismoTabagismoEstresse."— Transcrição da apresentação:

1 RESSUSCITAÇÃO CARDIO-PULMONAR (RCP)

2 Fatores de Risco Cardiovascular Hipertensão Obesidade Diabetes Mellitus SedentarismoTabagismoEstresse

3 Causas de Morte Súbita UFPR-Hospital de clínicas Ataque cardíaco Choque elétrico Afogamento Envenenamento (ex:. Cocaina) Aspiração de corpo estranho

4  É o tratamento inicial para a morte súbita  Objetiva manter a viabilidade cerebral até a chegada de socorro especializado ou recuperação do paciente Ressuscitação cardiopulmonar (RCP ou RCR) UFPR-Hospital de clínicas

5 Objetivos da RCP Evitar a morte Restabelecer circulação e oxigenação Atendimento imediato da vítima, reduzindo as chances de lesões cerebrais por falta de circulação e oxigenação cerebral.

6 Sinais de parada cardiorespiratória(PCR) Cardíaca  Pessoa está inconsciente  Não responde aos chamados,  Não está respirando  Pele fria e amarelada  Pupilas dilatadas Respiratória  Ausência do movimento respiratório.  Inconsciência  Cianose (arroxeamento dos lábios e extremidade dos membros)  Dilatação das pupilas

7 Causas da PCR 1- Avaliar o nível de consciência 2- Chamar por ajuda 3- Posicionar a vítima em decúbito dorsal (barriga para cima) em uma superfície dura. 3- Abrir a via aérea 4- Avaliar a ventilação 5- Realizar 2 ventilações boca a boca 6- Avaliar o pulso carotídeo 7- Realizar a compressão cardíaca externa

8 1- Avaliar o nível de consciência 2- Chamar ajuda Verificado o estado de inconsciência

9 Para avaliar as condições da vítima, o socorrista deve usar os dispositivos de proteção possíveis ou improvisados (luvas, panos ou sacos plásticos). OBS:

10 3- Posicionar a vítima em decúbito dorsal (barriga para cima) em uma superfície dura.

11 4- Abrir a via aérea Ver Ouvir Sentir ABC da vida

12 Vias aéreas A principal causa de obstrução das vias aéreas é a “queda da língua”.

13 5- Avaliar a ventilação 6- Realizar duas ventilações boca a boca 7- Avaliar o pulso carotídeo

14 8- Realizar a compreensão cardíaca externa video256kbps.wmv  Frequência de 80 a 100 por minuto

15 Técnica com 1 ou 2 reanimadores 1 movimento respiratório para cada 5 compressões cardíacas, seguir a seqüência até a chegada do socorro médico ou até o recuperação dos movimentos cardíacos e respiratórios espontâneas.

16 Reanimação Cardiopulmonar em Crianças criança A relação entre compressões e ventilações varia segundo a faixa etária da vítima.

17 Massagem cardíaca em bebê

18 Crianças de 0 a 8 anos: Cinco compressões para cada ventilação. Maiores de 8 anos: quinze compressões para cada duas ventilações

19 Posicionar a vítima adequadamente Esta posição impede que a língua bloqueie a passagem do ar

20 Erros mais comuns nas manobras de Reanimação Cardiopulmonar  Extensão da cabeça (muito brusca ou incorreta)  Não apertar o nariz  Não soprar com pressão suficiente  Não contar durante a manobra  Comprimir o peito no local incorreto  Flexionar os joelhos durante as compressões  Flexionar os braços durante as compressões.


Carregar ppt "RESSUSCITAÇÃO CARDIO-PULMONAR (RCP). Fatores de Risco Cardiovascular Hipertensão Obesidade Diabetes Mellitus SedentarismoTabagismoEstresse."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google