A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Em busca de satisfação Série: O Mundo Atual em Eclesiastes EBD IPJG Prof Marçal Série: O Mundo Atual em Eclesiastes EBD IPJG Prof Marçal.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Em busca de satisfação Série: O Mundo Atual em Eclesiastes EBD IPJG Prof Marçal Série: O Mundo Atual em Eclesiastes EBD IPJG Prof Marçal."— Transcrição da apresentação:

1 Em busca de satisfação Série: O Mundo Atual em Eclesiastes EBD IPJG Prof Marçal Série: O Mundo Atual em Eclesiastes EBD IPJG Prof Marçal

2 Ouçam Max Gehringer...

3 Eclesiastes 1:12-13 Eu, o pregador, fui rei sobre Israel em Jerusalém. E apliquei o meu coração a esquadrinhar, e a informar-me com sabedoria de tudo quanto sucede debaixo do céu; esta enfadonha ocupação deu Deus aos filhos dos homens, para nela os exercitar.

4 O investigador Vemos neste trecho o objetivo do Pregador, analisar, investigar tudo que há debaixo do céu Ele está a procura se algo tem valor, se vale a pena a existência Vai colocar a partir daí tudo que um Rei, se faz um Rei (ou seria o próprio Salomão) O aspecto de ter tudo e a todos, para justamente estabelecer o questionamento se vale a pena Podemos compará-lo a Paulo no final de Romanos 7 O Pregador e Paulo exploram para nós o mundo exterior e o interior do homem, sua busca por um significado e sua luta por uma vitória moral.

5 O Resultado Com sua habitual franqueza, o Pregador logo nos declara o pior: sua pesquisa resultou em nada. resultado (1:13b-15) jornada (1:16-2:11); e finalmente conclusões (2:12-26).

6 O Resumo Ele vê a inquietação da vida, que qualquer de nós poderiamos ver Deus que a impôs aos filhos dos homens E mesmo que pareça totalmente desanimador, na pior da hipóteses isto implica que algo faz sentido Porque a criação ficou sujeita à vaidade, não por sua vontade, mas por causa do que a sujeitou, Romanos 8:20

7 Experimentando a Vida A investigação dele começa pela sabedoria Ele não diz nada sobre a sabedoria do temor ao Senhor Então, está falando aqui do melhor pensamento que o homem pode ter por si mesmo.

8 Sem Respostas completas só com a SABEDORIA HUMANA A sabedoria é esplêndida em toda a sua extensão: nada se pode comparar a ela (2:13); mesmo assim, ela não dá respostas às nossas dúvidas acerca da vida. Apenas as aguça ainda mais com sua perspicácia.

9 O Pregador mergulha na Frivolidade, mas consciente O que a frivolidade como estilo de vida traz Percebe o paradoxo do hedonismo: quanto mais se busca o prazer, menos ele é encontrado. Na realidade se busca algo além do prazer através dele

10 Que é isso ? É uma fuga deliberada da racionalidade, para chegar a um segredo da vida ao qual a razão talvez tenha bloqueado o caminho. Nisto reside a força do versículo 3b: entregar-me à loucura até ver o que melhor seria que fizessem os filhos dos homens...

11

12 Seria atual isso ? Nosso próprio tempo com o seu culto irracional em suas variadas formas, desde o romantismo até a ânsia que manifestam os diferentes estados de consciência O Niilismo, que cultiva o feio, o obsceno e o absurdo, não por divertimento, mas como um ataque aos valores racionais.

13 O Pregador cria seu mundo multiforme, harmonioso e exótico, um Jardim do Éden secular, cheio de deleites civilizados e deliciosamente não civilizados (v.8) sem frutos proibidos – ou algo que ele assim considere (v.10) para tanto, ele resolve fugir do tédio dos ricos através de uma atividade constante, desfrutada e valorizada por seu próprio bem (v.10) e mantém um olho crítico sobre os seus projetos, mesmo enquanto os executa. Perseverou também comigo a minha sabedoria, (v.9)

14 E qual o resultado ? Chamar tais coisas de eternas não passa de retórica, e nada que seja perecível vai satisfazê-lo. Compreendi que tudo aquilo era ilusão, não tinha nenhum proveito. Era como se eu estivesse correndo atrás do vento.

15 Avaliação O v.11 termina bruscamente, é necessário maiores explicações Se ao ver as possibilidades da vida, mesmo com o manto de Salomão, que dizer dos pobres mortais, os que seguem o Rei ? As grandes alternativas: Sabedoria ou Loucura Se tivessemos a honestidade do Pregador também seria nossa avaliação Os próprios secularistas estão dizendo que o mundo está morrendo

16

17 A MORTE para todos... Se o mesmo (destino) lhes sucede a ambos (v.14b), e o destino é a extinção, todo o homem fica privado, de sua dignidade e todo projeto, de sua finalidade. Vemos estes dois resultados nos versículos e Se, como poderíamos dizer, todas as cartas em nossa mão estão trunfadas, que importa como jogamos? Por que tratar um rei com maior respeito do que um impostor ?

18 A reação amarga Testemunho de nossa capacidade de avaliar a nossa condição desobrigando-nos dela. Sentir-se ultrajado diante do que é universal e inevitável dá a idéia de um descontentamento divino, uma indicação do que 3:11 vai sabiamente chamar de eternidade na mente do homem. Quanto mais ele lutar durante a sua vida mais incômoda será a idéia de seus frutos irem parar nas mãos de outras pessoas e, muito provavelmente em mãos erradas. O próprio sucesso acentua o anticlímax

19 Algumas coisas alegres Depois de tanto esforço no trabalho compulsivo, o homem esqueceu de coisas simples que Deus colocou em suas mãos Não decidir sobre trabalho e repouso, mas sim sobre as coisas realmente significativas v.24. A própria alegria é outro presente v.25 Coisas básicas da vida são doces e boas, quando bem usadas. O que estraga é ânsia do homem querer arrancar delas mais do que elas podem dar

20 O verso 26 O véu é levantado para nos mostrar além da futilidade de um lado os dons espirituais de Deus que trazem satisfação (sabedoria, conhecimento, alegria) e do outro a frustração de acumular o que não se pode guardar, que é a porção escolhida por aqueles que o rejeitam

21 Postlúdio O fato de que o estoque do pecador vai parar finalmente nas mãos do justo é apenas uma ironia final daquilo que não passava de vaidade e correr atrás do vento. E para o justo é uma reivindicação final, nada mais que isso. Tal como acontece com os mansos, que têm a promessa de herdar a terra, o tesouro deles está em outra parte e é de outro tipo.

22 Nossa bendita esperança Passado é tempo de Deus, descartado a partir da conversão O presente é tempo de início da nova vida O futuro reside na esperança. Podemos gozar parte desta esperança, em Cristo Jesus Tt 3.7

23 Deus lhe abençõe (O tempo é dEle)


Carregar ppt "Em busca de satisfação Série: O Mundo Atual em Eclesiastes EBD IPJG Prof Marçal Série: O Mundo Atual em Eclesiastes EBD IPJG Prof Marçal."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google