A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Inicio. Mesmo que um novo projeto do protocolo IP não fosse iniciado a Internet continuaria funcionando, porém, ela teria muita dificuldade de crescer,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Inicio. Mesmo que um novo projeto do protocolo IP não fosse iniciado a Internet continuaria funcionando, porém, ela teria muita dificuldade de crescer,"— Transcrição da apresentação:

1 inicio

2 Mesmo que um novo projeto do protocolo IP não fosse iniciado a Internet continuaria funcionando, porém, ela teria muita dificuldade de crescer, seu custo seria elevado e novas aplicações não seriam criadas. O IPv6 é a solução definitiva para o crescimento da Internet. O IPv6 foi desenvolvido para solucionar definitivamente essa questão, e também traz uma série de avanços. As medidas paliativas adotadas no início da década de 90 foram bastante eficazes e permitiram que houvesse tempo suficiente para elaboração de um novo protocolo para a Internet. A versão 6 do protocolo IP, foi desenvolvido ao longo de 10 anos, no seu projeto foi mantido os princípios do seu antecessor (IPv4) e buscando suprir todas as suas carências. A Solução para o crescimento da internet

3 Por que o IPv6? A principal diferença do IPv6 em relação ao seu antecessor, é a maior capacidade de endereçamentos, aumentando de uma cadeia de 32 bits para 128. Com isso toda necessidade atual e futura da Internet será suprida.

4 Robustez necessária a grande rede 1 – Arquitetura hierárquica, possibilitando um encaminhamento mais eficiente dos pacotes; 2 – Distribuição de IP´s fixos e válidos para conexões DSL, Modems a cabo e telefones móveis; 3 – Fornecer endereços válidos na Internet para todos os dispositivos conectados a ela; 4 – Utilizar arquitetura fim-a-fim; 5 – Eliminar problemas associados ao NAT.

5 Cabeçalho IPv4 vs IPv6 Na nova versão houve uma simplificação, tornando-a mais eficiente e reduzindo o processamento dos roteadores. Mesmo com um espaço para endereçamento de 128 bits que é quatro vezes maior que seu antecessor (32 bits), o tamanho total do cabeçalho IPv6 é apenas duas vezes maior que aversão anterior

6 Visão entre os dois: 16 campos8 campos

7 Com relação ao cabeçalho IPv6, seis campos do IPv4 foram removidos, pois suas funções não são mais necessárias ou são implementadas pelos cabeçalhos de extensão

8 Falar sobre os campos

9 Implantação implantação do IPv6 não será algo rápido, também não haverá uma data definida para a migração do novo protocolo. A migração do IPv4 para o IPv6 acontecerá de forma gradual,com IPv4 ainda em funcionamento.

10 Endereçamento O endereçamento no IPv6 é de 128 its, e inclui prefixo de rede e sufixo de host. No entanto, não existem classes de endereços, como acontece no IPv4. Assim, a fronteira do prefixo e do sufixo pode ser em qualquer posição do endereço. Um endereço padrão IPv6 deve ser formado por um campo provider ID, subscribe ID, subnet ID e node ID. O node ID (ou identificador de interface) deve ter 64bits, e pode ser formado a partir do endereço físico (MAC) no formato EUI 64. Os endereços IPv6 são normalmente escritos como oito grupos de 4 dígitos hexadecimais. Por exemplo, 2001:0db8:85a3:08d3:1319:8a2e:0370:7344 Se um grupo de vários dígitos seguidos for 0000, pode ser omitido. Por exemplo, 2001:0db8:85a3:0000:0000:0000:0000:7344 é o mesmo endereço IPv6 que: 2001:0db8:85a3::7344 Existem no IPv6 tipos especiais de endereços: unicast - cada endereço corresponde a uma interface (dispositivo). multicast - cada endereço corresponde a múltiplas interfaces. É enviada uma cópia para cada interface. anycast - corresponde a múltiplas interfaces que partilham um prefixo comum. Um datagrama é enviado para um dos dispositivos, por exemplo, o mais próximo. Com o IPv6 todas as redes locais devem ter prefixos /64. Isso é necessário para o funcionamento da autoconfiguração e outras funcionalidades.

11 Unicast – identificam apenas uma única interface de rede, ou seja, o pacote é entregue apenas a uma única interface.Existem diversos tipos de endereços Unicast: 1 – Global Unicast – equivalente ao endereço público IPv4, este endereço é globalmente roteável e acessível na Internet; 2 – Link-Local – especificados automaticamente, são válidos apenas dentro do mesmo enlace e utilizam o prefixo /64, onde 64 bits são reservados para identificação da interface; 3 – Unique-Local – endereços globalmente únicos utilizados apenas para comunicações locais, geralmente dentro de um mesmo enlace, não devendo ser roteáveis na Internet; 4 – Loopback – equivalente ao endereço IPv , utilizado para identificar a própria interface, 0:0:0:0:0:0:0:0:1 ou ::1; 5 - IPv4 mapeado em IPv6 – possui o formato 0:0:0:0:FFFF:WXYZ ou ::FFFF:WXYZ,WXYZ é um endereço IPv4 convertido em hexadecimal, é usado para representar um endereço IPv4 como um endereço IPv6 de 128 bits; 6 – Unspecified – endereço especial 0:0:0:0:0:0:0:0 ou ::0 é utilizado para indicar a ausência de endereço. Multicast – identifica um grupo de interfaces pertencentes a diferentes nós, sendo que um pacote destinado a um endereço multicast é enviado para todas as interfaces do grupo.Diferente do IPv4, onde o suporte a multicast é opcional já que foi introduzido apenas como uma extensão ao protocolo, no IPv6 todos os nós devem ter suporte ao multicast.Anycast – utilizado para identificar um grupo de interfaces pertencentes a nós diferentes. Umpacote destinado a um endereço anycast é enviado apenas para a interface deste grupo maispróxima da origem.Da mesma forma que no IPv4, os endereços IPv6 são atribuídos as interfaces físicas e não aosnós. É possível atribuir a uma única interface múltiplos endereços, independentemente do seutipo


Carregar ppt "Inicio. Mesmo que um novo projeto do protocolo IP não fosse iniciado a Internet continuaria funcionando, porém, ela teria muita dificuldade de crescer,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google