A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Proposta de desenvolvimento de satélites: 2012-2020 Elaborado por GT da ETE-LIT Mário Quintino Janio Kono Adalberto Coelho Adenilson Silva Antonio Carlos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Proposta de desenvolvimento de satélites: 2012-2020 Elaborado por GT da ETE-LIT Mário Quintino Janio Kono Adalberto Coelho Adenilson Silva Antonio Carlos."— Transcrição da apresentação:

1 Proposta de desenvolvimento de satélites: Elaborado por GT da ETE-LIT Mário Quintino Janio Kono Adalberto Coelho Adenilson Silva Antonio Carlos Pereira

2 INPE – Avaliação do PNAE SUMÁRIO [1] Objetivos/Escopo [2] Missões Espaciais – Cenário Atual/Curto Prazo – 2011/2015 Fases/Cronos Dispêndio [3] Política Industrial [4] Missões Espaciais – Cenário Estendido – 2011/2020 Cronos Dispêndio [5] Conclusões/ Highlights

3 INPE – Avaliação do PNAE OBJETIVOS/ESCOPO Missões/Órbita/Custo/Massa/Cooperação

4 INPE – Avaliação do PNAE OBJETIVOS/ESCOPO – Missões(Satélites)

5 INPE – Avaliação do PNAE OBJETIVOS/ESCOPO – Missões(Classe)

6 INPE – Avaliação do PNAE OBJETIVOS/ESCOPO - Segmentos

7 INPE – Avaliação do PNAE OBJETIVOS/ESCOPO – Fases(Tempo) Tempo

8 INPE – Avaliação do PNAE OBJETIVOS/ESCOPO – Envolvimento/Pessoal Tempo

9 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais Cenário/Status Atual Curto Prazo 2011/2015

10 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais x Crono Cenário Atual – Curto Prazo /2015

11 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais x Crono Cenário Atual – Curto Prazo /2015

12 INPE – Avaliação do PNAE Segmento Espacial Cenário Atual – Curto Prazo – 2011/2015 Crono Macro SATÉLITELANÇAMENTO CBERS AMAZÔNIA CBERS LATTES 12017

13 INPE – Avaliação do PNAE Segmento Espacial Cenário Atual – Curto Prazo – 2011/2015 Crono – CBERS 3&4

14 INPE – Avaliação do PNAE Segmento Espacial – Cenário Atual – 2011/2015 PREMISSAS CBERS 3 Equipamentos de vôo do módulo de serviço prontos em Setembro de Disponibilidade de Equipe de AIT em Agosto/2011 – com alocação de pessoal de AIT para todos os subsistemas brasileiros. CBERS 4 AIT se inicia 6 meses após o lançamento do CBERS-3 Lançamento do CBERS-4, 2 anos após o lançamento do CBERS-3. CBERS-4 fica armazenado pronto para ser lançado. Contratação/Definição do Lançador – Junho/2012.

15 INPE – Avaliação do PNAE Segmento Espacial – Cenário Atual – 2011/2015 Crono – AM 1

16 INPE – Avaliação do PNAE Segmento Espacial – Cenário Atual – 2011/2015 PREMISSAS AM 1 Contratação dos Subsistemas DDR, AWDT - 1o semestre de Contratação da Cablagem - 1o semestre de Disponibilizar o computador de OBDH (para uso no EM satélite) e EGSEs do OBDH e AOCS – abril/2012. Fabricação da Estrutura do EM - abril/2012 Cablagem do satélite disponível – abril/2012 Disponibilidade dos equipamentos modelo EM – abril/2012 EGSE para teste do modelo EM - abril/2012 Disponibilidade de Equipe de AIT – abril/2012 Contratação/Definição do Lançador - dez/2011

17 INPE – Avaliação do PNAE Segmento Espacial – Cenário Atual – 2011/2015 Crono – LATTES 1

18 INPE – Avaliação do PNAE Segmento Espacial – Cenário Atual – 2011/2015 PREMISSAS LATTES 1 Utilização da Plataforma PMM. Acordo de cooperação internacional. Fornecimento de carga útil MIRAX por parte do acordo. ACDH com um único computador desenvolvido no Brasil. EM do MIRAX disponível - final de 2013.

19 INPE – Avaliação do PNAE Segmento Espacial – Cenário Atual – 2011/2015 Crono – PROJETO x AIT x OPERAÇÕES C C C

20 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais – Cenário Atual – 2011/2015 Dispêndios – CB3/4+AM1+LAT1

21 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais – Cenário Atual – 2011/2015 Dispêndios – CB3/4+AM1+LAT

22 INPE – Avaliação do PNAE Política Industrial

23 INPE – Avaliação do PNAE Política Industrial Evolução dos investimentos do programa espacial em valores atualizados para 2009 (fonte: AEB)

24 INPE – Avaliação do PNAE Política Industrial Ganhos de preço e prazo em contratos industriais com tecnologia recorrente SubsistemaPainel SolarCâmeraEstrutura Transmissor de Dados SATÉLITELATTESAmazônia-1LATTESAmazônia-1 PREÇOR$ R$ R$ R$ PRAZO24 meses30 meses21 meses28 meses REFERÊNCIACBERS Amazônia-1CBERS PREÇOR$ R$ R$ R$ PRAZO22 meses39 meses27 meses37 meses RECORRÊNCIAMÉDIA ALTA GANHO PREÇO32%43%49%25% GANHO PRAZO0 meses9 meses6 meses9 meses

25 INPE – Avaliação do PNAE Política Industrial Contratos Industriais Satélite Valor (MR$) CBERS320 PMM156

26 Contratos Industriais no Brasil

27 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais Cenário Futuro Estendido 2011/2020

28 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais – Cenário Estendido Missões x Satélite x Ano x Cooperação

29 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais – Cenário Estendido Crono Macro – por Missões

30 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais – Cenário Estendido Crono Macro – por Lançamento

31 INPE – Avaliação do PNAE Segmento Espacial – Cenário Estendido Crono Macro – Projeto/AIT/Operação SATÉLITE LANÇAMENTO CBERS AMAZONIA CBERS AMAZONIA 1B2015 GPM2016 SATÉLITE LANÇAMENTO GPM2016 CB 4B2016 GTEO/FLORA2016 LAT SATÉLITE LANÇAMENTO AM CLE SAB AST SAR2020

32 INPE – Avaliação do PNAE Segmento Espacial – Cenário Estendido PREMISSAS GPM Utilização da Plataforma PMM. Acordo de cooperação internacional. Fornecimento de carga útil por parte do acordo. No caso de inviabilidade de cooperação internacional, será substituído pelo SABIA MAR 1 GTEO/FLORA Proposta JPL/INPE para o AO vencedora. Utilização da Plataforma PMM. Acordo de cooperação internacional. Fornecimento de carga útil por parte do acordo.

33 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais – Cenário Estendido_B Missões x Satélite x Ano x Cooperação

34 INPE – Avaliação do PNAE Segmento Espacial – Cenário Estendido PREMISSAS SAR Uso dual (Defesa/Ambiental) na aplicação de alta resolução – 3 m. Banda L. 30 m de resolução/ 5 dias de revisita. 10 m de resolução / 25 dias de revisita. 3 m de resolução – spot. SABIA-MAR 1 Utilização da Plataforma PMM. Acordo de cooperação internacional. Fornecimento de carga útil por parte do acordo.

35 INPE – Avaliação do PNAE Segmento Espacial – Cenário Estendido - PREMISSAS CBERS-4B Composição das Cargas Úteis igual ao CBERS 3&4. Utilização de spares do CBERS 3&4. Adquirir : SAG/Bateria/RTU/S band/TWTA. Amazonia-2 Utilização da Plataforma PMM. Câmera SWIR 20 m – 360 km swath. Amazonia- 1B Utilização da Plataforma PMM. Composição de Carga Útil igual ao AM 1. Utilização de spares do AM 1 Adquirir: SAG, Baterias, SADA. CLE 1 / AST 1 Lançador VLM Nova Plataforma

36 INPE – Avaliação do PNAE Segmento Espacial – Cenário Estendido Dispêndios – todos os satélites – cenário Estendido

37 INPE – Avaliação do PNAE Segmento Espacial – Cenário Estendido Dispêndios - Cenário estendido(1) x cenário atual

38 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais – Cenários Estendido Dispêndios – global por ano (MR$) Δ ~ 100%

39 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais – Cenário Estendido Dispêndios – global por programa (MR$) -2011/2020 [1] [1] Carga Útil fornecida pela Cooperação [2] Dispêndios anteriores a 2011( MR$ 98) [3] [3] Dispêndios apenas de 2011 para frente e só a parte brasileira [2] [3]

40 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais – Planejamento Conclusões/ Highlights 1.Necessidade de ampliação e adequação das Equipes – ETE/LIT/CRC para a execução de Plano. 2.No cenário estendido/longo prazo (2012/2020), ocorre um acréscimo de ~100% em relação ao dispêndio anual atual ( ~MR$ 120/ano). 3.Lançamento do CBERS 3 no 1º semestre de Lançamento do AM1 no último trimestre de Significativas contratações devem ser realizadas ainda em 2011.

41 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais – Planejamento Conclusões/ Highlights 4.O satélite CBERS 4 está programado para lançamento em 2014 (2 anos após o CB3). 5.O satélite Lattes 1 está com lançamento previsto para 2017, com desenvolvimento de ACDH nacional. 6.Expandindo-se o leque de missões (cenário estendido) para o período até 2020 tem-se ao menos um lançamento ao ano a partir de 2012: CB3, AM1, CB4, AM 1B, [GPM, CB 4B, FLORA], LAT 1, [AM 2, CLE 1], [SAB 1, AST 1], SAR.

42 INPE – Avaliação do PNAE Missões Espaciais – Planejamento Conclusões/ Highlights 7.O custo por missão baseada na plataforma PMM (não incluindo payloads) é da ordem de MU$ 75, incluindo lançamento. 8.A carga útil da missão GTEO/FLORA está vinculada à conclusão de AO da NASA. 9.Há duas missões científicas de pequeno porte alocadas neste planejamento/cenário estendido. 10.A implementação deste Plano fortalece a Política Industrial em curso.


Carregar ppt "Proposta de desenvolvimento de satélites: 2012-2020 Elaborado por GT da ETE-LIT Mário Quintino Janio Kono Adalberto Coelho Adenilson Silva Antonio Carlos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google