A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A liturgia desse domingo nos apresenta um Deus de Bondade e de Misericórdia, que detesta o pecado, mas ama o pecador. Essa descoberta faz brotar em.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A liturgia desse domingo nos apresenta um Deus de Bondade e de Misericórdia, que detesta o pecado, mas ama o pecador. Essa descoberta faz brotar em."— Transcrição da apresentação:

1

2

3 A liturgia desse domingo nos apresenta um Deus de Bondade e de Misericórdia, que detesta o pecado, mas ama o pecador. Essa descoberta faz brotar em nós amor e vontade de viver uma vida nova. A 1ª Leitura apresenta a história de DAVI PECADOR. (2Sm 12, )

4 - Davi cometeu adultério com a mulher de Urias. Quando soube que a mulher estava grávida, mandou colocar Urias no lugar mais perigoso da batalha, onde acabou morrendo. - O Profeta Natan acusa violentamente o Rei desse crime e anuncia os castigos de Deus contra ele e a sua família. - O Rei reconhece humildemente seu erro: "Pequei contra o Senhor".

5 - Diante dessa atitude humilde e sincera de arrependimento, o profeta termina com uma mensagem de esperança: "O Senhor perdoou o teu pecado. Tu não morrerás". * Deus condena o pecado, mas não abandona o pecador. Na fraqueza, Davi teve humildade em reconhecer o seu pecado e confiança no Deus que perdoa... - Em nossas fraquezas, reconhecemos com humildade, ou tentamos esconder ou justificar?

6 O Evangelho narra a História da MULHER PECADORA. (Lc 7,36-8,3) - Jesus aceita o convite para fazer uma refeição na casa de Simão - De repente aparece uma mulher intrusa... A mulher já era pouco valorizada, imaginemos uma prostituta?

7 Ela enfrenta a condenação dos "bem comportados". Não fala nenhuma palavra. Suas lágrimas e o perfume precioso derramado sobre os pés de Jesus, falam por ela. O gesto tocou o coração de Jesus. - Por que Ela procurou Jesus? - Provavelmente já conhecia o Mestre e devia tê-la impressionado profundamente...

8 Seu olhar era diferente dos que a olhavam com interesse para aproveitar de seu corpo e sua beleza... ou dos que a desprezavam... ou a condenavam... Por isso, estava ela aí, para manifestar a sua gratidão, pois desde o primeiro encontro com ele, tudo tinha mudado nela... Suas lágrimas não eram de dor, ou de remorso... mas de alegria... de gratidão... Sua vida tinha mudado...

9 A Parábola parece significar, que o perdão não resulta do muito amor manifestado pela mulher, mas que o muito amor da mulher é o resultado da atitude de misericórdia de Jesus. * Dois olhares diferentes: - Simão: - com desprezo daquela pecadora... - com desconfiança do gesto de Cristo... - Cristo: - Valoriza o gesto de amor daquela pecadora... - Censura a arrogância daquele fariseu puritano...

10 - da Pecadora: Humildade em reconhecer o pecado e de gratidão pelo perdão recebido... - de Simão: Um "Praticante", que discrimina... condena... - de Jesus: Mostra que é amando e acolhendo, que se pode transformar os corações e despertar neles o amor. Deus não condena, mas vem ao encontro para libertar. Essa atitude de Deus gera o amor e vontade de começar vida nova. Três Atitudes diferentes:

11 * Visões diferentes: - Na de Simão: Deus devia estar longe daquela mulher. - Na de Jesus: a Mulher estava bem perto de Deus. + Ainda hoje há situações semelhantes, em nossas comunidades? A Igreja não é formada de "justos", mas de pecadores que foram perdoados e que necessitam SEMPRE do perdão de Deus e dos irmãos.

12 + Qual é a NOSSA Atitude? - Diante dos erros e pecados dos outros: - Imitamos o exemplo de Jesus, que acolhia e perdoava... - ou de Simão, que rejeitava e condenava? - Diante dos nossos erros e pecados: - Imitamos o exemplo de humildade de Davi e da pecadora, - ou somos tentados a escondê-los, ou, de alguma forma, justificá-los?

13 O mundo de hoje não admite o Pecado, mas ele existe... Jesus veio ao mundo para perdoar os nossos pecados e nos reintegrar no Caminho da Salvação. Nesta celebração, somos convidados a ir ao encontro do Senhor com a mesma atitude da mulher pecadora, que muito amou e muito foi amada... Pe. Antônio Geraldo Dalla Costa CS


Carregar ppt "A liturgia desse domingo nos apresenta um Deus de Bondade e de Misericórdia, que detesta o pecado, mas ama o pecador. Essa descoberta faz brotar em."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google