A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FÓRUM DE PRÓ-REITORES DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DAS INSTITUIÇOES DE ENSINO SUPERIOR DA REGIÃO CENTRO-OESTE SECRETARIAS PARA ASSUNTOS DE C&T DA REGIÃO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FÓRUM DE PRÓ-REITORES DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DAS INSTITUIÇOES DE ENSINO SUPERIOR DA REGIÃO CENTRO-OESTE SECRETARIAS PARA ASSUNTOS DE C&T DA REGIÃO."— Transcrição da apresentação:

1 FÓRUM DE PRÓ-REITORES DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DAS INSTITUIÇOES DE ENSINO SUPERIOR DA REGIÃO CENTRO-OESTE SECRETARIAS PARA ASSUNTOS DE C&T DA REGIÃO CENTRO- OESTE FUNDAÇÕES DE AMPARO A PESQUISA DA REGIÃO CENTRO- OESTE CIÊNCIA E TECNOLOGIA PARA O BRASIL CENTRAL PROGRAMA PRÓ- CENTRO-OESTE

2 A Rede Centro Oeste de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação – PRÓ-CENTRO OESTE, é um programa idealizado pelo Fórum de Pró-Reitores de Pesquisa e Pós-Graduação da Região Centro- Oeste (FOPROP-CO), com a adesão das Secretarias Estaduais para assuntos de CTI - CO (CONSECTI), Fundações de Amparo à Pesquisa do Centro-Oeste (CONFAP-CO), Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Fundação CAPES) e com a participação de pesquisadores de instituições de ensino e pesquisa da região Centro-Oeste.

3 A Rede PRÓ-CENTRO OESTE foi elaborada tendo como base as potencialidades, os pontos fortes e as fragilidades da matriz de CT&I na região. Assim foi considerada a produção científica – tecnológica, inclusive na área ambiental; a densidade atual dos cursos de pós - graduação e suas áreas de influência; as diferenças intra-regionais na produção de conhecimento e tecnologias; as competências instaladas na participação em redes e em ferramentas de geração de produtos biotecnológicos. Para a definição e para a elaboração da rede teve-se como pressuposto:

4 Estruturação da Rede Centro Oeste de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação – PRÓ-CENTRO OESTE Discussão inicial sobre a formação da rede – durante a primeira reunião do FOPROP-CO (maio/2006) em Campo Grande-MS com a presença dos Pró-Reitores da UnB, UFG, UNIDERP, UEMS e UFMS. Início da formatação (setembro/2006) durante o FOPROP-CO, Corumbá- MS, com presença dos membros do Diretório Nacional do FOPROP, CAPES - representada pelo Diretor de Programas e Bolsas no País, Prof. Emídio Cantídio e Pró- Reitores de Pesquisa e Pós-Graduação da região Centro- Oeste: UFMS, UEMS, UFGD, UNIDERP, UCDB, UFG, UEG, UCG, UNIEVANGÉLICA, FESURV e UnB. Naquela oportunidade, após um diagnóstico preciso relativo à Pós- Graduação e à Pesquisa na região Centro-Oeste definiu-se pela formação de redes de ensino e pesquisa entre as IES da região com vistas à reversão do cenário existente.

5 Estruturação da Rede Centro Oeste de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação – PRÓ-CENTRO OESTE Em 2007, procedeu-se análises para definição das problemáticas importantes para a Região com ênfase naquelas que tivessem grande envolvimento com as IES. Vários temas foram definidos e dentre estes, com grande prioridade, o ambiente. Considerado o tema, a relação direta foi com os biomas que compõem a região: Cerrado e Pantanal. Passou-se então ao diagnóstico da competência instalada e a seguir às definições dos objetivos a serem alcançados e que ações seriam necessárias para o alcance dos mesmos. Isto exigiu seis reuniões do FOPROP-CO que incluíram a participação dos Pró-Reitores e pesquisadores de MS, GO e DF. Em duas delas o MT (UNEMAT) também esteve presente. O objetivo destas reuniões era: identificar as linhas de atuação conjunta e elaborar projetos de pesquisa. Passou-se então ao diagnóstico de ambos os biomas: Cerrado e Pantanal e de recursos humanos aptos aos estudos dos mesmos.

6 Estruturação da Rede Centro Oeste de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação – PRÓ-CENTRO OESTE 4- No final de 2007 a proposta já tinha adquirido um formato mínimo e em junho de 2008 ela foi apresentada ao FOPROP-CO em reunião conjunta com o Diretório Nacional, CAPES, CNPq e MCT. 5- No segundo semestre de 2008 a proposta foi apresentada à Secretaria Executiva do MCT em reunião conjunta com Secretários de Ciência e Tecnologia e Presidentes de FAPs da Região. Estavam presentes também à reunião, representantes da EMBRAPA, CONCERRADO e CPP. 6- Houve ainda outra reunião ampliada onde se estabeleceu que a rede seria fundamentada nos Programas de Pós- Graduação que tivessem área de concentração e linhas de pesquisa relacionadas à questão ambiental.

7 Estruturação da Rede Centro Oeste de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação – PRÓ-CENTRO OESTE 7- Uma outra reunião foi realizada com a Secretaria Executiva do MCT e com Pró-Reitores onde se firmou a disposição para a implementação da rede com a participação direta dos Estados. 8- Em fevereiro de 2009 durante o FOPROP-CO, realizado em Dourados-MS, a rede foi novamente apresentada bem como alguns projetos de pesquisa que deveriam compor a mesma. Estavam presentes a reunião Pró-Reitores do CO, pesquisadores, representante do MCT e de FAPs.

8 Estruturação da Rede Centro Oeste de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação – PRÓ-CENTRO OESTE 9- Em março de 2009 uma reunião foi realizada em Goiânia com a finalidade de fechar a rede em termos de eixos, linhas de pesquisa e finalização dos projetos de pesquisa. Esta reunião contou com a presença dos Pró-Reitores e pesquisadores do Centro Oeste. 10- A seguir, por solicitação das Secretarias de Estado de Ciência e Tecnologia dos estados de Goiás, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Distrito Federal, realizou-se outra reunião conjunta com a finalidade da inclusão do eixo biotecnologia. Com esta reunião as parcerias foram finalmente firmadas 11- Em dezembro de 2009 foi criada a Rede de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação no âmbito do MCT, com portaria emitida pelos dois ministérios- Ciência e Tecnologia e da Educação.

9 DOU - Nº 237, Seção I, página 30, Brasília - DF, sexta-feira, 11 de dezembro de 2009 PORTARIA INTERMINISTERIAL No1.038, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2009 Institui no âmbito do Ministério da Ciência e Tecnologia, a Rede Centro Oeste de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação – PRÓ- CENTRO OESTE.

10 A Rede Centro Oeste de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação – PRÓ-CENTRO OESTE propõe-se então ao estabelecimento de uma rede de pós-graduação, pesquisa e inovação, e foi construído considerando-se a capacidade instalada na região no que se refere à formação de recursos humanos, à produção do conhecimento científico tecnológico, e a iniciativas que visam inovação com o objetivo maior de beneficiar a sociedade em geral, e especificamente, inicialmente, no âmbito de dois importantes biomas nacionais, o Cerrado e o Pantanal.

11 Estrutura Rede Centro Oeste de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação PRÓ-CENTRO OESTE, é composta por docentes/ pesquisadores integrantes dos programas de Pós Graduação, com foco no ambiente, de 15 IES da Região Centro Oeste do Brasil.

12 Instituições de Ensino Superior da Região Centro Oeste integrantes da Rede Centro Oeste de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação – PRÓ- CENTRO OESTE InstituiçãoEstado Centro Universitário de Anápolis – UNIEVANGÉLICA Universidade Federal de Goiás- UFG Universidade Estadual de Goiás – UEG Universidade Católica de Goiás – UCG Fundação Universidade de Rio Verde- FESURV Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Verde GO Universidade de Brasília – UnB Universidade Católica de Brasília- UCB DF Universidade Católica Dom Bosco – UCDB Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul – UEMS Universidade Federal da Grande Dourados – UFGD Universidade Federal de Mato Grosso do Sul – UFMS Universidade para o Desenvolvimento do Estado e da Região do Pantanal- UNIDERP MS Universidade Federal de Mato Grosso- UFMT Universidade Estadual de Mato Grosso- UNEMAT MT

13 Rede Centro Oeste de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação – PRÓ-CENTRO OESTE Objetivo Geral 1- Intensificar o processo de desenvolvimento da Ciência, Tecnologia e Inovação na Região Centro Oeste do Brasil. 2- Incrementar a formação de recursos humanos qualificados na área ambiente: iniciação científica, mestres e doutores.

14 Objetivos Específicos: Consolidar os programas de pós-graduação já existentes na região. Criar novos cursos de pós-graduação na temática ambiente. Aumentar qualitativa e quantitativamente a produção científica e tecnológica. Criar condições para implantação da cultura da inovação na região Centro Oeste.

15 Metas: Ampliar em 50% a formação de recursos humanos qualificados - mestres e doutores no tema em foco, na região Centro-Oeste. Criar sete cursos de doutorado nas IES que possuem mestrados conceito 4 na temática: UCB, UnB, UFMS, UCG, UNIDERP, FESURV e UFMT. Criar oito Programas de Pós - Graduação que tenham como tema Biologia/ambiente, nas IES que ainda são deficitárias nesta área: FESURV, UEG, UNIEVANGELICA, UFGD, UEMS, UCB, UNEMAT e UFMT.

16 Metas: Criar um curso de doutorado, em associação, na área de biotecnologia com foco nos biomas Cerrado e Pantanal. Elevar para conceito 4, vinte cursos de mestrado e um de doutorado hoje existentes.

17 Metas: Criar um pólo de biotecnologia na região agregando valores aos produtos obtidos a partir dos recursos naturais dos biomas, Cerrado e Pantanal. Criar a Rede de Ensino e Pesquisa na temática Ambiente com foco nos biomas Cerrado e Pantanal: Rede Pró- Centro Oeste de Pos-Graduacao, Pesquisa e Inovacao.

18 Rede Centro Oeste de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação – PRÓ-CENTRO OESTE. A Rede tem como eixos: I- Biodiversidade do Cerrado e Pantanal. II- Geodiversidade do Cerrado e Pantanal. III- Biotecnologia.

19 Rede Centro Oeste de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação – PRÓ-CENTRO OESTE- Metas de Formação de Recursos Humanos Total Biotecnologia Geodiversidade Biodiversidade Nº docentesNº tesesNº dissertaçõesEixos

20 Discriminação do Orçamento Solicitado - Rede Centro Oeste de Pós- Graduação, Pesquisa e Inovação – PRÓ-CENTRO OESTE. ( ) ,00Total ,00Bolsas (IC/ITI, MS, D, PD, ATM e ATS) BOLSAS ,00Ações transversais ,00Total- CUSTEIO e CAPITAL ,00Subtotal ,00Material bibliográfico ,00Obras (reformas de laboratórios) ,00Equipamentos e material permanente CAPITAL ,00Subtotal ,00Despesas acessórias ,00Passagens e diárias (locomoção pesquisadores e alunos) ,00Serviços de Terceiros (pessoa física ou jurídica) ,00Material de Consumo (reagentes, insumos, vidrarias etc). CUSTEIO R$ELEMENTO DE DESPESA

21 Funcionamento da Rede Conselho Diretor da Rede Centro Oeste Presidido pelo Secretário de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento do MCT Comitê Científico Nomeado pela Portaria MCT-MEC No de 10/12/2009 Secretaria Executiva Secretário Eleito pelo Comitê Científico e Ratificado pelo Conselho Diretor Agências Executoras CNPq,Capes e FAPS e/ou Secretarias de Ciência e Tecnologia dos Estados

22 Desdobramentos da Rede Pró-Centro Oeste de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação

23 Edital CNPq Linha1. Ciência, Tecnologia e Inovação para sustentabilidade da Região Centro Oeste. Linha1. Ciência, Tecnologia e Inovação para sustentabilidade da Região Centro Oeste. Linha 2. Bioeconomia e Conservação dos Recursos Naturais. Linha 2. Bioeconomia e Conservação dos Recursos Naturais. Linha 3. Desenvolvimento de Produtos, Processos e Serviços Biotecnológicos. Linha 3. Desenvolvimento de Produtos, Processos e Serviços Biotecnológicos.

24 Redes Aprovadas por Linha Linha 1Linha 2Linha

25 Redes, projetos e valores recomendados EstadoNº RedesNº ProjetosValor (R$) DF ,59 GO ,18 MS ,00 MT ,57 Total ,34 EstadoNº RedesNº ProjetosValor (R$) DF ,5 GO ,1 MS ,00 MT ,57 Total ,3

26 PROPOSTA DE CRIAÇÃO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA E BIODIVERSIDADE (PPGBB) DA REDE PRO- CENTRO OESTE Nome do Programa: Biotecnologia e Biodiversidade Área Básica: Biotecnologia Área de Avaliação: Biotecnologia Nível: Doutorado Coordenador-Geral: Prof. Fernando Araripe Gonçalves Torres - UnB Ärea de concentração: Biotecnologia e Biodiversidade Linhas de Pesquisa: 1- Ciência, Tecnologia e Inovação para Sustentabilidade da Região Centro Oeste 2- Bioeconomia e Conservação dos Recursos Naturais 3- Desenvolvimento de Produtos, Processos e Serviços Biotecnológicos

27 O PPGBB foi estruturado na forma de uma Associação em Rede (AR) envolvendo 10 IES do Centro Oeste - Universidade de Brasília (UnB) - DF - Universidade Católica de Brasília (UCB) - DF - Universidade Federal de Goiás (UFG) - GO - Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-Goiás) - GO - Instituto Federal Tecnológico Goiano (IFGoiano) - GO - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) - MS - Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) - MS - Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) - MS - Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT) - MT - Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) - MT


Carregar ppt "FÓRUM DE PRÓ-REITORES DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DAS INSTITUIÇOES DE ENSINO SUPERIOR DA REGIÃO CENTRO-OESTE SECRETARIAS PARA ASSUNTOS DE C&T DA REGIÃO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google