A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MURAL VIRTUAL. Onde tudo começou Recordar é preciso, pois é grande a importância da memória. Afinal, ninguém vive sem passado, sem tradição, sem raízes,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MURAL VIRTUAL. Onde tudo começou Recordar é preciso, pois é grande a importância da memória. Afinal, ninguém vive sem passado, sem tradição, sem raízes,"— Transcrição da apresentação:

1 MURAL VIRTUAL

2 Onde tudo começou Recordar é preciso, pois é grande a importância da memória. Afinal, ninguém vive sem passado, sem tradição, sem raízes, sem história. Nosso passado é nossa história. Olhar para o passado de desportistas, atletas e times de Campina Grande é de fundamental importância.

3 Basquete O basquete paraibano teve início na década de 60, vários dados foram perdidos e a atual diretoria está tentando recuperá-los junto à ex-dirigentes, técnicos e atletas. Mas sabe-se que existiam equipes fortes como Cabana, Iate Clube, Astréa. Atualmente os Clubes filiados a Federação Paraibana de Basketball são: Cabo Branco, AABB/JP, AABB/CG, Liga Campinense, Campinense, Santos, Botafogo e Iate Clube.

4 Artes Marciais Edinanci Fernandes da Silva: é uma judoca brasileiro nascida em Sousa em 23 de agosto de Em 2003 conseguiu medalha de ouro nos jogos Pan-americanos de 2003 na República Dominicana, repetindo o feito no Rio Obteve ainda duas medalhas de bronze no Campeonato Mundial de judô, nas edições de 1997 e 2003.

5 Antônio Silva, mais conhecido como Pezão é um lutador brasileiro de artes marciais mistas (MMA). Ele luta no Ultimate Fighting Championship na categoria de peso-pesado. Começou a carreira em 2005, sua primeira luta foi contra Tengiz Tedoradze, na qual conseguiu nocautear o adversário no 1º assalto.

6 Futebol O futebol em Campina Grande tem destaque pelos seus dois principais clubes: Campinense Clube e Treze Futebol Clube. A maior rivalidade do interior do Brasil é dada pelo nome de Clássico dos Maiorais, também é conhecido como clássico Galo contra Raposa.

7 O Campinense Clube foi fundado em 12 de abril de Hexa-Paraibano ( ) O Campinense é o time com maior número de títulos seguidos do estado, conquistando títulos consecutivos (entre 1960 e 1965). Copa do Nordeste 2013 No ano de 2013 o Clube chegou a final da Copa do Nordeste, onde disputou dois jogos contra o ASA, nos dias 10 e 17 de março, vencendo o primeiro jogo por 2x1 fora de casa e o segundo jogo por 2x0 em pleno Amigão, sagrando-se o primeiro paraibano campeão da Copa do Nordeste.

8 O Treze Futebol Clube foi fundado em 07 de setembro de Campeão Invicto 1966 Em 1966, o Treze se sagrou o campeão invicto do Campeonato Paraibano, que representa a estrela acima do escudo do clube, sendo o único campeão paraibano invicto até os dias atuais. Copa do Brasil Já fez várias boas campanhas na Copa do Brasil, chegando inclusive ao quinto lugar em É o melhor resultado já obtido por um time paraibano na competição. Naquela edição, o Treze eliminou São Caetano-SP e Coritiba.

9 Clássico dos Maiorais O Clássico dos Maiorais é o jogo entre dois clubes de Campina Grande, estado da Paraíba: Campinense Clube e Treze Futebol Clube. O confronto é considerado o maior clássico do interior brasileiro, pois, ao contrário de rivalidades como o Derby Campineiro e o Come-Fogo, o Clássico dos Maiorais já decidiu 16 títulos, onde 13 foram vencidas pelo Campinense Clube e 3 pelo Treze Futebol Clube. Campinense 101 vitória(s), 427 gol(s) Treze 135 vitória(s), 484 gol(s) Empates 151 Total de jogos 387 Total de gols 911

10 Jogadores paraibanos em destaque Givanildo Vieira de Souza, mais conhecido como Hulk (Campina Grande, 25 de julho de 1986). Atualmente joga pelo Zenit e faz parte da Seleção Brasileira. Marcelo dos Santos, mais conhecido como Marcelinho Paraíba (Campina Grande, 17 de Maio de 1975). Atualmente está no Boa Esporte. Fez muito sucesso no exterior, principalmente na Alemanha, onde jogou pelo Hertha Berlin e pelo Wolfsburg. Leovegildo Lins da Gama Júnior, conhecido apenas por Júnior (João Pessoa, 29 de junho de 1954) é um ex-futebolista. Fez fama atuando pelo Flamengo, onde jogou 865 partidas, sendo o jogador que mais vezes vestiu a camisa rubro-negra.

11 Fernanda Almeida, Anna Mércia, Danielly Alves e Gabriela Holanda


Carregar ppt "MURAL VIRTUAL. Onde tudo começou Recordar é preciso, pois é grande a importância da memória. Afinal, ninguém vive sem passado, sem tradição, sem raízes,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google