A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Pr. João Antonio C. Campos. Batalha Espiritual a Nível Estratégico.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Pr. João Antonio C. Campos. Batalha Espiritual a Nível Estratégico."— Transcrição da apresentação:

1 Pr. João Antonio C. Campos

2 Batalha Espiritual a Nível Estratégico

3 BATALHA ESPIRITUAL 1. A origem da batalha espiritual Procurar saber a origem desta guerra cósmica leva-nos a indagar sobre a origem do mal. No entanto, não iremos nos deter neste assunto. Aqui, é necessário sabermos que existe uma origem para o mal e que esta, é identificada com o diabo. De acordo com as Escrituras, o Diabo é o chefe da apostasia. Em Is 14:12, Satanás é identificado como sendo a Estrela da Manhã e Filho da Alva. Isso quer dizer que houve um tempo em que este ser angelical criado por Deus, rebelou-se contra o seu Criador (Ez 28:12-19), querendo ser igual a Ele e, consequentemente, foi expulso do céu juntamente com os seus seguidores (Mt 25:41; 12:24; Ef 2:2; Ap 12:7). É aí que começa toda a guerra, com o propósito de Satanás de ser igual a Deus e, por isso, opor-se a tudo o que Deus faz ou o que se chama pelo Seu nome ( Mt 13: 24-30; Lc 22:3).

4 (Mateus 12:24) - Mas os fariseus, ouvindo isto, diziam: Este não expulsa os demônios senão por Belzebu, príncipe dos demônios. (Isaías 14:12) - Como caíste desde o céu, ó estrela da manhã, filha da alva! Como foste cortado por terra, tu que debilitavas as nações! (Ezequiel 28:12) - Filho do homem, levanta uma lamentação sobre o rei de Tiro, e dize-lhe: Assim diz o Senhor DEUS: Tu eras o selo da medida, cheio de sabedoria e perfeito em formosura. (Ezequiel 28:13) - Estiveste no Éden, jardim de Deus; de toda a pedra preciosa era a tua cobertura: sardônia, topázio, diamante, turquesa, ônix, jaspe, safira, carbúnculo, esmeralda e ouro; em ti se faziam os teus tambores e os teus pífaros; no dia em que foste criado foram preparados. (Ezequiel 28:14) - Tu eras o querubim, ungido para cobrir, e te estabeleci; no monte santo de Deus estavas, no meio das pedras afogueadas andavas. (Ezequiel 28:15) - Perfeito eras nos teus caminhos, desde o dia em que foste criado, até que se achou iniqüidade em ti. (Ezequiel 28:16) - Na multiplicação do teu comércio encheram o teu interior de violência, e pecaste; por isso te lancei, profanado, do monte de Deus, e te fiz perecer, ó querubim cobridor, do meio das pedras afogueadas. (Ezequiel 28:17) - Elevou-se o teu coração por causa da tua formosura, corrompeste a tua sabedoria por causa do teu resplendor; por terra te lancei, diante dos reis te pus, para que olhem para ti. (Ezequiel 28:18) - Pela multidão das tuas iniqüidades, pela injustiça do teu comércio profanaste os teus santuários; eu, pois, fiz sair do meio de ti um fogo, que te consumiu e te tornei em cinza sobre a terra, aos olhos de todos os que te vêem. (Ezequiel 28:19) - Todos os que te conhecem entre os povos estão espantados de ti; em grande espanto te tornaste, e nunca mais subsistirá. (Mateus 25:41) - Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos; (Efésios 2:2) - Em que noutro tempo andastes segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos da desobediência. (Apocalipse 12:7) - E houve batalha no céu; Miguel e os seus anjos batalhavam contra o dragão, e batalhavam o dragão e os seus anjos; (Lucas 22:3) - Entrou, porém, Satanás em Judas, que tinha por sobrenome Iscariotes, o qual era do número dos doze.

5 2. A Terra novo local de guerra. A administração e governo terrenos pertencem a Satanás. Isso deveu-se ao pecado de Adão. Ao primeiro homem foi dada administração e governo sobre a criação; no entanto, ele, quando pecou, entregou a autoridade ao diabo. Decorrente disto, o diabo tem controle sobre os governos, e Deus não interfere nisso, por questões éticas e legais. Satanás tem todo o direito legal de administrar o sistema terreno, através do homem. Deus romperia com a ética se interferisse nesse direito. Foi por isso que Jesus veio, para devolver o direito ao homem de governar. A partir de Jesus, portanto, temos a autoridade para governar. (Mateus 4:8) - Novamente o transportou o diabo a um monte muito alto; e mostrou-lhe todos os reinos do mundo, e a glória deles. (9) - E disse-lhe: Tudo isto te darei se, prostrado, me adorares. (II Corintios 4:4) - nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, o qual é a imagem de Deus.

6 3.O CORPO RECEBE ORDENS DA CABEÇA Paulo lembra aos Efésios que Deus designou a Jesus como Cabeça de todas as coisas à igreja (Efésios 1:22-23). Se crentes querem estar dentro da vontade de Deus em qualquer aspecto de suas vidas, eles têm que se submeter à Cabeça do corpo, Jesus Cristo. Isso aplica a indivíduos em particular, mas também a igreja em geral. Esse princípio se torna extremamente importante para batalha espiritual eficaz. A analogia da cabeça e o do corpo é tão simples que me surpreende ao encontrar aqueles que não captam a idéia. Vamos fazer uma aplicação a partir do nosso corpo humano. Nós temos uma cabeça e nós temos corpo. A cabeça dirige o resto do corpo. O corpo faz a vontade da cabeça. Sem Jesus e impossível confrontar as trevas.

7 4. Mapeamento Espiritual Mapeamento Espiritual consiste em estudar a história do lugar onde deseja-se evangelizar e “discernir” a entidade espiritual que atua nesta determinada região. Seria o estudo da história da região e das características econômicas, políticas, sociais e morais que lhe são próprias. Em seguida, faz-se uma identificação espiritual com o demônio que poderia lhe atribuir estas características. É importante ressaltar que a identificação dos principados e potestades de alta hierarquia espiritual, se dá pelo dom de discernimento de espíritos e por analisar as características da cidade, conhecendo a história da sua fundação, e o seu desenvolvimento

8 Efésios 6:12 – Revela-nos uma estratégia onde se estabelece uma hierarquia satânica para controlar o mundo espiritual Principados – Governo de Nações. Potestade – Governo de Estados. Dominadores – Governo de Cidades. Forças Espirituais do Mal – Governo de Bairros e ruas. Hierarquia do reino de satanás

9 Estratégias usadas pelo Apostolo Paulo. A batalha espiritual de Paulo foi como a guerra aérea da estratégia militar moderna. Nenhum comandante responsável iria mandar tropas no solo se, não ganhasse primeiro a guerra aérea. Seria suicídio. É por isso que Paulo assegurou que Diana tinha sido enfraquecida antes dele enviar os implantadores de igrejas pela cidade de Éfeso e a província da Ásia Menor. Verdadeiramente, Paulo não implantou pessoalmente as igrejas da Ásia Menor (sete das quais são mencionadas em Apocalipse 2 e 3). Ele treinou implantadores de igrejas na "escola de Tirano", um prédio que ele alugou, e os enviou como tropas no solo (veja Atos 19:9-10). A queda de Diana Quando Paulo deixou Éfeso Diana tinha sido enfraquecida e espancada severamente. Mas ela não foi tirada de cena totalmente. Paulo não tinha confrontado ela no "tête-à-tête" nem entrado no seu templo em guerra espiritual a nível estratégico. Os artífices acusaram-no de ter feito isto, mas eles não podiam provar as acusações no tribunal. Diana tinha perdido muito do seu poder por causa da batalha espiritual agressiva de Paulo a nível solo e a nível oculto. O império das trevas é interligado e o que acontece em qualquer um desses três níveis afeta os outros níveis e toda a estrutura de Satanás.

10 Apostolo João confronta Diana em batalha a nível estratégico. Deus escolheu o apóstolo João para executar o assalto frontal. A história subseqüente, não o livro de Atos, nos conta que alguns anos depois que Paulo deixou Éfeso, João mudou para lá para terminar sua carreira. Ramsay MacMullen, um historiador bem conhecido e professor na universidade de Yale, nos contam do ministério de João em Éfeso com detalhes muito interessantes na área de batalha espiritual a nível estratégico. MacMullen, um especialista na história do Império Romano, escreveu um tratado escolar chamado A Cristianização do Império Romano dos anos 100 à 400. Nesse tratado, ele argumenta que o fator principal para a conversão do Império Romano ao cristianismo foi a expulsão de demônios. Ele dá muitos exemplos de batalha espiritual em seu livro.

11 Um desses exemplos é a história do apóstolo João e o seu confronto tête-à- tête com a Diana de Éfeso. MacMullen, citando fontes históricas, diz que João, em contraste de Paulo, entrou no templo da Diana para fazer guerra espiritual. Ele diz, no próprio templo da Diana, João orou: "Oh! Deus... em cujo nome todo ídolo e todo demônio e todo poder imundo foge; que o demônio desse lugar desse templo fuja ao Seu Nome...". Enquanto João estava dizendo isto, de repente, o altar da Diana rachou em muitos pedaços e a metade do templo caiu (página 26 do seu livro). MacMullen continua dizendo que esse encontro de poder trouxe multidões dos éfésios à fé em Cristo. Então ele comenta, como um historiador profissional na razão pela qual ele crê que isso, junto com outras coisas semelhantes na evangelização do Império Romano, deve ser aceito como historicamente válido. Dentro de 50 anos depois desse evento, praticamente ninguém do Império Romano cultuava a Diana. Seu culto foi reduzido a uma sombra do que era antes de Paulo e João irem a Éfeso. E a cidade de Éfeso se tornou o centro do cristianismo mundial para os próximos 200 anos.

12 Éfeso hoje (Turquia) A maioria dos turcos são muçulmanos, e têm uma lealdade à sua fé que vem de berço. Mas, o governo turco é secular e resiste às tentativas dos fundamentalistas islâmicos para impor o tipo de sociedade fechada visto em outras nações do Oriente médio. Turcos não são árabes, e não querem ser. Eles querem fazer parte da união européia. Igrejas cristãs, escolas bíblicas, livrarias evangélicas e romarias religiosas são permitidas. Todos são livres para se converterem ao cristianismo se assim desejarem. Há mais ou menos 500 crentes nascidos de novo na Turquia hoje. E verdade que existem algumas leis que restringem os meios de evangelismo e proíbem a distribuição pública de literatura, mas essas leis se aplicam aos cristãos e não cristãos.

13 Maria, a mãe de Jesus em Éfeso Quando o apóstolo João foi a Éfeso, ele levou Maria, a mãe de Jesus. Olhando da cruz, Jesus disse a Maria: "Mulher, eis o seu filho!" E, aí ele disse a João: "Eis a sua mãe!" E daquela hora em diante, o discípulo João tomou-a para sua casa (João 19:25-27). E o último lugar aonde ela foi vista foi em Éfeso. Depois de Paulo e João ministrarem em Éfeso, o culto à Diana mergulhou de vez. Éfeso se tornou o centro mundial de cristianismo. Daí em diante, a Rainha dos céus não teria mais uso da máscara da Diana. Mas, a sua tarefa de Satanás permaneceu: a cegar as pessoas e mantê-las em trevas espirituais. Então será que a Rainha dos céus começou a se perguntar: sendo que ela não foi bem sucedida em impedir cristianismo de fora, que talvez fosse meio de impedir pessoas de serem salvas do lado de dentro? Mas como? Nessas alturas, a verdadeira Maria não estava mais viva. Seria possível fabricar uma falsa Maria dentro do cristianismo que podia ser capacitada pela Rainha dos céus para fazer milagres, e aparecer, e então atrair adoração em igrejas cristãs que deveria ser dada somente a Jesus? Assim, haveria uma maneira de transferir o poder que recebia uma vez pela Diana, à falsa Maria, aí mesmo na cidade de Éfeso. Se as pessoas não podem adorar a Diana, vamos ver se podem adorar a falsa Maria! Usamos o termo "falsa Maria" para distinguir entre a Maria verdadeira, a mãe de Jesus. A Maria verdadeira é abençoada entre as mulheres como o anjo Gabriel declarou (Lucas 1:28). Nunca foi, e, nunca terá outra mulher igual. Porque Deus assim agraciou, também precisamos honrar a ela, mas jamais adora - lá.

14 (João 14:6) - Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. (I Timóteo 2:5) - Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem. (Hebreus 9:15) - E por isso é Mediador de um novo testamento, para que, intervindo a morte para remissão das transgressões que havia debaixo do primeiro testamento, os chamados recebam a promessa da herança eterna. mediador (me-di-a-dor) adj. e s. m. Que ou aquele que intervém, ou é escolhido para conseguir acordo ou conciliação entre partes desavindas; árbitro, medianeiro, intercessor: potência mediadora; os mediadores da paz. (Isaías 42:8) - Eu sou o SENHOR; este é o meu nome; a minha glória, pois, a outrem não darei, nem o meu louvor às imagens de escultura. (João 10:30) - Eu e o Pai somos um.

15 Maria Mãe de Deus. À medida que desenrola a história, o centro do cristianismo, com o tempo, foi de Éfeso para Roma e Constantinopla. Quando isto aconteceu, e quando o Império Romano foi declarado cristão pelo Imperador Constantino, a falsa Maria começou a tomar cada vez mais um lugar no centro da liturgia cristã e adoração. Isto progrediu a tal ponto que a igreja em Roma decidiu declarar oficialmente que a Maria era a "mãe de Deus." Como isso devia ser feito? Por que não voltar para Éfeso? Em 431 d.C, um "concilio ecumênico" foi convocado em Éfeso. O concilio de Éfeso declarou que a Maria era Theotokos, a mãe de Deus. O dogma permanece em todas as igrejas romanas até hoje. Adoração a ídolos em Éfeso Em Éfeso, um santuário foi construído para hospedar a imagem da falsa Maria. Agora, embora haja pouquíssima adoração aberta no altar da Diana dos efésios, a imagem da Maria é adorada 365 dias por ano com velas, oferendas de flores o outras coisas. Devotos prostram, a honram, e oram para ela como se ela fosse transmitir suas orações para Jesus. Poucos pensam que a Rainha dos céus podia estar fazendo um curto circuito com estas orações. Peter Wagner conta que quando fez um tour no Vaticano em Roma há alguns anos atrás, tive dificuldade em compreender por que uma estátua da Diana dos efésios estaria situada numa sala do Vaticano com outras estátuas dos santos cristãos. Depois que visitou a Éfeso, teve uma idéiado porquê.

16 A rainha dos céus É interessante que muitos retratos da virgem Maria a tem em pé, numa lua crescente, ou com uma lua crescente perto da cabeça. Outros têm uma coroa em sua cabeça, e, um dos títulos oficiais é a "Rainha dos céus". Por exemplo, poucas pessoas sabem que o nome espanhol original da cidade de Los Angeles é "a cidade da Nossa Senhora Rainha dos Anjos."Alguns se referem a Los Angeles como "cidade dos anjos". Seria mais correto reconhecer que é a cidade da Rainha dos anjos conhecida como Rainha dos céus. A extensão da falsa Maria, em relação a sua exaltação capacitada pela Rainha dos céus, fica a critério de cada um. Muitos, ficaram chocados no dia 25 de agosto de 1997, quando a revista "Newsweek" reportou que nos últimos quatro anos, o papa tem recebido pedidos encorajando a ele declarar oficialmente que a virgem Maria é "co-redentora com Cristo". Quando o papa visitou Cuba em 1998, ele coroou a imagem da Virgem de Merced, declarando ela a Rainha da Cuba. Acontece que o mesmo ídolo é adorado pelos devotos de satanismo cubano, conhecido como Santería. Se O Cabeça Jesus, está dizendo para o corpo, a Igreja, para vencer (nikao) e confrontar os poderes das trevas em guerra espiritual a nível estratégico explícito, o que deveria ser feito em relação a situação que acabo de descrever?

17 A Rainha dos céus (Jeremias 7:18) - Os filhos apanham a lenha, e os pais acendem o fogo, e as mulheres preparam a massa, para fazerem bolos à rainha dos céus, e oferecem libações a outros deuses, para me provocarem à ira. 1- A Rainha dos céus é um espírito territorial. No Japão e na Turquia é conhecida como a deusa sol. No México como a Virgem de Guadalupe. No Nepal como Sagarmartha. Na cidade de Calcutá é conhecida como Cali, no Brasil Aparecida (Iemanjá) 2- Antes de fazermos batalha espiritual em qualquer nível, principalmente a nível estratégico, contra espíritos territoriais, é necessário REVELAÇÃO. 3- Jesus é superior a Diana, Iemanjá, Aparecida e a todos os espíritos territoriais, não importando o tempo de domínio deles sobre o território. Os exércitos de Deus, do mundo inteiro, estão sendo convocados a entrar nos mais altos níveis de guerra espiritual para instaurar o verdadeiro Governo que pertence ao Senhor de toda a Terra.

18 PASSOS PARA A BATALHA 1- Amarrar o Valente. (Marcos 3:27) - Ninguém pode roubar os bens do valente, entrando-lhe em sua casa, se primeiro não maniatar o valente; e então roubará a sua casa. 2- Fazer declaração do poderio de Jesus aos poderes do mundo invisível. Declarar a sabedoria de Deus ao diabo e aos principados que estejam na vizinhança. 3- Profetizar que o deus deste século não irá cegar as mentes das pessoas. 4- Adoração, louvor, leitura da bíblia e brados de guerra devem sair noite após noite e coisas começarão a acontecer: Demônios serão expulsos, enfermos curados, e milhares de pessoas convertidas. Devemos revezar a direção de orações poderosas para exaltar ao Senhor e liberar a Sua bênção sobre os povos não alcançados no mundo. 5- Deixar de lutar contra nos mesmo, (reino dividido não subsiste,Lc 9:50, Lc 11:18) com discussão tolas enquanto milhares de almas são ceifadas todos os dias, por não ter Jesus. 6- Para fazer as coisas certas, nós precisamos do espírito de sabedoria e revelação e busca a união do corpo.

19 Deus e a fonte de todo poder, nada se compara com nosso Deus. Temos que aceitar a Cristo e viver em santidade. Em Cristo Jesus, somos justificados e recebemos autoridade contra toda força do mal. Não devemos fazer apologia a satanás dando a ele mais poder do que tem, ele e um ser limitado. Não devemos menosprezar a astúcia de nosso inimigo. Vigiar e orar, fugindo da aparência do mal. Somos o corpo de Cristo nesta Terra temos que agir conforme o comando da cabeça Jesus. Não devemos nos esquecer

20 Fontes usadas para estudos: Bíblia Sagrada Livro Confrontando A Rainha dos Céus - C. Peter Wagner. Livro de Clinton Arnold. Livro de MacMullen Missão Evangélica Shekinah. Ap. Neuza Itioka


Carregar ppt "Pr. João Antonio C. Campos. Batalha Espiritual a Nível Estratégico."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google