A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Impactos das Alterações Climáticas nos Recursos Hídricos Portugueses Luís Veiga da Cunha (UNL) Rodrigo Oliveira.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Impactos das Alterações Climáticas nos Recursos Hídricos Portugueses Luís Veiga da Cunha (UNL) Rodrigo Oliveira."— Transcrição da apresentação:

1 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Impactos das Alterações Climáticas nos Recursos Hídricos Portugueses Luís Veiga da Cunha (UNL) Rodrigo Oliveira (Chiron) Vasco Borges Nunes (SIAM) SIAM – Scenarios, Impacts and Adaptation Measures O Projecto financiado pela Fundação Calouste Gulbenkian, Fundação para a Ciência e Tecnologia e pelo Instituto do Ambiente

2 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Impactos das alterações climáticas Disponibilidades de água –Regime de escoamentos –Qualidade da água –Recarga de aquíferos –Contaminação de aquíferos Risco de situações hidrológicas extremas –Cheias –Secas Qualidade da água Necessidades de água –Irrigação –Arrefecimento de unidades industriais –Produção de energia

3 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Metodologia de análise

4 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 AcrónimoOrigemEscalaResolução HadCM2 Hadley Centre for Climate Prediction and Research Global 2,5º x 3,75º (220 por 420km)* HadCM3 Hadley Centre for Climate Prediction and Research Global 2,5º x 3,75º (220 por 420km)* ECHAM4 Deutsches Klimarechenzentrum Global 2,8º x 2,8º (250 por 310km)* CGCM1 Canadian Centre for Climate Modelling and Analysis Global 3,7º x 3,7º (320 por 410km)* HadRM2 Hadley Centre for Climate Prediction and Research Regional 0,44º x 0,44º (40 por 50km)* PROMES Universidade Complutense de Madrid Regional 0,44º x 0,44º (40 por 50km)* * Em referência à latitude de Portugal Modelos Climáticos

5 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Modelos Climáticos

6 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Modelos climáticos HadCM2/3 ECHAM4 CGCM1

7 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Capacidade dos modelos climáticos Precipitação anual Precipitação mensal

8 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Capacidade dos modelos climáticos HadRM2 Precipitação anual (control run) Diferenças observadas

9 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Capacidade dos modelos climáticos Temperatura anual Temperatura mensal

10 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Temperatura anual (control run) Diferenças observadas Capacidade dos modelos climáticos HadRM2

11 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Cenário anual para a região Centro

12 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Cenários dos modelos climáticos (Cenário anual) CenárioNorteCentroSul HadCM Panual: - 6% Tanual: + 2.5ºC Panual: - 8% Tanual: + 2.9ºC Panual: - 17% Tanual: + 2.7ºC HadCM Panual: - 9% Tanual: + 3.9ºC Panual: - 14% Tanual: + 4.3ºC Panual: - 26% Tanual: + 4.0ºC HadRM Panual: + 7% Tanual: + 5.8ºC Panual: - 2% Tanual: + 5.9ºC Panual: - 11% Tanual: + 5.9ºC

13 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Cenários dos modelos climáticos (Cenário para o inverno e verão) CenárioNorteCentroSul HadCM Pinv: + 4% Tinv: + 1.4ºC Pinv: + 3% Tinv: + 1.4ºC Pinv: - 4% Tinv: + 1.7ºC Pver: - 35% Tver: + 3.8ºC Pver: - 30% Tver: + 4.8ºC Pver: - 31% Tver: + 3.3ºC HadCM Pinv: + 9% Tinv: + 2.3ºC Pinv: + 4% Tinv: + 2.3ºC Pinv: - 15% Tinv: + 2.6ºC Pver: - 56% Tver: + 6.3ºC Pver: - 50% Tver: + 7.4ºC Pver: - 27% Tver: + 5.2ºC HadRM Pinv: + 59% Tinv: + 4.3ºC Pinv: + 55% Tinv: + 4.4ºC Pinv: + 47% Tinv: + 4.7ºC Pver: - 66% Tver: + 7.9ºC Pver: - 68% Tver: + 7.7ºC Pver: - 73% Tver: + 7.0ºC

14 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Estações hidrométricas utilizadas 62 bacias hidrográficas Portuguesas Representativas dos vários regimes hidrológicos Sem alterações significativas do regime natural O modelo hidrológico foi calibrado para todas as bacias Simulação das condições de escoamento para 3 cenários - HadCM HadCM HadRM2 2100

15 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Cenário de escoamento anual HadCM3 Redução do escoamento: 0 a 60% HadRM2 Aumento do escoamento: 0 a 60%

16 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002

17 Comparação de cenário climáticos para Portugal e Espanha

18 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Disponibilidade da água Recursos hídricos superficiais Redução das disponibilidade de água Aumento da assimetria sazonal Aumento da assimetria espacial Maiores perdas de água devido a maiores evaporações nas albufeiras e canais de irrigação Recursos subterrâneos Diminuição da recarga de aquíferos; Problemas de intrusão salina para alguns aquíferos costeiros.

19 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Adaptação e resposta Agir já suportado pelos cenários actuais; Manter o trabalho de investigação neste campo através da cooperação internacional; Apoiar as políticas de gestão de água num conhecimento profundo dos recursos existentes; Promover soluções de gestão e eficiência do uso da água. Muitas das medidas de adaptação constituem melhorias na gestão da água independentemente da ocorrência de alterações climáticas (win-win situation)

20 III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Adaptação e resposta O sistema de planeamento e gestão dos recursos hídricos está habituado a lidar com a incerteza e variabilidade do clima, pelo que está potencialmente preparado para fazer face às alterações climáticas. As alterações climáticas apenas constituirão um factor adicional que influenciará a tendência e a variabilidade da disponibilidade e necessidade de água. A principal mudança conceptual: Abandonar a tradicional hipótese da engenharia em como os registos históricos são um bom indicador do clima futuro.


Carregar ppt "III Congresso Ibérico, Sevilha, Novembro 2002 Impactos das Alterações Climáticas nos Recursos Hídricos Portugueses Luís Veiga da Cunha (UNL) Rodrigo Oliveira."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google