A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

APL s: O QUE DA CERTO? O que da errado?. Rede APL Mineral Somos muitos APLS. Somos uma REDE nacional.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "APL s: O QUE DA CERTO? O que da errado?. Rede APL Mineral Somos muitos APLS. Somos uma REDE nacional."— Transcrição da apresentação:

1 APL s: O QUE DA CERTO? O que da errado?

2 Rede APL Mineral Somos muitos APLS. Somos uma REDE nacional.

3

4 ISTO DA CERTO!

5 PARCERIAS PÚBLICO PRIVADAS: JUNTOS : GOVERNO FEDERAL: MCT – CNPq GOVERNO DE GOIÁS: SMG Superintendência de Geologia e Mineração 1800 Km, 22 cidades, Técnicos, Veículos, Ensáios, Análises! ASCENO – 36 empresas, FEDERAL + ESTADUAL + PRIVADO ISTO DA CERTO !!

6

7 O EXTENSIONISMO MINERAL FUNCIONA!

8 APL DA CERÂMICA VERMELHA NORTE GOIANA ESCOLA ITINERANTE. PSQ. CERTIFICAÇÃO. EXTENSIONISMO MINERAL TÉCNICOS E VEÍCULOS DO GOVERNO LOCAL. APL DA CERÂMICA VERMELHA NORTE GOIANA ESCOLA ITINERANTE. PSQ. CERTIFICAÇÃO. EXTENSIONISMO MINERAL TÉCNICOS E VEÍCULOS DO GOVERNO LOCAL.

9 TREINAMENTO ITINERANTE Escolinha de Matérias-Primas e Massas. Escolinha de Queimas. Escolinha de Ajuste de Boquilhas. Escolinha de Custos. Análise Financeira da Empresa. Bloco Estrutural. Blocos para Prédios Urbanos. Transportes sem quebras. Palletização. Telhas Coloridas, PSQ, Certificação, Novos Negócios, Biomassas, Economia Sustentável, Reflorestamento. Professor Edgard Mas Cada noite numa cidade diferente TREINAMENTO ITINERANTE Escolinha de Matérias-Primas e Massas. Escolinha de Queimas. Escolinha de Ajuste de Boquilhas. Escolinha de Custos. Análise Financeira da Empresa. Bloco Estrutural. Blocos para Prédios Urbanos. Transportes sem quebras. Palletização. Telhas Coloridas, PSQ, Certificação, Novos Negócios, Biomassas, Economia Sustentável, Reflorestamento. Professor Edgard Mas Cada noite numa cidade diferente

10

11 ISTO DA CERTO!

12 A ESCOLA ITINERANTE DA CERTO EM SEGUIDA !

13 O TELE-CENTRO TEM UM PRAZO DE MATURAÇÃO !

14 Alguns dos nossos colegas em cidadezinhas remotas ainda não usam a leitura no seu dia a dia. Faz parte da nossa realidade. Nós podemos compreender! Está certo promover a leitura, real e virtual! Está errado esperar o uso intensivo da leitura e dos tele-centros nos primeiros anos. Os operários primeiro tem que ouvir e ver (APL itinerante). Depois eles vão ler, escrever, participar (Tele-Centro). Esta é a evolução natural das coisas! A Alfabetização e a Informatização apresentam um prazo de maturação. Alguns dos nossos colegas em cidadezinhas remotas ainda não usam a leitura no seu dia a dia. Faz parte da nossa realidade. Nós podemos compreender! Está certo promover a leitura, real e virtual! Está errado esperar o uso intensivo da leitura e dos tele-centros nos primeiros anos. Os operários primeiro tem que ouvir e ver (APL itinerante). Depois eles vão ler, escrever, participar (Tele-Centro). Esta é a evolução natural das coisas! A Alfabetização e a Informatização apresentam um prazo de maturação.

15 Dos APLs itinerantes esperamos um contato inicial e treinamento dos operários e empresários oleiros. Dos filhos dos operários esperamos uma curiosidade imensa e brincalhona com os tele-centros de informática. A emergência da classe C ocorrerá com velocidades diferentes entre as gerações de pais e filhos. Os filhos dos oleiros estão estudando administração. Esta é a evolução natural das coisas! A Alfabetização e a Informatização da geração anterior apresenta um prazo de maturação. Entretanto brincar de computador não tem prazo de maturação algum para os meninos. Dos APLs itinerantes esperamos um contato inicial e treinamento dos operários e empresários oleiros. Dos filhos dos operários esperamos uma curiosidade imensa e brincalhona com os tele-centros de informática. A emergência da classe C ocorrerá com velocidades diferentes entre as gerações de pais e filhos. Os filhos dos oleiros estão estudando administração. Esta é a evolução natural das coisas! A Alfabetização e a Informatização da geração anterior apresenta um prazo de maturação. Entretanto brincar de computador não tem prazo de maturação algum para os meninos.

16 A Escola Itinerante com recursos audio-visuais no chão de fábrica oferece contato: IMEDIATO ! O TELECENTRO E A ALFABETIZAÇÃO SÃO INVESTIMENTOS A MÉDIO PRAZO. A escola itinerante é um tratamento missionário para o primeiro contato com as comunidades remotas. A MENSAGEM DO GOVERNO CHEGA LOGO DE INÍCIO !! A Escola Itinerante com recursos audio-visuais no chão de fábrica oferece contato: IMEDIATO ! O TELECENTRO E A ALFABETIZAÇÃO SÃO INVESTIMENTOS A MÉDIO PRAZO. A escola itinerante é um tratamento missionário para o primeiro contato com as comunidades remotas. A MENSAGEM DO GOVERNO CHEGA LOGO DE INÍCIO !!

17 ASSIM VEMOS A POPULAÇÃO BRASILEIRA EM 2020: ROTA DE EMERGÊNCIA: ESCOLAS Escolas Primárias  Inclusão-Alfabetização. Escolas Técnicas  Inclusão pela Profissão.  Fim dos piões e dos bóias frias.  Início da profissionalização.  APLs itinerantes no chão de fábrica.  Tele-Centros. Inclusão pela Informática.  Informatização das olarias e favelas.  A CLASSE C ENTRANDO NO MERCADO. JÁ. ASSIM VEMOS A POPULAÇÃO BRASILEIRA EM 2020: ROTA DE EMERGÊNCIA: ESCOLAS Escolas Primárias  Inclusão-Alfabetização. Escolas Técnicas  Inclusão pela Profissão.  Fim dos piões e dos bóias frias.  Início da profissionalização.  APLs itinerantes no chão de fábrica.  Tele-Centros. Inclusão pela Informática.  Informatização das olarias e favelas.  A CLASSE C ENTRANDO NO MERCADO. JÁ.

18 “A EXPLOSÃO DAS CASAS BAHIA”...  PODEROSO INDICADOR QUANTITATIVO, rastreia: a EMERGENCIA DA CLASSE C no mercado de consumo.  INCLUSÃO SOCIAL GERENCIADA PARA ACONTECER:  INCLUSÃO SOCIAL EM GRANDE ESCALA!!!  Profissionais como nosso colega aqui do lado são os Técnicos e Doutores da nossa orgulhosa, querida, sonhada, “CIVILIZAÇÃO PROFISSIONALIZADA, COR CAFÉ COM LEITE”. “A EXPLOSÃO DAS CASAS BAHIA”...  PODEROSO INDICADOR QUANTITATIVO, rastreia: a EMERGENCIA DA CLASSE C no mercado de consumo.  INCLUSÃO SOCIAL GERENCIADA PARA ACONTECER:  INCLUSÃO SOCIAL EM GRANDE ESCALA!!!  Profissionais como nosso colega aqui do lado são os Técnicos e Doutores da nossa orgulhosa, querida, sonhada, “CIVILIZAÇÃO PROFISSIONALIZADA, COR CAFÉ COM LEITE”.

19 Nosso APL itinerante ministrou cursos na Faculdade de Rubiataba, no chão de fábrica das olarias das 22 cidades e até no salão paroquial da cidade, a noite. O Governo do Estado levou as empresas para visitar a Escola de Cerâmica de São Bernardo, SP, e as telhas coloridas de Santa Catarina. Nunca antes uma coisa assim aconteceu. Os APLs são um marco na História. Governo Federal e Estado trabalharam juntos (MCT e SGM) Nosso APL itinerante ministrou cursos na Faculdade de Rubiataba, no chão de fábrica das olarias das 22 cidades e até no salão paroquial da cidade, a noite. O Governo do Estado levou as empresas para visitar a Escola de Cerâmica de São Bernardo, SP, e as telhas coloridas de Santa Catarina. Nunca antes uma coisa assim aconteceu. Os APLs são um marco na História. Governo Federal e Estado trabalharam juntos (MCT e SGM)

20

21 MAPEAMENTO ANTECIPATIVO COM A MALHA DE FUROS

22

23 APL “Vivemos uma economia de mercado” “Quem pára no tempo, fica para trás”. As “Olarias” necessitam de Rentabilidade, Capitalização, Investimento, Modernização, Projetos, Tecnologia, Análise Financeira, Custos, Reservas Legalizadas de Matéria Prima, Novas Fontes de Energia, Sustentabilidade, Reflorestamento, Biomassas, Laboratório, Controle de Qualidade, Paquímetro,Termopares, Inovação, Produtos, Propaganda, Cursos de Cerâmica, Treinamentos internos, Uso do Computador, Profissionalização, Emprendedorismo. Precisam de Administradores, Engenheiros, Técnicos, vendedores e não tomadores de pedidos... e principalmente, Negócios Diversificados Competitividade, Clientes Urbanos!

24 A QUALIDADE ESTÁ NA MENTE DAS PESSOAS. Vamos plantar a semente? Vamos treinar Operadores? O GOVERNO AJUDA! ( O APL AJUDA! )

25 APL, Arranjo Produtivo Local PSQ, Programa Setorial da Qualidade E SCOLA DE O PERADORES NO CHÃO DE FÁBRICA

26 NÃO ADIANTA DAR QUEIXAS DA MÃO DE OBRA. MELHOR ENSINAR! O APL AJUDA Planilhas de Controle da Qualidade. Liberação dos Lotes.Planilhas de Controle da Qualidade. Liberação dos Lotes. Mural da Qualidade. Comitê da Qualidade. Ações a tomar.Mural da Qualidade. Comitê da Qualidade. Ações a tomar. Treinamento Profissional dos Operadores. Certificados de Curso.Treinamento Profissional dos Operadores. Certificados de Curso. Queima com Gráficos. Queima com Computador.Queima com Gráficos. Queima com Computador. Planilha de Custos. Análise Financeira. Ações a tomar.Planilha de Custos. Análise Financeira. Ações a tomar. Análise das Matérias Primas. Serventia das Matérias Primas.Análise das Matérias Primas. Serventia das Matérias Primas. Teor de Saibro e de Areia das Matérias Primas. Resistência MPaTeor de Saibro e de Areia das Matérias Primas. Resistência MPa Matérias primas fáceis de secar.Matérias primas fáceis de secar. Matérias primas para Alta Resistência de Queima.Matérias primas para Alta Resistência de Queima. Novos negócios. Projetos de Expansão.Novos negócios. Projetos de Expansão. Projetos de Financiamento.Projetos de Financiamento. Relação Custo / Benefício.Relação Custo / Benefício. Planilhas de Custo de Reflorestamento.Planilhas de Custo de Reflorestamento.

27 Escolas fixas e APLs itinerantes se complementam muito bem! (Escola CEFET Uruaçu)

28

29 A UNIFORMIDADE DA QUEIMA QUE ACABA COM BRASA !

30 APL : ENSINAR É SEMEAR. ORGANIZAR É CONSTRUIR APL ITINERANTE

31 MENTORES DO NOSSO APL NORTE GOIANO: 1)PELO GOVERNO FEDERAL, MCT Dr. Alzivir Dr. Alzivir 2) PELO GOVERNO DO ESTADO: SMG, Dr. Luiz Fernando Magalhães, SMG, Dr. Luiz Fernando Magalhães, Os Técnicos de Mineração, Ivanilson, Bené, Sérgio.. Os Técnicos de Mineração, Ivanilson, Bené, Sérgio.. 3) PELA ASCENO Presidente Walter Nunes, Vice Belmonte Cavalcante. Presidente Walter Nunes, Vice Belmonte Cavalcante.


Carregar ppt "APL s: O QUE DA CERTO? O que da errado?. Rede APL Mineral Somos muitos APLS. Somos uma REDE nacional."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google