A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A ÁGUA NOS CONTINENTES Disciplina: Geografia Professora: Ms. Graziella Fernandes de Castro Montes Claros, MG.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A ÁGUA NOS CONTINENTES Disciplina: Geografia Professora: Ms. Graziella Fernandes de Castro Montes Claros, MG."— Transcrição da apresentação:

1 A ÁGUA NOS CONTINENTES Disciplina: Geografia Professora: Ms. Graziella Fernandes de Castro Montes Claros, MG.

2 DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA NO MUNDO OCEANOS E MARES: 97,5% é salgada. OCEANOS E MARES: 97,5% é salgada. ÁGUAS CONGELADAS: 1,73%. ÁGUAS CONGELADAS: 1,73%. ÁGUAS SUBTERRÂNEAS: 0,76%. ÁGUAS SUBTERRÂNEAS: 0,76%. LAGOS, PÂNTANOS E RIOS: 0,01%. LAGOS, PÂNTANOS E RIOS: 0,01%.

3 O CONTINENTE QUE MAIS SOFRE COM A FALTA DE ÁGUA É A?

4

5

6 CICLO DA ÁGUA A ÁGUA ESTÁ EM PERMANENTE TRANSFORMAÇÃO, PASSANDO DE UM ESTADO PARA OUTRO... A ÁGUA ESTÁ EM PERMANENTE TRANSFORMAÇÃO, PASSANDO DE UM ESTADO PARA OUTRO... SÓLIDA LÍQUIDA GASOSA

7

8 ONDE ESTÁ A ÁGUA DOCE? Nos rios, nos lagos, nas geleiras e nas águas subterrâneas.

9 RIOS São cursos de água que nascem nas partes mais altas de um relevo e escoam para as partes mais baixas. São cursos de água que nascem nas partes mais altas de um relevo e escoam para as partes mais baixas.

10 Nascente (local onde o rio nasce) Nascente (local onde o rio nasce) Cachoeira (queda d’água) Cachoeira (queda d’água) Corredeira Corredeira Meandros (leito sinuoso, curvas) Meandros (leito sinuoso, curvas) Margem (faixa de terra ao lado dos rios) Margem (faixa de terra ao lado dos rios) Canal ou leito (local por onde escoam as águas) Canal ou leito (local por onde escoam as águas) Foz (local onde o rio deságua no mar ou em outro rio ou em um lago) Foz (local onde o rio deságua no mar ou em outro rio ou em um lago) PARTES DO RIO

11 NASCENTE

12 CACHOEIRA

13 LEITO MARGENS MEANDROS

14 FOZ

15 Um rio corre sempre da área de maior altitude (nascente) para a área de menor altitude (Foz). Um rio corre sempre da área de maior altitude (nascente) para a área de menor altitude (Foz).

16 BACIA OU REDE HIDROGRÁFICA SUBAFLUENTE AFLUENTE RIO PRINCIPAL NASCENTE FOZ

17

18

19 Para lembrar! Regime fluvial: é a variação do volume de água de um rio no período de um ano. Regime fluvial: é a variação do volume de água de um rio no período de um ano. Os rios existentes em um espaço geográfico formam uma REDE FLUVIAL. Os rios existentes em um espaço geográfico formam uma REDE FLUVIAL. BACIA HIDROGRÁFICA: é a área drenada por um rio principal e seus afluentes e subafluentes. BACIA HIDROGRÁFICA: é a área drenada por um rio principal e seus afluentes e subafluentes.

20 TIPOS DE RIOS RIOS DE PLANÍCIES RIOS DE PLANÍCIES RIOS DE PLANALTO RIOS DE PLANALTO RIOS PERENES RIOS PERENES RIOS INTERMITENTES OU TEMPORÁRIOS RIOS INTERMITENTES OU TEMPORÁRIOS

21 RIO DE PLANÍCIE Não apresenta queda d’água. Utilizado para: pesca, lazer e navegação.

22 RIO DE PLANALTO Apresenta queda d’água. Utilizado para: Geração de Energia e alguns esportes.

23 RIO DE PERENE Apresenta água durante todo o ano.

24 RIO INTERMITENTE OU TEMPORÁRIO ÉPOCA DE SECA. O rio seca!

25 RIO DE INTERMITENTE OU TEMPORÁRIO ÉPOCA DE CHEIA. Volta a ter água em seu leito!

26 ÁGUAS SUBTERRÂNEAS CERCA DE ¼ DA ÁGUA DOCE EXISTENTE NOS CONTINENTES É SUBTERRÂNEA. CERCA DE ¼ DA ÁGUA DOCE EXISTENTE NOS CONTINENTES É SUBTERRÂNEA. QUANDO ESSA ÁGUA CHEGA À SUPERFÍCIE, FORMAM-SE AS NASCENTES DOS RIOS E DOS LAGOS. QUANDO ESSA ÁGUA CHEGA À SUPERFÍCIE, FORMAM-SE AS NASCENTES DOS RIOS E DOS LAGOS.

27 RIOS OU LENÇÓIS SUBTERRÂNEOS É um reservatório de água encontrado na camada do solo mais próxima da superfície. Poços que abastecem casas e povoados distantes de rios.

28 RIOS OU LENÇÓIS SUBTERRÂNEOS

29

30 LENÇOL ARTESIANO 1 2 É um reservatório de água localizado em uma camada mais profunda do solo.

31

32

33 LAGOS ORIGINADOS PELO ACÚMULO DE ÁGUA EM ÁREAS MAIS BAIXAS DE UM TERRENO. ORIGINADOS PELO ACÚMULO DE ÁGUA EM ÁREAS MAIS BAIXAS DE UM TERRENO. PODEM SER: FECHADOS OU ARTIFICIAIS. PODEM SER: FECHADOS OU ARTIFICIAIS.

34 Lago fechado Aquele que não possuem uma passagem por onde a água possa escoar. As substâncias levadas pelas chuvas ou rios acumulam e tornam o lago salgado (concentração de mineral).

35 LAGO PARANOÁ BRASÍLIA-DF LAGO DA PAMPULHA BELO HORIZONTE - MG Lago artificial

36 Observação: A maioria dos lagos, porém, apresenta uma saída de água, formando um RIO EMISSÁRIO, ou seja, a água do lago não fica completamente parada. A maioria dos lagos, porém, apresenta uma saída de água, formando um RIO EMISSÁRIO, ou seja, a água do lago não fica completamente parada. Nesse caso é considerado água doce. Nesse caso é considerado água doce.

37 GELEIRAS SÃO MASSAS DE GELO FORMADAS EM REGIÕES DE ELEVADAS ALTITUDES OU EM ZONAS POLARES. SÃO MASSAS DE GELO FORMADAS EM REGIÕES DE ELEVADAS ALTITUDES OU EM ZONAS POLARES.

38 TAREFA: PÁGINAS 84 E 85.

39 Referência Projeto Araribá: geografia. Ensino Fundamental. São Paulo: Ed. Moderna, páginas 78 a 82. Imagens: Sites diversos.


Carregar ppt "A ÁGUA NOS CONTINENTES Disciplina: Geografia Professora: Ms. Graziella Fernandes de Castro Montes Claros, MG."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google