A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CONHECIMENTO E MÉTODOS CIENTÍFICOS Universidade Federal de Alagoas Campus Sertão – Delmiro Gouveia Curso de Graduação em Geografia – Licenciatura.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CONHECIMENTO E MÉTODOS CIENTÍFICOS Universidade Federal de Alagoas Campus Sertão – Delmiro Gouveia Curso de Graduação em Geografia – Licenciatura."— Transcrição da apresentação:

1 CONHECIMENTO E MÉTODOS CIENTÍFICOS Universidade Federal de Alagoas Campus Sertão – Delmiro Gouveia Curso de Graduação em Geografia – Licenciatura

2 SUMÁRIO: Apresentação Introdução O Conhecimento Conhecimento do Senso Comum Conhecimento Científico Lógica e Dialética Conceito de Método Conceito de Metodologia Método dedutivo Método indutivo Método hipotético-dedutivo Método dialético Positivismo Estruturalismo Historicismo Culturalismo

3 APRESENTAÇÃO Este projeto tem como objetivo levar o debate da produção do conhecimento para aqueles que estão iniciando a vida acadêmica.

4 INTRODUÇÃO Esse trabalho: Faz uma analise sobre a ciência e o senso comum, apresentando conceitos, características e similaridade entre ambos; Aborda as problemáticas relacionadas a essa nova realidade e os limites que demarca a ciência do senso comum; Faz uma relação das novas convicções que o homem esta recriando, bem como essa transformação do mundo e a possibilidade de um novo diálogo da ciência com o senso comum.

5 O CONHECIMENTO O conhecimento é o ato ou efeito de abstrair idéia ou noção de alguma coisa; O conhecimento é uma forma de estabelecer uma relação entre o que conhecemos e ao fato ou fenômeno que desejamos conhecer.

6 CONHECIMENTO CientíficoDo senso comum Assistemático e pouco explicativo Sistemático e explicativo

7 SENSO COMUM E CONHECIMENTO CIENTÍFICO clicksociologico.blogspot.c...

8 O CONHECIMENTO DO SENSO COMUM Compreensão das coisas por meio do saber popular, um saber imediato, subjuntivo, acrítico, não busca a cientificidade para uma comprovação do verdadeiro; O senso comum é aplicado antes mesmo que se saiba se o método empregado traz o resultado esperado.

9 O CONHECIMENTO DO SENSO COMUM C. Jthoai.blogspot.com.br

10 CARACTERÍSTICAS DO CONHECIMENTO DO SENSO COMUM Assistemático e pouco explicativo; Solução de problemas imediatos e espontaneidade; Caráter utilitarista; Subjetividade e baixo poder de crítica; Linguagem e baixo poder de crítica; Desconhecimento dos limites de validade;

11 O CONHECIMENTO CIENTÍFICO projetoterra7b.blogspot.com É o conhecimento racional, sistemático, exato e verificável da realidade. Sua origem está nos procedimentos de verificação baseados na metodologia científica.

12 CARACTERÍTICAS DO CONHECIMENTO CIENTÍFICO Busca de princípios explicativos e visão unitária da realidade; Dúvida, investigação e conhecimento; Ideal da racionalidade e a verdade sintática; Ideal da objetividade e a verdade semântica; Verdade pragmática; Linguagem específica e poder de crítica; Historicidade de critérios de cientificidade; Caráter hipotético.

13 LÓGICA E DIALÉTICA A lógica examina de forma genérica as formas que a argumentação pode tomar, quais dessas formas são válidas e quais são falaciosas; Dialética é um método de diálogo cujo foco é a contraposição e contradição de ideias que leva a outras idéias.

14 LÓGICA E DIALÉTICA A.

15 CONCEITO DE MÉTODO Caminho pelo qual se chega a determinado resultado; Seleção de técnicas para uma ação científica; Forma de proceder ao longo de um caminho; Enfatiza as regras e organiza a atividade científica; Ordem de processos para se atingir um fim; Conjunto de procedimentos racionais ou práticas racionais que orientam o pensamento na busca de conhecimentos válidos; Conjunto de processos que o espírito humano deve empregar na investigação e demonstração da verdade.

16 CONCEITO DE MÉTODOLOGIA Caminho ou a via para a realização de algo; Metodologia é o campo em que se estuda os melhores métodos praticados em determinada área para a produção do conhecimento; Cada área possui uma metodologia própria. A metodologia de ensino é a aplicação de diferentes métodos no processo ensino- aprendizagem; A metodologia do trabalho científico é a parte em que é feita uma descrição minuciosa e rigorosa do objeto de estudo e das técnicas utilizadas nas atividades de pesquisa.

17 MÉTODO DEDUTIVO A dedução é uma argumentação que torna explícitas verdades particulares contidas em verdades universais; Trata-se assim de uma verdade/realidade que tem como ponto de partida um fenômeno universal que ditará o entendimento de uma dada particularidade; Incumbe-se ao método dedutivo o entendimento da particularidade por meio de fatos /acontecimentos gerais.

18 EXEMPLO DO MÉTODO DEDUTIVO Considerando Paulo um empresário, e que essa classe (classe de empresários) é bem sucedida, logo se conclui que Paulo também é bem sucedido.

19 MÉTODO INDUTIVO Indução é uma forma de conhecimento que chega a afirmar uma verdade geral a partir de verdades particulares; O método indutivo apoia-se numa realidade/verdade particular, induzindo o entendimento universal a partir de elementos peculiares presentes numa realidade/ fenômeno local.

20 EXEMPLO DO MÉTODO INDUTIVO A pesquisa eleitoral é um exemplo do raciocínio indutivo. Através da amostragem de eleitores realiza-se a pesquisa que irá ser utilizada para encontrar o porcentagem/percentual de votos de cada um dos candidatos.

21 MÉTODO HIPOTÉTICO-DEDUTIVO Este sistema estipula que as teorias científicas nunca podem ser consideradas como verdadeiras, mas como não refutadas (não descartadas).

22 MÉTODO DIALÉTICO bipedepensante.blogspot.com O método dialético parte da premissa de que, na natureza, tudo se relaciona, se transforma e há sempre uma contradição inerente a cada fenômeno; O método dialético exalta a dialeticidade presente na natureza das coisas e trata da dinâmica existente no mundo, suas relações e interconexões, quebrando assim uma rigidez presente na produção de conhecimento.

23 MÉTODO DIALÉTICO bipedepensante.blogspot.com O conhecimento.

24 POSITIVISMO Positivismo é a visão de que o inquérito científico sério não deveria procurar causas últimas que derivem de alguma fonte externa, mas, sim, confinar-se ao estudo de relações existentes entre fatos que são diretamente acessíveis pela observação; Os positivistas abandonaram a busca pela explicação de fenômenos externos, como a criação do homem, por exemplo, para buscar explicar coisas mais práticas e presentes na vida do homem, como no caso das leis, das relações sociais e da ética. bipedepensante.blogspot.com

25 ESTRUTURALISMO O Estruturalismo é uma modalidade de pensar e um método de análise praticado nas ciências do século XX, especialmente nas áreas das humanidades; Metodologicamente, analisa sistemas em grande escala examinando as relações e as funções dos elementos que constituem tais sistemas, que são inúmeros, variando das línguas humanas e das práticas culturais aos contos folclóricos e aos textos literários. bipedepensante.blogspot.com

26 HISTORICISMO Historicismo designa, em termos gerais, uma forma de abordagem dos fenômenos e das culturas humanas; O historicismo fundamenta-se na noção de que as configurações do mundo humano, num dado momento presente, sempre são o resultado de processos históricos de formação, os quais são passíveis de ser mentalmente reconstruídos e, portanto, compreendidos.

27 CULTURALISMO O culturalismo se traduz no destaque do papel da cultura na organização das condutas e dos fenômenos coletivos; É um ponto de vista que encarreira pelo determinismo cultural entendendo que todas as realidades estudadas são explicáveis através da análise de fatores culturais, isto é, através da rede de significados que constitui a cultura.

28 CULTURALISMO chicosvisionvip.blogspot.co...

29 REFERÊNCIAS: CHAUI Marilena. In: Convite à Filosofia, Ed. Ática, São Paulo, 2000,Unidade 1, Capítulo 3 p 48; DIAS, Cláudia e FERNANDES Denise,Brasília, março 2000; FERREIRA, Aurélio Buarque de Holanda. In Novo dicionário Aurélio da língua portuguesa. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, p ª edição; KÖCHE, José Carlos. Fundamentos de Metodologia Científica: teoria da ciência e prática da pesquisa. 19. ed. Petrópolis: Vozes, 2001; MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria.Metodologia; RAMPAZZO, lino metodologia cientifica, edições loyla; 3ª edição científica4.ed.São Paulo: Atlas, p.15-43;

30 OBRIGADO! Equipe: Cícero Romão da Silva Isabela Soares de Oliveira Gilmar de Sá Soares José Fábio Oliveira Moises Lisboa -Orientação: Prof. Kleber Costa da Silva Apoio:


Carregar ppt "CONHECIMENTO E MÉTODOS CIENTÍFICOS Universidade Federal de Alagoas Campus Sertão – Delmiro Gouveia Curso de Graduação em Geografia – Licenciatura."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google